Publicidade

Posts com a Tag Cazaquistão

terça-feira, 26 de março de 2013 Eliminatórias da Copa, Seleção da Alemanha | 18:51

Borussia Dortm… quer dizer, Alemanha vence outra

Compartilhe: Twitter

Não tem nem como tirar esse jogo contra o Cazaquistão como parâmetro de alguma coisa. A Alemanha não deu a menor chance para o adversário, venceu por 4 a 1 na cidade de Nuremberg e segue firme rumo à Copa do Mundo de 2014. Foi um jogo de ataque contra defesa, praticamente, tirando a falha bisonha de Neuer. A Nationalelf lidera a chave C com 16 pontos, oito a mais que Irlanda, Áustria e Suécia, que estão com oito.

► Clique aqui e confira a agenda de jogos completa da Alemanha

Apesar de dominar todo duelo, o primeiro gol saiu apenas aos 23 minutos. Depois que Gündogan e Götze acertaram a trave cazaque uma vez cada, Marco Reus deu um drible desconcertante no defensor rival, mandou a bola no meio das suas pernas e finalizou para abrir o placar. Quatro minutos depois, Götze aproveitou linda jogada individual de Lahm e só desviou para o gol, fazendo 2 a 0.

Aos 27 minutos, Özil encontrou Gündogan na área e o meia do Borussia Dortmund ampliou. Aliás, só gols do BVB na primeira metade de jogo. Antes do intervalo, Gündogan ainda acertou outra bola na trave do Cazaquistão.

No começo do segundo tempo, Manuel Neuer quis aparecer um pouco. Como não encostou na bola na primeira etapa, o goleirão do Bayern de Munique recebeu um recuo de Mertesacker, resolveu driblar um adversário dentro da sua área e o atacante Schmidtgal, que joga no Greuther Fürth, aproveitou a besteira do arqueiro e chutou para o gol vazio.

A partir daí, sempre que encostava na bola, Neuer era vaiado pela torcida que lotou o Frankenstadion.

► Curta a página do Blog do Alemão no Facebook

Depois que levou o gol, a Alemanha continuou pressionando em busca de mais gols, mas parou no goleirão Sildenikov, que fez pelo menos umas cinco ou seis defesas difíceis. Sem contar as bolas na trave de Özil, Khedira e Müller. No total, os germânicos enfiaram seis bolas na trave. Os visitantes também acertaram o poste uma vez na segunda etapa. Nos últimos minutos, Reus recebeu passe de Gündogan e decretou a goleada.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

Özil mais uma vez foi o maestro alemão no duelo, jogando muito bem e totalmente lúcido. Entretanto, o melhor em campo foi Philipp Lahm. O lateral atuou como um verdadeiro ponta direita e infernizou a defesa cazaque. Pelo outro lado, Schmelzer também teve uma atuação destacada no apoio ao ataque. Götze deu conta do recado jogando como “falso centroavante”, enquanto Thomas Müller ficou devendo. Uma atuação bastante apática do meia-atacante.

O curioso é que Joachim Löw fez só uma alteração na partida, colocando Jansen na vaga de Reus. Isso aos 45 minutos do segundo tempo já.

O próximo jogo da seleção alemã será apenas no dia 29 de maio, contra o Equador, em amistoso que será realizado nos Estados Unidos. Depois, em 2 de junho, a Nationalelf encara os norte-americanos em Washington.

Notas dos jogadores:

Neuer 3,0, Lahm 8,5, Boateng 7,0, Mertesacker 6,5 e Schmelzer 7,5; Khedira 6,5, Gündogan 7,0 e Özil 8,0; Müller 5,0, Reus 7,0 (Jansen sem nota) e Götze 7,0

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

sexta-feira, 22 de março de 2013 Eliminatórias da Copa, Seleção da Alemanha | 16:53

Vitória fácil contra o Cazaquistão

Compartilhe: Twitter

Sem muitas dificuldades e em ritmo de treino, a Alemanha venceu o Cazaquistão por 3 a 0 nesta sexta-feira, em partida válida pelo grupo C das Eliminatórias para Copa de 2014, e garantiu a liderança isolada da chave. Schweinsteiger, Mario Götze e Thomas Müller anotaram os gols do triunfo germânico. O time jogou para o gasto, se poupou e não fez mais do que a obrigação, chegando aos 13 pontos.

► Clique e confira a agenda da Alemanha

Sem Mario Gomez, Reus e Klose, todos esperavam por Podolski ou até mesmo Schürrle no time titular, mas Joachim Löw surpreendeu e escalou o jovem Draxler entre os 11 iniciais. Porém, o atleta do Schalke deu um azar danado, levou uma pancada na cabeça e teve que sair com 19 minutos de partida. Uma pena, era a chance de mostrar um bom futebol e se firmar na equipe.

