Publicidade

Arquivo de junho, 2013

segunda-feira, 3 de junho de 2013 Promoções | 12:37

Sorteio de um cachecol da Alemanha

Compartilhe: Twitter

Para celebrar a ótima temporada do futebol alemão e o inverno que já está chegando aqui no Brasil, vou presentear um leitor do blog com esse lindo cachecol da Alemanha, da “Cachecol Mania“. Querem? Então vamos lá.

Basta responder à pergunta: Quem era o lateral esquerdo reserva do Freiburg na temporada 1966/1967 e qual era o nome dos seus 5 irmãos?

Tá bom, brincadeira. Não precisa responder nenhuma pergunta. É sorteio mesmo. Dá para participar por e-mail, Facebook ou Twitter. Por e-mail, envie uma mensagem para futebolalemao@ig.com.br com o assunto “Cachecol da Alemanha”. Não esqueça de colocar seu nome e endereço completos.

Pelo Twitter, tem que me seguir, claro, e mandar a mensagem para @alemao_mario com a hashtag #cachecolalemanha. Mais ou menos assim: “@alemao_mario quero participar do sorteio #cachecolalemanha”. Sem segredo.

Já pelo Facebook, é só curtir a página do Blog do Alemão – www.facebook.com/blogalemao – e comentar no post da promoção, clicando aqui. Mas tem que ser neste post específico, senão não vale. E é só escrever que quer participar do sorteio.

O vencedor sai na próxima sexta-feira, dia 7 de junho. E é aquele esquema. Só vale uma pessoa por endereço e tal, senão vira bagunça colocando nome da mãe, pai, cachorro, papagaio. Como diria Gugu Liberato: Valendo!

Autor: Tags: , , ,

domingo, 2 de junho de 2013 Amistosos, Seleção da Alemanha, Vídeos | 17:46

Stegen falha feio, e time reserva apanha dos EUA

Compartilhe: Twitter

No segundo amistoso com o time reserva, a Alemanha até que não jogou tão mal contra os Estados Unidos, em Washington, mas foi derrotada por 4 a 3. O jogo foi marcado pelos muitos erros de marcação do sistema defensivo e pela falha bisonha do goleiro ter Stegen. E, claro, teve a zica da camisa verde, que não dá sorte nunca. É linda, mas já dá para aposentar.

► Clique aqui e confira a agenda de jogos completa da Alemanha

O time germânico começou bem e quase abriu o placar com Mertesacker. Porém, foram os norte-americanos que saíram na frente. Aos 13 minutos, após cruzamento da direita, o atacante Jozy Altidore, sozinho no meio da área, acertou um belo chute de primeira para vencer o goleiro ter Stegen. Falha no miolo de zaga da Nationalelf.

Por falar em falha, o segundo gol dos EUA saiu num erro grotesco do arqueiro alemão. Aos 17, Höwedes recuou a bola para Stegen, que se enrolou todo no domínio e deixou ela entrar no gol. Deu dó. O camisa 1 do Borussia M’gladbach é jovem e um excelente goleiro, mas na seleção ele dá um azar danado.

Confere o lance no vídeo:

Mesmo levando dois gols em menos de cinco minutos, a Alemanha seguiu jogando melhor, mantendo mais a posse de bola, mas sem conseguir ameaçar o gol de Howard. Klose até chegou a balançar as redes, mas o árbitro marcou impedimento. E acertou.

Na segunda etapa, Löw mexeu no time e colocou Westermann, Wollscheid, Aogo e Kruse. A seleção continuou melhor que os EUA e conseguiu diminuir aos sete minutos, justamente em jogada de dois atletas que haviam acabado de entrar. Kruse cobrou escanteio e Westermann cabeceou firme para marcar o gol.

