Publicidade

Arquivo de novembro, 2013

sexta-feira, 29 de novembro de 2013 Bundesliga | 11:00

Programação e palpites da 14ª rodada

Compartilhe: Twitter

Como o tempo é curto, vamos direto à programação e aos palpites da 14ª rodada da Bundesliga. Vale lembrar que a ESPN deve passar cinco dos nove jogos, incluindo as partidas de Bayern de Munique, Bayer Leverkusen e Borussia Dortmund, os três primeiros colocados na tabela de classificação. Tem também a transmissão de Schalke x Stuttgart, duelo que promete ser movimentado.

Sexta, 29 de novembro
Wolfsburg 2 x 0 Hamburgo (17h30 – ESPN +)

Sábado, 30 de novembro
Bayern de Munique 5 x 0 Braunschweig (12h30 – ESPN Brasil)
Bayer Leverkusen 2 x 0 Nuremberg
Hoffenheim 1 x 1 Werder Bremen
Mainz 1 x 2 Borussia Dortmund (12h30 – ESPN)
Hertha Berlim 2 x 1 Augsburg
Schalke 3 x 1 Stuttgart (15h30 – ESPN Brasil)

Domingo, 1º de dezembro
Hannover 1 x 1 Eintracht Frankfurt (12h30 – ESPN +)
Borussia M’gladbach 4 x 2 Freiburg

Logo da Bundesliga

Autor: Tags: , , ,

quinta-feira, 28 de novembro de 2013 Liga Europa | 21:10

Frankfurt se classifica como líder, e Freiburg fica perto da vaga

Compartilhe: Twitter

Os dois times alemães que entraram em campo nesta quinta-feira pela Liga Europa venceram. E venceram longe de seus torcedores. Na França, o Eintracht Frankfurt fez 1 a 0 no Bordeaux e garantiu classificação à próxima fase como líder do grupo F – o gol do triunfo foi anotado por Lanig. Com 12 pontos, as Águias não podem ser mais alcançadas na ponta e só cumprem tabela na rodada final, diante do APOEL Nicosia, do Chipre, em casa.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

FBL-EUR-C3-FC-SLOVAN-LIBEREC-SC-FREIBURGJá o Freiburg foi de quase eliminado a quase classificado na chave H. Na República Tcheca, a equipe germânica bateu o Liberec por 2 a 1, tentos de Ginter e Coquelin, chegando à segunda colocação do grupo com seis pontos, mesma pontuação dos tchecos, mas levando vantagem nos critérios de desempate. O líder é o Sevilla, que tem nove.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

O último jogo dos alemães é justamente diante dos espanhóis, em casa. Uma vitória simples já garante uma vaga na etapa seguinte da competição – triunfo por 3 a 0, inclusive, classifica a equipe como líder da chave. Se o Freiburg empatar com o Sevilla, torce para que o Liberec não vença o Estoril, em Portugal. Agora, se o Freiburg perder, está eliminado, já que será obrigatoriamente ultrapassado por tchecos ou portugueses.

Autor: Tags: , , , ,

quarta-feira, 27 de novembro de 2013 Liga dos Campeões | 19:34

Bayern passeia na Rússia, e Leverkusen apanha em casa

Compartilhe: Twitter

PFC CSKA Moskva v FC Bayern Muenchen - UEFA Champions LeagueO Bayern de Munique segue soberano e imbatível na Liga dos Campeões. Nesta quarta-feira, os Bávaros visitaram o CSKA, na gelada Moscou, e enfiaram 3 a 1, alcançando sua 10ª vitória consecutiva na competição – contando, claro, a campanha da temporada passada. Um recorde absoluto na história da Champions League.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

Debaixo de muita neve, os alemães conseguiram segurar a pressão inicial dos russos e abriram o placar com Robben, aos 17 minutos, aproveitando cruzamento de Müller. No segundo tempo, o Bayern ampliou com um golaço de Götze, que driblou metade do time adversário. O japonês Honda marcou para os anfitriões batendo pênalti cometido por Dante, mas, também de pênalti, Müller decretou o triunfo dos visitantes.