► Curta a página do Blog do Alemão no Facebook

Depois da saída de Draxler, a Alemanha resolveu fazer gol. Aos 20 minutos, Özil encontrou Schweinsteiger na área, o meia do Bayern dominou bonito e mandou no canto do arqueiro cazaque. Dois minutos mais tarde, Götze aproveitou um bate-rebate na área e só teve o trabalho de finalizar para a meta vazia, já que o goleiro ficou caído no gramado no lance.

No segundo tempo, a Nationalelf tirou o pé do acelerador e só administrou. Manuel Neuer, que tinha sido um mero espectador na etapa inicial, teve que trabalhar e fazer uma bela defesa num chute forte de Schmidtgal. Momentos antes, Konysbaev já havia acertado um petardo no travessão, para delírio da torcida que lotou o estádio em Astana.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

Aos 29 minutos, Thomas Müller tratou logo de acabar com a empolgação dos anfitriões e ampliou o placar após mais uma assistência de Özil. Aliás, o meia do Real Madrid jogou bem, a exemplo do que já tinha feito no amistoso diante da França, no mês passado. Melhor em campo.

Duas considerações finais. Não gosto da seleção sem um centroavante, sem uma referência lá no ataque. Tudo bem que Klose e Gomez não puderam jogar, mas Kiessling não merecia uma chance? Sem o tradicional camisa 9, a equipe perde um pouco a objetividade e toca demais a bola na entrada da área rival. Se fosse um adversário mais forte, seria muito difícil balançar as redes.

E o Podolski? Entrou antes dos 20 minutos de jogo e não fez nada. Ficou plantado ali no lado esquerdo, tentou algumas jogadas, alguns chutes, mas nada além. Por isso que foi preterido por Löw mesmo com tantos desfalques. Já Mario Götze, atuando mais avançado, fez o básico. Anotou um gol, mas pareceu um pouco displicente em alguns momentos.

Bom, na terça-feira que vem, dia 26 de março, tem mais Alemanha em campo. E novo contra o Cazaquistão. A partida que abre o returno da chave vai acontecer na cidade de Nuremberg, na Baviera. Mais uma vitória à vista.

Notas dos alemães:

Neuer 7,0, Lahm 6,5, Mertesacker 6,5, Höwedes 6,0 e Schmelzer 6,5; Khedira 7,0 (Gündogan Sem nota), Schweinsteiger 7,5, Özil 8,0 e Draxler Sem nota (Podolski 5,5); Götze 6,0 e Müller 6,5 (Schürrle Sem nota).

Autor: Tags: , , , , , , ,

quinta-feira, 21 de março de 2013 Eliminatórias da Copa, Seleção da Alemanha | 08:28

Prévia de Cazaquistão x Alemanha

Compartilhe: Twitter

Para manter a ponta isolada do grupo C das eliminatórias europeias para a Copa do Mundo de 2014, a Alemanha tem dois duelos teoricamente fáceis contra o Cazaquistão pela frente. O primeiro jogo será nesta sexta-feira, fora de casa, e o segundo na terça-feira que vem, em Nuremberg. Os germânicos lideram a chave com 10 pontos, três a mais que a Suécia, 2ª colocada. Os cazaques têm só 1 ponto e estão em 5º e penúltimo na tabela.

Klose é o artilheiro alemão contra o Cazaquistão, mas não joga nestes dois duelos

► Clique e confira a agenda da Alemanha

Quando: 22/03/2013, sexta-feira
Onde: Astana Arena, em Astana-CAZ
Porque: Eliminatórias Copa de 2014
Horário: 15h (de Brasília)
Ao vivo na TV: Sportv

Joachim Löw tem alguns desfalques para esse duelo. Além de Klose e Hummels, que nem foram convocados, os meias Kroos, com dores no joelho, e Sven Bender, gripado, não atuam fora de casa e podem retornar no duelo de volta. Marco Reus, suspenso, também está fora do 1º jogo.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

Nos treinamentos, o comandante da Nationalelf indicou uma escalação sem centroavante fixo e com Podolski mais avançado. Com isso, Mario Gomez começaria no banco de reservas. Será? A conferir. O time que deve ir a campo é esse: Neuer, Lahm, Boateng, Mertesacker e Schmelzer; Khedira, Schweinsteiger, Götze e Özil; Müller e Podolski (ou Mario Gomez).

A obrigação é de vencer, então aposto em 3 a 0, gols de Müller (2) e  Khedira. E você?

► Curta a página do Blog do Alemão no Facebook

Alemanha 4 x 0 Cazaquistão, em 2011

Na história, a Alemanha enfrentou o Cazaquistão apenas duas vezes. E venceu ambas, com sete gols marcados e nenhum sofrido. Confira abaixo:

26 de março de 2011
Eliminatórias Euro 2012
Alemanha 4 x 0 Cazaquistão, em Kaiserslautern-ALE
Gols: Klose (2) e Thomas Müller (2)

12 de outubro de 2010
Eliminatórias Euro 2012
Cazaquistão 0 x 3 Alemanha, em Astana-CAZ
Gols: Klose, Podolski, Mario Gomez

Autor: Tags: , , , , ,

quinta-feira, 14 de março de 2013 Eliminatórias da Copa, Seleção da Alemanha | 08:47

Que venha o Cazaquistão!

