Publicidade

Posts com a Tag Argentina

quarta-feira, 15 de agosto de 2012 Amistosos, Seleção da Alemanha | 17:47

Se fosse 11 contra 11…

Compartilhe: Twitter

Para analisar a derrota da Alemanha diante da Argentina por 3 a 1 (os gols no vídeo lá no fim do post), é preciso levar em consideração muitos aspectos. O primeiro é o grande número de desfalques que a Nationalelf teve – Neuer, Schweinsteiger, Lahm, Mario Gomez, Sven Bender, Podolski e Mertesacker. Até aí tudo bem, a seleção tem peças de reposição que dão conta do recado.

Veja a agenda de jogos da Alemanha

Dentro da partida em Frankfurt, o zagueiro Hummels, que fez uma ótima Euro 2012 e que vinha bem no amistoso, teve que sair logo com 25 minutos de jogo, lesionado. E pior! Com 30 minutos do 1º tempo, o árbitro marcou pênalti de Zieler em Sosa e expulsou o goleiro alemão. Ter Stegen entrou no lugar de Müller e o time germânico ficou com um homem a menos no setor ofensivo.

Vale ressaltar que Zieler vai ficar marcado por ter sido o primeiro goleiro a ser expulso em toda história da seleção alemã. O primeiro! Impressionante.

Com um jogador a menos, ficou difícil. Stegen defendeu o pênalti batido por Messi, mas não evitou o gol contra de Khedira nos acréscimos da primeira etapa. O volante furou o chute de perna direita após cobrança de escanteio, a bola pegou na sua perna esquerda e entrou contra a pátria.

Mesmo com 10 em campo, a Alemanha conseguiu assustar a Argentina em alguns lances. No começo da etapa final, Marco Reus acertou um chutaço de fora da área e a bola explodiu na trave. No rebote, Özil marcou, mas o bandeirinha assinalou impedimento de Khedira, que participou do lance.

Khedira faz gol contra

Messi ampliou aos sete minutos do 2º tempo e praticamente selou a vitória argentina. A Alemanha tentou diminuir o prejuízo e ainda viu Di Maria anotar um golaço, soltando a bomba de fora da área. Faltando dez minutos, linda tabela de Schürrle com Götze e conclusão de peixinho de Höwedes, um belo tento.

No geral, a equipe alemã até que não jogou mal. Com um a menos e com Messi do outro lado, era complicado vencer. Destaques para as boas atuações de Reus e Lars Bender. Khedira também teve boa performance, apesar do gol contra bizarro. Klose saiu muito da área e não jogou bem, tanto que deixou o campo para entrada de Schürrle, o melhor do time. Entrou e infernizou a zaga rival.

Schmelzer foi titular pela lateral esquerda e mais uma vez não aproveitou a chance para se firmar, jogou muito mal. E o goleirão Stegen, que não teve culpa nos gols que levou, tem duas partidas pela seleção e já levou 8 gols. Que fase!

Se fosse 11 contra 11, seria diferente. Mas como o “se” não joga bola…

Veja as notas dos jogadores da Alemanha:

Zieler (5,0), Boateng (5,5) , Hummels (6,0), Badstuber (5,5) e Schmelzer (4,0); Lars Bender (7,0), Khedira (6,5), Özil (6,0) e Reus (7,0); Müller (6,0) e Klose (5,0). Entraram: Höwedes (6,5), ter Stegen (6,5), Schürrle (7,5), Gündogan (5,5), Kroos (6,0) e Götze (6,5)

A Alemanha volta a campo no dia 7 de setembro, contra a fraquíssima seleção de Ilhas Faroe, na primeira partida das eliminatórias da Copa do Mundo de 2014. O duelo acontece na cidade de Hannover. Quatro dias depois, em 11 de setembro, o rival será a Áustria, em Viena.

Veja os gols da partida:

http://www.youtube.com/watch?v=vGbR5Bjub3o

Autor: Tags: , , , , , , ,

terça-feira, 14 de agosto de 2012 Amistosos, Seleção da Alemanha | 13:27

Prévia de Alemanha x Argentina. Amistoso com desfalques

Compartilhe: Twitter

Enquanto a Bundesliga não começa, a seleção da Alemanha volta a campo para duelar contra a Argentina em partida amistosa. Será o primeiro compromisso da Nationalelf depois da eliminação na Euro 2012, diante da Itália.

Veja a agenda de jogos completa da Alemanha

Quando: 15/08/2012, quarta-feira
Onde: Commerzbank-Arena, em Frankfurt-ALE
Porque: Amistoso
Horário: 15h45 (de Brasília)
Na TV: ESPN Brasil e Esporte Interativo (ao vivo)

Lembrando que o time germânico está cheio de desfalques. O capitão Philipp Lahm não foi convocado porque espera o nascimento do seu filho, Schweinsteiger, Sven Bender, Manuel NeuerMario Gomez estão machucados, e PodolskiMertesacker foram liberados a pedido do Arsenal.