A nota preocupante do jogo ficou por conta do capitão Philipp Lahm, que teve uma lesão muscular e deixou o duelo ainda no primeiro tempo. O Mundial de Clubes está chegando, hein?

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

A vitória mantém o Bayern de Munique na liderança absoluta do grupo D, com 15 pontos e 100% de aproveitamento. A equipe de Pep Guardiola só perde a primeira posição se, na última rodada, for derrotado pelo vice-líder Manchester City por dois ou mais gols de diferença, dentro da Allianz Arena.

Bayer Leverkusen v Manchester United -- UEFA Champions LeagueJá o Bayer Leverkusen se complicou na Champions. A paulada de 5 a 0 que levou do Manchester United, jogando em casa, derrubou os Leões para terceira posição da chave A com sete pontos, um atrás do Shakhtar Donetsk, segundo colocado. Os ingleses chegaram aos 11 pontos, lideram e garantiram uma vaga nas oitavas de final do torneio.

Na última rodada, o Leverkusen pega a Real Sociedad fora de casa e um empate serve para avançar de fase, desde que o Manchester United vença o Shakhtar, na Inglaterra. Se der empate em Manchester, o time alemão precisa vencer na Espanha. Agora, se a Real Sociedad ou Shakhtar vencerem, o Bayer está eliminado.

Jogando na BayArena, o time germânico foi totalmente submisso ao Manchester United. O primeiro tempo teve um amplo domínio dos ingleses, que foram para o intervalo vencendo por 2 a 0, gols de Valencia e Spahic, contra. Na etapa final, os visitantes seguiram mandando na partida e transformaram o triunfo em goleada, gols de Evans, Smalling e Nani. Ficou barato, poderia ser um vexame maior.

Agora, se for para o Bayer Leverkusen passar esses vexames, que fique com uma vaga na Liga Europa. Capaz de ser humilhado nas oitavas de final da Champions, caso avance.

Autor: Tags: , , , , ,

terça-feira, 26 de novembro de 2013 Liga dos Campeões | 19:49

Dortmund bate o Napoli e Schalke só empata na Romênia

Compartilhe: Twitter

Dois alemães entraram em campo nesta terça-feira pela Liga dos Campeões. O Borussia Dortmund recebeu o Napoli e venceu por 3 a 1, ultrapassando o rival na tabela de classificação, enquanto o Schalke não passou de um empate sem gols diante do Steaua Bucareste, na Romênia, e perdeu a vice-liderança da chave para o Basel.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

Borussia Dortmund v SSC Napoli - UEFA Champions League

No Westfalenstadion, o Borussia Dortmund começou o jogo partindo com tudo para cima do Napoli, tanto que conseguiu abrir o placar logo aos 10 minutos, com Reus batendo pênalti.

O time alemão continuou melhor até metade da etapa inicial, quando os italianos igualaram as ações e tiveram algumas oportunidades para empatar. Na melhor delas, Callejon acertou a trave de Weindenfeller. Vale destacar também que Lewandowski perdeu duas chances claríssimas para ampliar. Na primeira ele chutou para fora e a segunda parou no goleiro Reina.

A partida foi eletrizante na etapa final, com ambos os times buscando o gol. E quem marcou foi o Dortmund, após rápido contra-ataque puxado por Reus e completado por Kuba. O segundo tento dos alemães saiu logo após uma defesa impressionante de Weidenfeller, cara a cara com Higuaín. Os visitantes diminuíram com Insigne, mas Aubameyang decretou o placar final.

E que partida do Mkhitaryan! Melhor em campo, disparado. Quase fez um golaço.

A vitória recoloca o BVB na segunda colocação do grupo F, com a mesma pontuação do Napoli – nove pontos -, mas levando vantagem nos critérios de desempate. Na última rodada, o time alemão encara o lanterna e já eliminado Olympique de Marselha, na França, e se vencer garante vaga nas oitavas. Os italianos recebem o líder Arsenal, que tem 12 pontos.