Quando o empate parecia próximo, os donos da casa ampliaram. Altidore cruzou da esquerda, mais uma vez a defesa ficou parada e Dempsey apareceu livre no meio da área para fuzilar. Quatro minutos mais tarde, o mesmo Dempsey arriscou de fora da área e marcou um belo gol. Stegen estava adiantado, na risca da pequena área, e não alcançou a bola.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

A goleada estava feia, então a equipe tratou de deixar o placar menos vexatório. Aos 34, Kruse arriscou de fora e acertou o canto, diminuindo o prejuízo. Dois minutos depois, Sidney Sam finalizou cruzado, o goleiro dos EUA espalmou e Draxler marcou o terceiro gol alemão no rebote.  Os minutos finais foram de pressão germânica, mas ficou nisso.

E o saldo destes dois amistosos que a Alemanha fez com o time reserva? Três jogadores agradaram bastante e podem até figurar nas próximas convocações, mesmo com a volta dos atletas de Bayern, Dortmund e Real Madrid: Jansen, Kruse e Sam. No duelo contra os EUA, os dois últimos entraram no segundo tempo e deram mais movimentação à equipe.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

Por outro lado, ter Stegen ainda vai ter que ralar muito no seu clube para tentar voltar. Podolski foi bem no primeiro jogo, contra o Equador, mas não tão bem neste domingo. Schürrle também não aproveitou muito bem a chance de se firmar de vez na equipe.

Próximo jogo da seleção alemã é só em agosto, no dia 14, em amistoso contra o Paraguai, na cidade de Kaiserslautern.

Notas dos jogadores:

ter Stegen 3,0, Lars Bender 4,5 (Westermann 6,0), Mertesacker 6,5 (Wollscheid 5,0), Höwedes 5,5 e Jansen 6,5 (Aogo 5,0); Sven Bender 6,0 (Kruse 7,5), Reinartz 6,0 e Draxler 6,5; Schürrle 6,5 (Sidney Sam 7,0), Podolski 6,0 e Klose 5,0 (Nicolai Müller Sem nota)

Autor: Tags: , , , , ,

sábado, 1 de junho de 2013 Amistosos, Seleção da Alemanha | 21:03

Seleção joga e Klose busca recorde de Gerd Müller

Compartilhe: Twitter

A seleção alemã volta a campo neste domingo e faz seu último amistoso da temporada européia. Depois, a Nationalelf só entra em campo no mês de agosto. E para encarar os Estados Unidos, o técnico Joachim Löw terá os reforços de Klose e Sven Bender, que não atuaram na vitória do meio da semana passada diante do Equador. O meia Grosskreutz também era esperado, mas se machucou na final da Champions e virou desfalque.

► Clique aqui e confira a agenda de jogos completa da Alemanha

Alemanha x EUA na Copa de 2002

Quando: 02/06/2013, domingo
Onde: RFK Memorial Stadium, Washington (EUA)
Porque: Amistoso
Horário: 15h30 (de Brasília)
Ao vivo na TV: Sportv 2

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

E o time deverá ser diferente daquele que bateu os equatorianos, levando em consideração os treinamentos realizados antes do duelo contra os norte-americanos. O goleirão ter Stegen deve ter uma oportunidade no lugar de Adler, assim como Aogo, Reinartz e Schürrle. Lars Bender assume a lateral direita, e o zagueiro Höwedes vai jogar na sua posição de origem. E, claro, Klose lá no ataque, com Kruse ficando como opção na reserva.

O time deve ser esse: ter Stegen, Lars Bender, Mertesacker, Höwedes e Aogo; Sven Bender, Reinartz e Draxler; Schürrle, Podolski e Klose.

Palpite? Jogo difícil, ainda mais com a Alemanha toda desfigurada. Um empate fora de casa está bom demais: 2 a 2, dois gols de Klose. Aliás, Miro está apenas um tento atrás de Gerd Müller (68 a 67) e tem tudo para igualar ou passar a lenda alemã na artilharia de toda história da seleção.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

A história do confronto Alemanha x Estados Unidos é curta e recente, já que as seleções começaram a se enfrentar somente a partir da década de 90. Até hoje, foram oito partidas, com seis vitórias alemãs e duas norte-americanas – a Nationalelf marcou 18 gols e sofreu 11.