Com isso, existem muitas dúvidas na escalação que o técnico Joachim Löw mandará a campo. Como eu já havia dito em um post anterior, eu entraria com Zieler, Boateng, Hummels, Höwedes e Schmelzer; Kroos, Khedira, Özil, Götze e Reus; Klose. E você?

Vai ser difícil, não aposto em vitória: 1 a 1, com gol de Klose.

Histórico

Alemanha e Argentina já se enfrentaram 19 vezes ao longo dos anos, com seis vitórias germânicas, oito argentinas e outros cinco empates. Veja abaixo alguns dos principais confrontos:

Último jogo
03/07/2010 – Quartas de final da Copa do Mundo
Alemanha 4 x 0 Argentina, em Kapstadt-AFS

Primeiro jogo
08/06/1958 – Fase de grupos da Copa do Mundo
Alemanha 3 x 1 Argentina, em Malmö-SUE

Maior derrota alemã
12/09/1984  – Amistoso
Alemanha 1 x 3 Argentina, em Düsseldorf-ALE

Finais de Copa
08/07/1990 – Mundial da Itália
Alemanha 1 x 0 Argentina, em Roma-ITA

19/06/1986 – Mundial do México
Alemanha 2 x 3 Argentina,  na Cidade do México-MEX

Autor: Tags: , , , , , ,

quinta-feira, 9 de agosto de 2012 Amistosos, Seleção da Alemanha | 10:05

Desfalcada, Alemanha é convocada para pegar a Argentina

Compartilhe: Twitter

Julian Draxler

E saiu a convocação da Alemanha para o amistoso contra a Argentina, no próximo dia 15 de agosto, na Commerzbank-Arena, em Frankfurt. O técnico Joachim Löw chamou 19 atletas, sendo que 17 deles estavam na última Euro 2012 – Sven Bender e Draxler, que não disputaram a competição, estão na lista.

Veja agenda completa de jogos da Alemanha

A Nationalelf terá cinco desfalques. O capitão Philipp Lahm não foi convocado porque espera o nascimento do seu filho na próxima semana. Lesionados, Schweinsteiger e Mario Gomez também ficaram de fora. Já Podolski e Mertesacker foram liberados a pedido do Arsenal e não encaram a Argentina.

O restante dos nomes são os mesmos de sempre, sem muitas surpresas.
Veja a lista de convocados:

Goleiros: Manuel Neuer (Bayern de Munique), Ron-Robert Zieler (Hannover)

Defensores: Holger Badstuber (Bayern de Munique), Jerome Boateng (Bayern de Munique), Benedikt Höwedes (Schalke), Mats Hummels (Borussia Dortmund) e Marcel Schmelzer (Borussia Dortmund)

Meio-campistas: Lars Bender (Bayer Leverkusen), Sven Bender (Borussia Dortmund), Ilkay Gündogan (Borussia Dortmund), Sami Khedira (Real Madrid-ESP), Toni Kroos (Bayern de Munique), Julian Draxler (Schalke), Mesut Özil (Real Madrid-ESP), Mario Götze (Borussia Dortmund) e Marco Reus (Borussia Dortmund)

Atacantes: Miroslav Klose (Lazio-ITA), Thomas Müller (Bayern de Munique) e Andre Schürrle (Bayer Leverkusen)

O que achou da convocação?

Com esses nomes, eu escalaria o time assim: Neuer, Boateng, Hummels, Höwedes e Schmelzer; Kroos, Khedira, Özil, Götze e Reus; Klose.

E você?

Autor: Tags: , , , , , , , , , ,

sábado, 3 de julho de 2010 Copa do Mundo, Seleção da Alemanha | 12:49

Lindo de ver! Que chocolate!

Compartilhe: Twitter


Livre, Klose anota o segundo gol da Alemanha sobre a Argentina. Show de bola

O que falar de uma surra de 4 a 0 numa quarta de final de uma Copa do Mundo contra a Argentina? Foi incontestável, um baile de bola. Ou um verdadeiro tango na África do Sul, como preferir. Miroslav Klose fez mais dois gols e chegou a 14, se igualando ao lendário Gerd Müller e ficando a apenas um de Ronaldo, que é o maior artilheiro da história das Copas. Clique aqui e veja quais foram todos os gols de Klose em Mundiais.

Agora, duelo com a Espanha na semifinal. Contra a Inglaterra foi a vingança de 1966, e diante dos espanhois será a vingança da Euro 2008. Pra quem não se lembra, a Espanha venceu por 1 a 0 na decisão. Então, jogaço marcado. Será na próxima quarta-feira, dia 7 de julho, às 15h30 (de Brasília). Tenso!