FBL-EUR-C1-STEAUA-BUCHAREST-SCHALKEE o Schalke, hein? O primeiro tempo em Bucareste foi sonolento, com poucas chances de gols para as duas equipes, um susto aqui, outro ali, e um gol anulado dos Azuis-Reais. A metade final da partida foi um pouco mais movimentada, com boas chances para as duas equipes. O placar, porém, não foi alterado e ficou no 0 a 0.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

Como o Basel derrotou o Chelsea na outra partida da chave E, o Schalke caiu para terceira colocação e terá que vencer os suíços, em casa, no fechamento da fase de grupos. Os alemães têm 7 pontos, contra 8 do rival. O Chelsea segue na ponta com 9 pontos.

Autor: Tags: ,

segunda-feira, 25 de novembro de 2013 Bundesliga, Vídeos | 13:10

Götze marca contra BVB, e Guardiola ameaça dispensar atletas

Compartilhe: Twitter
Mario Götze não comemorou o seu gol contra o Borussia Dortmund

Mario Götze não comemorou o seu gol contra o Borussia Dortmund

O futebol tem dessas coisas, né? Mario Götze começou o duelo diante do Borussia Dortmund no banco de reservas, entrou no segundo tempo debaixo de uma vaia ensurdecedora dos mais de 80 mil torcedores que foram ao Westfalenstadion e ainda fez o gol que abriu o placar para excelente vitória do Bayern de Munique por 3 a 0. E ele nem comemorou, em respeito ao seu ex-clube.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

O resultado não traduz muito bem o que foi o jogo. Foi um duelo bastante equilibrado, principalmente no primeiro tempo, mas a força do elenco Bávaro falou mais alto. O Dortmund teve muitos desfalques na defesa, como Hummels, Schmelzer, Subotic e Piszczek, e não conseguiu segurar o líder da Bundesliga. Os outros dois gols foram de Robben e Müller.

Porém, nem tudo são flores no Bayern de Munique. Insatisfeito com alguns de seus jogadores, que divulgam detalhes táticos das suas escalações à imprensa alemã antes das partidas, o técnico Pep Guardiola soltou o verbo após o duelo em Dortmund e ameaçou até realizar dispensas no elenco. “Cabeças vão rolar, não importa quem seja o informante. Vou encontrar esse atleta e ele não voltará a jogar comigo. Aquele que continuar passando informações será despedido”, disse o espanhol ao Bild.

Confira os cinco gols mais bonitos da 13ª rodada:

Mas enfim. A derrota em casa diante do Bayern custou ao Borussia Dortmund a segunda colocação na tabela, agora ocupada pelo Bayer Leverkusen – os Leões visitaram o Hertha Berlim na capital e venceram com gol de Kiessling, ficando a quatro pontos do líder. O BVB, por sua vez, já está sete pontos atrás do rival de Munique, em terceiro.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

Dois jogos ainda se destacaram no fim de semana. Em Frankfurt, o Schalke abriu 2 a 0 sobre o Eintracht, levou a virada, mas conseguiu buscar o empate por 3 a 3 no fim. E na cidade de Bremen, o Mainz fez 3 a 0 no Werder, permitiu a reação dos donos da casa, que chegaram a marcar duas vezes nos minutos finais, mas o placar ficou mesmo no 3 a 2 para os visitantes.

Veja os resultados da rodada:

Sexta, 22 de novembro
Stuttgart 0 x 2 Borussia M’gladbach

Sábado, 23 de novembro
Nuremberg 1 x 1 Wolfsburg
Hertha Berlim 0 x 1 Bayer Leverkusen
Augsburg 2 x 0 Hoffenheim
Braunschweig 0 x 1 Freiburg
Eintracht Frankfurt 3 x 3 Schalke
Borussia Dortmund 0 x 3 Bayern de Munique

Domingo, 24 de novembro
Hamburgo 3 x 1 Hannover
Werder Bremen 2 x 3 Mainz

Autor: Tags: , , , , , , ,

sexta-feira, 22 de novembro de 2013 Bundesliga, Vídeos | 07:36

‘Clássico esvaziado’ marca o reencontro de Götze com BVB

Compartilhe: Twitter

A Bundesliga está de volta. E ela retorna em grande estilo, com o jogaço entre Borussia Dortmund e Bayern de Munique, sábado, no Westfalenstadion – o famoso “Der Klassiker”. O duelo entre líder e vice-líder tem tudo para ser excelente, mas poderia ser bem melhor não fossem os inúmeros desfalques de ambos os times.