Confira abaixo todos os jogos da história:

22 de março de 2006
Amistoso em Dortmund (ALE)
Alemanha 4 x 1 Estados Unidos

21 de junho de 2002
Quartas da Copa do Mundo, em Ulsan (COR)
Alemanha 1 x 0 Estados Unidos

27 de março de 2002
Amistoso em Rostock (ALE)
Alemanha 4 x 2 Estados Unidos

30 de julho de 1999
Fase de grupos da Copa das Confederações, em Guadalajara (MEX)
Estados Unidos 2 x 0 Alemanha

06 de fevereiro de 1999
Amistoso em Jacksonville (EUA)
Estados Unidos 3 x 0 Alemanha

15 de junho de 1998
Fase de grupos da Copa do Mundo, em Paris (FRA)
Alemanha 2 x 0 Estados Unidos

18 de dezembro de 1993
Amistoso em San Francisco (EUA)
Estados Unidos 0 x 3 Alemanha

16 de junho de 1993
US Cup, em Chicago (EUA)
Estados Unidos 3 x 4 Alemanha

Autor: Tags: , , , ,

Copa da Alemanha | 16:53

Bayern de Munique conquista a tríplice coroa

Compartilhe: Twitter

Robben na foto do título com a camisa 4 do brasileiro Dante, que estava na seleção brasileira (clique e amplie)

A temporada mágica do Bayern de Munique está completa. A inédita tríplice coroa veio com a vitória por 3 a 2 diante do Stuttgart na emocionante final da Copa da Alemanha, no estádio Olímpico de Berlim, gols de Thomas Müller e Mario Gomez (2). Harnik anotou os dois tentos dos Schwaben.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

O clube se tornou o primeiro alemão a conquistar a liga nacional, a copa nacional e a Champions League na mesma temporada. Na Europa, o Bayern é apenas o 7º time a alcançar o feito: Celtic-ESC em 1966/67, Ajax-HOL em 1971/72, PSV-HOL em 1987/88, Manchester United-ING em 1998/99, Barcelona-ESP em 2008/09 e Inter de Milão-ITA em 2009/10.

Mario Gomez marcou dois gols

Que venha o Mundial de Clubes, em dezembro!

E foi um jogaço para mais de 74 mil pessoas na capital da Alemanha. O primeiro tempo foi bastante equilibrado, com os goleiros Neuer e Ulreich trabalhando demais. O Stuttgart não se intimidou com a força bávara e conseguiu criar algumas boas chances de perigo. O Bayern também apareceu bem no ataque, como sempre.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

O resultado começou a ser construído no fim da primeira etapa. Lahm foi derrubado na área e Thomas Müller cobrou o pênalti com categoria, aos 37 minutos. Na volta do intervalo, Mario Gomez ampliou aos três minutos, aproveitando assistência de Lahm, e marcou o terceiro do Bayern aos 16, após cruzamento de Müller.

Título garantido? Nada disso. O Stuttgart foi valente, acordou e assustou.

Harnik anota o segundo do Stuttgart

Aos 26 minutos, o austríaco Harnik subiu mais que a zaga do Bayern e anotou o primeiro gol dos Schwaben no duelo. Mais tarde, aos 35, o mesmo Harnik aproveitou rebote de Neuer para marcar o segundo do Stuttgart e colocar fogo na partida nos minutos finais.

No último lance do jogo, Tasci conseguiu ganhar da zaga do Bayern no alto e cabeceou no canto de Neuer, que fez a defesa para garantir o 16º título do time de Munique na história da DFB Pokal. O Stuttgart tem três conquistas.

Considerações: O Bayern teve razão ao reclamar da ausência de Dante nesta partida. O brasileiro fez muita falta ali no miolo de zaga, principalmente quando o Stuttgart foi para o tudo ou nada. O jogo marcou a despedida do volante Tymoschuk e do técnico Jupp Heynckes dos Bávaros. Além deles, Mario Gomez e Robben também podem ter feito a última partida com a camisa vermelha.

Autor: Tags: , , , , ,