O caminho da goleada sobre a Argentina foi aberto logo aos três minutos de jogo. Schweinsteiger cobrou falta na área e Thomas Müller marcou de cabeça, o seu 4º gol na Copa.

O restante primeiro tempo foi bem disputado, com a Argentina buscando o gol de empate e a Alemanha só se defendendo. Khedira, Lahm e Boateng se destacaram na marcação, não deixando os talentosos argentinos jogarem. Neuer demonstrava muita segurança na meta. Messi até que tentou alguma coisa, mas sempre tinha alguém no seu encalço.

Na segunda etapa, os dois times começaram no ataque, mas depois a Alemanha passou a apostar nos mortais contra-ataques. Aos 22, num lance de muita garra de Müller, a bola chegou em Podolski, que só rolou para Klose marcar sozinho.

Até esse momento Schweinsteiger já fazia uma partida impecável, praticamente perfeita. Mas aos 28 ele aloprou. Simplesmente humilhou os argentinos. Ele recebeu na esquerda, deixou três marcadores para trás, invadiu a área e tocou para Friedrich marcar o 3º alemão. Foi uma jogada de gênio.

E não foi só esse lance. Schweini tomou conta do meio de campo no jogo. Deu dribles, passes precisos, marcou muito… só não fez chover… e se chovesse, eu teria achado que era culpa dele.

Arrisco-me a dizer que o jogador tem grandes chances de ser eleito o craque da Copa do Mundo. Para mim, já é. Se a Alemanha for campeã, isso vai se confirmar.

Para lacrar o caixão dos hermanos, Podolski puxou contra-golpe aos 44 minutos, tocou para Özil na esquerda e o meio-campista encontrou Klose livre na área. E como é bom ver os argentinos chorando, né? Adiós, Argentina!

Atuações dos jogadores alemães:

Neuer – Seu melhor jogo na Copa. Defendeu muitos chutes de fora da área, todos sem dar rebote e demonstrou segurança nas saídas do gol. Nota 8,0
Lahm – O baixinho virou um gigante. Apoiou bem menos do que marcou e ainda salvou um gol da Argentina, quando um atacante estava pronto para finalizar. Nota 8,0
Friedrich – Ótima atuação na zaga, anulando Higuain. Ainda foi para o ataque e fez seu gol. Partidaça. Nota 8,5
Mertesacker – Seguro, ganhou todas por cima e por baixo. Vem melhorando a cada jogo, e isso é importante. Nota 7,5
Boateng – Fez sua melhor apresentação no Mundial. Poucas aparições no campo de ataque, mas perfeito na marcação. Nota 7,5
Khedira – Mais uma atuação impecável. Sua responsabilidade era marcar Messi e fez sua função com qualidade, além de aparecer como elemento surpresa no ataque. Nota 8,0
Schweinsteiger – MONSTRO! Nota 10
Özil – Não foi o mesmo Özil do jogo de estreia, mas continua sendo o principal articulador no meio de campo. Nota 6,5
Müller – Abriu o caminho para goleada e mostrou raça no segundo gol alemão. Muito bem no jogo, pena que não joga a semifinal. Nota 7,5
Podolski – Melhorou bastante. Teve muita calma ao dar a assistência para o gol de Klose. Conseguiu boas jogadas pela esquerda. Nota 7,5
Klose – Mostrou oportunismo, brigou muito pela bola e ainda ajudou na marcação. Dois gols com típico faro de artilheiro, jogou demais. Nota 8,5
Jansen – Fez bem seu papel pela esquerda, aparecendo com eficiência no ataque nos poucos miniutos em campo. Nota 6,5
Kroos – Pouco pegou na bola. Sem nota
Trochowski – Entrou com o jogo resolvido. Sem nota

Data: 3 de julho de 2010, sábado
Horário: 11h (horário de Brasília)
Local: Estádio Green Point, na Cidade do Cabo
Público: 64.100 torcedores
Árbitro: Ravshan Irmatov (UZB)
Assistentes: Rafael Ilyasov (UZB) e Bakhadyr Kochkarov (KGZ)
Cartões amarelos: Otamendi e Mascherano (ARG); Müller (ALE)
Gols: ALEMANHA: Müller, aos 3 minutos do primeiro tempo, Klose, aos 23 e 44, e Friedrich, aos 28 minutos do segundo tempo

ARGENTINA (4-3-3): Romero; Otamendi (Pastore), Demichelis, Burdisso e Heinze; Maxi Rodríguez, Mascherano e Di Maria; Messi, Tevez e Higuaín Técnico: Diego Maradona