Veja o vídeo com a prévia do clássico:

Os aurinegros, por exemplo, têm muitos problemas na defesa. Hummels, Subotic, Piszczek e Schmelzer estão machucados, assim como Gündogan. Já o recém-contratado zagueiro Manuel Friedrich se lesionou em um jogo-treino durante a semana, chegou a ser dúvida, mas vai para o embate mesmo sem estar 100% fisicamente.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

Borussia Dortmund x Bayern de MuniquePelos lados dos Bávaros, as perdas são no setor ofensivo. A principal ausência será a do francês Franck Ribéry, que está com a costela fraturada. Além dele, também não jogam Shaqiri, Pizarro e Schweinsteiger. O defensor Boateng chegou a ter sua participação no clássico ameaçada, mas deve atuar normalmente.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

Aliás, o jogo em Dortmund marca o esperado reencontro de Mario Götze com o Borussia. O meia-atacante treinou como titular e Guardiola vai escalar o atleta desde o início. Certamente os mais de 80 mil torcedores não darão um minuto de sossego ao ex-ídolo, hoje traidor.

Como de costume, sempre que tem um jogo importante na rodada, o canal da Bundesliga no Youtube prepara uma série de vídeos legais do duelo. Confira abaixo os que eles fizeram sobre Borussia Dortmund x Bayern de Munique:

Os 10 mais belos gols do Dortmund sobre o Bayern
Os 10 mais belos gols do Bayern sobre o Dortmund
Dortmund e Bayern, a ‘batalha dos truques no ônibus’
Euforia e desespero no clássico alemão
Na memória: Dortmund 4 x 4 Bayern, em 1982/82
Prévia no Fifa 14: Empate por 1 a 1

Nos outros jogos, destaque para o encontro entre Hertha Berlim e Bayer Leverkusen, na capital. Os Leões estão em terceiro e podem fechar a 13ª rodada na segunda colocação, dependendo do que acontecer na partida em Dortmund. Quem também almeja subir na tabela é o Schalke, que enfrenta o Eintracht Frankfurt, fora de casa.

Veja a programação e os palpites da rodada:

Sexta, 22 de novembro
Stuttgart 2 x 2 Borussia M’gladbach (17h30 – ESPN Brasil)

Sábado, 23 de novembro
Nuremberg 1 x 2 Wolfsburg
Hertha Berlim 2 x 1 Bayer Leverkusen (12h30 – ESPN)
Augsburg 1 x 1 Hoffenheim
Braunschweig 2 x 0 Freiburg
Eintracht Frankfurt 1 x 3 Schalke
Borussia Dortmund 1 x 1 Bayern de Munique (15h30 – ESPN)

Domingo, 24 de novembro
Hamburgo 3 x 2 Hannover
Werder Bremen 3 x 0 Mainz

 

Autor: Tags: , , , , , , ,

terça-feira, 19 de novembro de 2013 Amistosos, Seleção da Alemanha | 19:17

Alemanha arma ‘muro de Berlim’ em Wembley e bate Inglaterra

Compartilhe: Twitter
Capitão Mertesacker marcou o gol da vitória alemã

Capitão Mertesacker marcou o gol da vitória alemã

Um paredão alemão em Wembley. A Inglaterra poderia jogar mais 5 horas que não ia conseguir passar pela defesa germânica no amistoso desta sexta-feira. Excelente atuação dos zagueiros Mertesacker, Boateng, Hummels e Höwedes, que tiraram todas as bolas ali de trás, tanto por cima quanto por baixo. Mertesacker, aliás, ainda foi para o ataque e marcou o único gol da vitória da Nationalelf por 1 a 0, dentro de Londres.

► Confira a agenda completa e outras informações sobre a seleção da Alemanha

Os jogos contra Itália e Inglaterra foram um alento e mostraram que o sistema defensivo vai se ajustando aos poucos, chegando perto do ideal. Se arrumar a cozinha, a Alemanha é favoritíssima para vencer a Copa, já que o poderio ofensivo dispensa comentários, só jogador de alto nível.

Diante de um time alemão desfigurado e cheio de reservas, a Inglaterra, com seus titulares, tomou conta do primeiro tempo. A superioridade e o maior volume de jogo, entretanto, não foram transformados em chances de gol, tanto que Weidenfeller, estreante do dia, praticamente não foi testado nos primeiros 45 minutos e não fez uma defesa difícil sequer.

Aos 39 minutos, a Alemanha apareceu pela primeira vez no ataque. E foi fatal. Kroos cobrou o escanteio, Mertesacker cabeceou firme e Hart fez a defesa. Kruse pegou o rebote e o goleiro inglês fez outra intervenção, espalmando para fora. No novo tiro de canto, outra cobrança de Kroos, mais uma cabeçada do zagueirão do Arsenal, mas dessa vez a bola entrou.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

Na etapa final, Hummels entrou na vaga de Boateng e manteve o bom desempenho no miolo de zaga, ganhando todas as jogadas. O defensor, porém, se machucou e deu lugar a Höwedes. Resta saber se Hummels terá condições de jogar o clássico de sábado pela Bundesliga, quando o Borussia Dortmund recebe o Bayern de Munique. Só isso.

Rooney pouco fez contra o paredão germânico

Rooney pouco fez contra o paredão germânico

Com uma postura bastante diferente, a Alemanha passou a atacar mais e assustar a Inglaterra, principalmente nos contra-ataques. Sumidos no primeiro tempo, Reus e Götze melhoraram demais e quase deixaram suas marcas, parando nas mãos do goleiro rival. No meio defensivo, os irmãos Bender atuaram os 90 minutos e conseguiram substituir à altura a dupla titular Schweinsteiger-Khedira. Claro que sem a mesma qualidade, mas mostraram segurança.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

Assim como na primeira etapa, Weidenfeller não fez defesas na segunda, apesar de ter levado uma bola na trave. Pelas laterais, Schmelzer e Westermann completaram a boa atuação defensiva da equipe.

E, justiça seja feita, Jansen fez um ótimo jogo contra os italianos, na semana passada, e entrou melhor ainda na etapa complementar diante dos ingleses. Arrisco dizer que o ala do Hamburgo carimbou seu passaporte para o Mundial. Se bobear, ganha até a vaga de titular. Vive uma excelente fase com a camisa tricampeã, surpreendentemente. Depois da Copa de 2010, não apostava em Jansen defendendo a seleção no Brasil.

Alemanha agora só em 2014. A equipe tem um amistoso agendado contra o Chile, no dia 5 de março, na cidade de Stuttgart. Semanas antes do Mundial, o time ainda deverá fazer outros amistosos e jogos-treino, inclusive em solo brasileiro.

Notas dos jogadores:

Weidenfeller 6,5, Westermann 6,5 (Draxler Sem nota), Boateng 8,5 (Hummels 8,5, depois Höwedes 8,0), Mertesacker 9,5 e Schmelzer 7,0 (Jansen 8,5); Lars Bender 7,0, Sven Bender 7,0, Kroos 6,5, Götze 7,5 e Reus 7,0 (Schürrle 6,5); Kruse 5,5 (Sidney Sam 7,5)

Autor: Tags: , , , , ,

segunda-feira, 18 de novembro de 2013 Fora dos campos | 13:30

Ex-jogador alemão morre em combate na Síria

Compartilhe: Twitter
Burak Karan

Burak Karan antes, como jogador, e depois, já em combate

Uma triste notícia abalou o futebol alemão neste começo de semana. O ex-jogador Burak Karan, que chegou a defender as seleções de base da Alemanha, morreu durante combate na Síria, informou o diário Bild. Aos 26 anos de idade, ele foi atingido por uma bomba lançada pelas forças governamentais do país asiático, na cidade de Azaz, perto da fronteira com a Turquia.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

Nascido na Alemanha, mas com família de origem turca, Karan largou os gramados em 2008, ainda com 20 anos de idade, para se dedicar à religião e aos serviços militares. Há também fortes suspeitas de que o ex-atleta fosse ligado à Al-Qaeda, organização islâmica com ramificação terrorista no Oriente Médio.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

Companheiro de Dennis Aogo, Kevin Prince Boateng e Sami Khedira nas seleções sub 16 e sub 17 da Alemanha – ele fez sete partidas nas duas categorias -, Burak Karan era zagueiro e atuou nas bases de Hamburgo, Bayer Leverkusen, Hertha Berlim e Hannover.