ALEMANHA (4-3-3): Neuer; Lahm, Mertesacker, Friedrich e Boateng (Jansen); Khedira (Kroos), Schweinsteiger e Özil; Müller (Trochowski), Podolski e Klose Técnico: Joachim Löw

Autor: Tags: , , , , , , ,

domingo, 25 de outubro de 2009 Bundesliga, Fora dos campos, Mercado | 22:51

Matthaus e a rodada do Alemão

Compartilhe: Twitter

Kristina-Liliana MatthausAntes de falar da emocionante 10ª rodada da Bundesliga, uma última informação sobre Lothar Matthaus, que teria acertado sua ida para o Racing, da Argentina. Coloquei neste sábado aqui no blog que ele seria o novo técnico do clube hermano, mas no dia seguinte ele desmentiu. “Não sei de onde saem essas informações. Não vou viajar à América do Sul nem na segunda-feira nem na próxima semana. Atualmente, tenho ofertas do exterior, mas não da Argentina nem do Campeonato Alemão”, disse.

Entretanto, no próprio domingo, ele mudou o discurso mais uma vez. “As negociações (com o Racing) estão muito avançadas, e as passagens, compradas. Chegaremos à Argentina na quarta-feira e vamos explorar a cidade, pois queremos aprender sobre o ambiente e analisar as facilidades que Buenos Aires oferece para a carreira de modelo da Liliana. Quero que ela seja muito feliz”.

Pra quem não sabe, Kristina-Liliana é a esposa de Matthaus. Uma modelo ucraniana pra lá de bonita – é só “dar um google” e ver outras imagens dela, além desta aí de cima. Ou seja… podemos perceber nas entrelinhas que o treinador não sabe o que quer da vida, e decidiu então deixar o seu futuro nas mãos da beldade. Ê laia…

***

Ão, ão, ão, Kuranyi é seleção

Ão, ão, ão, Kuranyi é seleção

Agora, bola em campo. O principal jogo da rodada, sem dúvida, foi Schalke x Hamburgo. Eletrizante, do começo ao fim. Os hanseáticos abriram 2 a 0 no primeiro tempo, com gols de Berg e Trochowski, mas cederam o empate na segunda etapa: Kuranyi e Schmitz anotaram para os Azuis-Reais. Berg voltou a marcar e recolocou o Hamburgo na frente, mas no apagar das luzes, aos 44, Kuranyi apareceu de novo para igualar e decretar o emocionante 3 a 3.

Quem agradeceu foi o Bayer Leverkusen, que empatou com o Borussia Dortmund em casa na abertura da rodada, e segue na primeira colocação, ao lado do Hamburgo – tem um gol a mais de saldo. O Schalke perdeu a chance de chegar aos mesmos 22 pontos do Leverkusen e está em 4º.

O terceiro colocado é o Werder Bremen, que segue com sua campanha de recuperação após um começo ruim. No domingo enfiou 4 a 1 no Bochum, fora de casa, e está a apenas um ponto de Leverkusen e Hamburgo.  Quem também subiu foi o Bayern de Munique, que sofreu bastante, mas derrotou o Frankfurt por 2 a 1, com gol de Van Buyten nos últimos minutos.

Ps1: Insisto em pedir para que Joachim Low reconsidere a punição a Kevin Kuranyi e o convoque para seleção alemã. Mario Gomez, Podolski, Cacau e Kiessling que me desculpem, mas ao lado de Klose, ele é o melhor atacante do país.

Ps2: A campanha “Zé na Copa” continua. Agradeço aos comentários no post em que faço o apelo para Dunga chamar o meia do Hamburgo para a seleção brasileira. Está jogando demais.

> Veja como está a classificação atualizada da Bundesliga

Resultados da 10ª rodada e os prognósticos (em vermelho):

Bayer Leverkusen 1 x 1 Borussia Dortmund (1 x 1) – Na mosca!
Bayern de Munique 2 x 1 Frankfurt (0 x 0) – Quase acerto o empate
Hoffenheim 3 x 0 Nuremberg (3 x 1) – Pra que esse gol, Nuremberg?
Hannover 1 x 0 Stuttgart (1 x 1) – Stuttgart decepção total
Borussia M’Gladbach 0 x 0 Colônia (1 x 2) – Não vi, mas deve ter sido chato esse jogo
Mainz 3 x 0 Freiburg (2 x 0) – Quase!
Hertha Berlim 0 x 0 Wolfsburg (1 x 1) – Acertei o empate dos decadentes
Schalke 3 x 3 Hamburgo (1 x 2) – Jogaço, mas achava que o Hamburgo venceria. Foi quase!
Bochum 1 x 4 Werder Bremen (2 x 3) – Não esperava uma lavada assim

Autor: Tags: , , , , , , , , , , ,