Que ele descanse em paz.

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

Amistosos, Seleção da Alemanha | 09:10

Prévia de Inglaterra x Alemanha e o drama de Khedira

Compartilhe: Twitter

Sami Khedira

Que pena o Khedira, hein? No amistoso da Alemanha contra a Itália, na semana passada, o volante rompeu os ligamentos do joelho direito e terá que fazer uma cirurgia para reconstrução. Como o prazo de recuperação é de seis meses, a participação do jogador na Copa do Mundo está ameaçadíssima – ele voltaria no final do de maio de 2014, sendo que o Mundial começa na primeira quinzena de junho. Ainda há esperanças.

► Confira a agenda completa e outras informações sobre a seleção da Alemanha

Caso o atleta do Real Madrid não possa mesmo jogar a Copa, Kroos e Gündogan, atualmente lesionado, disputarão o posto de titular ao lado de Schweinsteiger. “Este é um golpe duro para todos nós. Khedira é um grande lutador dentro e fora dos gramados. Sempre pensa positivo e isso vai ajudá-lo. E por isso estou otimista de que ele estará em forma novamente no pontapé inicial da Copa do Mundo no Brasil. Vamos cruzar nossos dedos para que a cirurgia corra bem e para que ele passar iniciar rapidamente a reabilitação”, disse o técnico Joachim Löw.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

Para o amistoso diante da Inglaterra, nesta terça-feira, o último do ano, o treinador deverá escalar Sven Bender na vaga de Khedira. Na verdade, Löw planeja mandar a campo um time bem diferente do que empatou com os italianos. Recuperado de uma gripe, Mertesacker volta à zaga. No gol, Roman Weidenfeller fará sua estreia. Se for bem, carimba seu passaporte para o Brasil. E dos atletas que entraram em campo na terça passada, apenas Hummels, Höwedes e Kroos devem permanecer entre os titulares.

Quando: 19/11/2013, terça-feira
Onde: Wembley, em Londres-ING
Porque: Amistoso
Horário: 18h00 (de Brasília)
Na TV: ESPN Brasil

Özil, Lahm e Neuer serão poupados e não ficam nem no banco de reservas. Se Löw mandar a campo o time que treinou, a Nationalelf que começa o duelo contra os ingleses terá Weidenfeller, Höwedes, Mertesacker, Hummels e Schmelzer; Sven Bender, Kroos, Draxler, Sidney Sam e Reus; Kruse. Um time rápido e jovem do meio para frente, mas ainda inexperiente. Se empatar fora de casa, já está de bom tamanho. Meu palpite é 2 a 2.

História

São 32 jogos entre as seleções ao longo dos anos, com vantagem para os ingleses, que venceram 15 vezes. A Alemanha tem 11 vitórias, com outros seis empates registrados. Aliás, a pior derrota dos alemães em toda história foi justamente diante do rival desta terça. Em 1909, a Inglaterra enfiou impiedosos 9 a 0, em amistoso realizado em Oxford.

Confira alguns desses duelos:

Último jogo e maior vitória alemã
27/06/2010 – Oitavas da Copa do Mundo
Alemanha 4 x 1 Inglaterra, em Bloemfontein (África do Sul)

Copa do Mundo de 2010, Alemanha 4 a 1

Copa do Mundo de 2010, Alemanha 4 a 1

Primeiro jogo
20/04/1908 – Amistoso
Alemanha 1 x 5 Inglaterra, em Berlim (Alemanha)

Maior derrota alemã
16/03/1909 – Amistoso
Inglaterra 9 x 0 Alemanha, em Oxford (Inglaterra)

Jogo mais importante
30/07/1966 – Final da Copa do Mund0
Inglaterra 4 x 2 Alemanha, em Londres (Inglaterra)

Primeira vitória alemã
01/06/1968 – Amistoso
Alemanha 1 x 0 Inglaterra, em Hannover (Alemanha)

Autor: Tags: , , , , , ,

sexta-feira, 15 de novembro de 2013 Amistosos, Seleção da Alemanha | 19:13

E segue o tabu contra a Itália…

Compartilhe: Twitter
Hummels fez o gol da Alemanha e teve boa atuação contra a Itália

Hummels fez o gol da Alemanha e teve boa atuação no amistoso contra a Itália

Estreando o seu novo uniforme para Copa do Mundo de 2014, a Alemanha visitou a Itália em Milão e só empatou: 1 a 1. Já são 18 anos sem vencer os italianos, seja em amistosos ou em jogos oficiais – neste período, contando com o duelo desta sexta-feira, foram sete jogos disputados. A última vitória alemã aconteceu no longínquo mês de junho de 1995.

► Confira a agenda completa e outras informações sobre a seleção da Alemanha

Com um monte de desfalques, Joachim Löw escalou um time todo torto, todo improvisado. Não gostei. Höwedes jogou de lateral direito, Lahm foi deslocado para o meio e Götze fez a função de centroavante, revezando algumas vezes com Müller. Gripado, Özil começou no banco de reservas, com Schürrle iniciando a partida. Marco Reus também foi suplente, entrando no 2º tempo. Essa, sinceramente, eu não entendi.

O treinador também foi mal nas alterações no segundo tempo. Os irmãos Lars e Sven Bender entraram nas vagas de Khedira e Müller, deixando o meio de campo congestionado. Daria para colocar Kruse no comando de ataque, ou até mesmo testar Draxler ou Sidney Sam, soltando o time. Mas enfim.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

Na etapa inicial, os donos da casa mal assustaram os visitantes. Só no primeiro lance da partida, num chute de Balotelli, e no gol anotado por Abate, após receber pelo passe de letra de Bonucci, aos 28 minutos. De resto, só deu Alemanha. O time germânico abriu o placar com Hummels, aos oito, aproveitando escanteio cobrado por Kroos, e ainda acertou duas bolas na trave, com Khedira e Schürrle.

Thiago Motta acertou um tapa no rosto de Kroos, mas só levou o cartão amarelo

Thiago Motta acertou um tapa no rosto de Kroos, mas só levou o cartão amarelo

O segundo tempo foi um pouco mais equilibrado. Jogando diante da torcida, os italianos tiveram mais presença de ataque e deram trabalho para o sistema defensivo, que, por sinal, se mostrou bastante seguro com Hummels e Boateng no miolo de zaga. Neuer fez apenas uma defesa importante.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

Pela lateral direita, Höwedes fez uma boa partida defensiva, mas foi horroroso no apoio ao ataque. Mesmo assim, aos 47 minutos, o jogador do Schalke quase balançou as redes, mas o chute de esquerda da entrada da área acertou a trave. No rebote, Reus tinha tudo para recolocar a Alemanha na frente do placar, mas Sven Bender atrapalhou a finalização do meia e tirou o gol alemão.

Lahm, atuando de volante, fez o básico. Prefiro ele na lateral, rende muito mais. Khedira e Jansen ajudaram bem no ataque e foram eficientes na marcação, diferente de Kroos, que teve uma atuação bem abaixo da média. Já Müller e Schürrle, apagados, não ajudaram na criação das jogadas, assim como Götze, perdido quando fazia a função de centroavante. Reus e Özil entraram e deram mais qualidade no passe.

O próximo jogo da Alemanha, o último do ano, será na terça-feira que vem, dia 19 de novembro, diante da Inglaterra. A partida será em Londres.

Atuações dos jogadores

Neuer 6,5, Höwedes 5,0, Boateng 7,5 , Hummels 8,0 e Jansen 7,0; Lahm 6,0, Khedira 7,0 (Sven Bender 5,0), Kroos 5,5, Schürrle 6,5 (Özil 6,5) e Müller 6,0 (Lars Bender 5,5); Götze 5,5 (Reus 6,5)

Autor: Tags: , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. Última