Compartilhe: Twitter

Reus e Boateng estão na lista de Löw

A seleção alemã está convocada para os dois próximos jogos diante do Cazaquistão, válidos pelo grupo C das eliminatórias para Copa do Mundo de 2014. O primeiro duelo acontece no dia 22 de março, fora de casa, em Astana, e a segunda partida será em Nuremberg, no dia 26.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

A Nationalelf lidera a chave com 10 pontos, três a mais que a Suécia, 2ª colocada. O Cazaquistão é só o 5º na tabela, com apenas um ponto.

É para garantir os seis pontos.

O técnico Joachim Löw, mais uma vez, deixou de fora o atacante Kiessling, que faz uma ótima temporada pelo Bayer Leverkusen. O centroavante Klose e os zagueiros Hummels e Badstuber também ficaram de fora, mas todos por conta de lesão. Em relação ao time que venceu o amistoso contra a França, no mês passado, as novidades são as voltas de Schweinsteiger, Götze, Schmelzer e Reus, que não jogaram em Paris porque estavam machucados.

► Curta a página do Blog do Alemão no Facebook

Reus, aliás, está suspenso pelo acúmulo de cartões e só poderá jogar o duelo em Nuremberg.

Confira a lista de convocados:

Goleiros: Manuel Neuer (Bayern de Munique), René Adler (Hamburgo), Ron-Robert Zieler (Hannover)

Defensores: Jerome Boateng (Bayern de Munique), Philipp Lahm (Bayern de Munique), Benedikt Höwedes (Schalke), Per Mertesacker (Arsenal-ING), Marcel Schmelzer (Borussia Dortmund), Heiko Westermann (Hamburgo)

Meio-campistas: Lars Bender (Bayer Leverkusen), Sven Bender (Borussia Dortmund), Mario Götze (Borussia Dortmund), Ilkay Gündogan (Borussia Dortmund), Marco Reus (Borussia Dortmund), Julian Draxler (Schalke), Sami Khedira (Real Madrid-ESP), Mesut Özil (Real Madrid-ESP), Toni Kroos (Bayern de Munique), Thomas Müller (Bayern de Munique), Bastian Schweinsteiger (Bayern de Munique)

Atacantes: Mario Gomez (Bayern de Munique), Lukas Podolski (Arsenal-ING), André Schürrle (Bayer Leverkusen)

Com esses nomes, eu montaria o time assim: Neuer, Lahm, Höwedes, Mertesacker e Schmelzer; Kroos, Schweinsteiger e Özil; Thomas Müller, Reus e Mario Gomez. E você?

Autor: Tags: , , , , , ,

sábado, 30 de julho de 2011 Eliminatórias da Copa, Seleção da Alemanha | 23:50

Grupinho chato esse da Alemanha, não?

Compartilhe: Twitter

Com cara de sono, o bonachudo Ronaldo sorteia a bolinha da Alemanha

O mega evento realizado no Rio de Janeiro neste sábado definiu os grupos nas eliminatórias da Europa para a Copa do Mundo de 2014. A Alemanha caiu no grupo C da competição, ao lado de Suécia, Irlanda, Áustria, Ilhas Faroe e Cazaquistão.

Achei uma chave um tanto quanto complicada. E você?

Khedira em ação contra a Áustria

A Suécia é imprevisível. Já viveu fases melhores dentro do futebol, mas tem o atacante Zlatan Ibrahimovic, que, sem dúvida, pode decidir uma partida em um lance. O restante do elenco é de razoável para bom, sem grandes nomes.

Já a Irlanda tem bons jogadores, como O’Shea, ex-Manchester United e atualmente no Sunderland, Damien Duff, do Fulham, Robbie Keane, do Tottenham, Gibson, do Manchester United, entre outros. É a tradicional escola britânica, sempre perigosa e calculista.

Os austríacos, na teoria, não metem tanto medo. Mas é clássico. Nas eliminatórias da Euro 2012, que ainda está em andamento, a Alemanha venceu o rival por 2 a 1, em Viena, no mês de junho deste ano. O segundo jogo entre as seleções será no começo de setembro.

Ilhas Faroe e Cazaquistão não tem nem o que analisar. Partidas para fazer saldo de gol. Vale ressaltar que os cazaques também estão na chave alemã da Euro e, nas duas partidas já realizadas, dois triunfos germânicos – 3 a 0 e 4 a 0.

Comenta aí! O que achou da chave alemã?

Autor: Tags: , , , , , , , , , ,

sábado, 26 de março de 2011 Eurocopa, Seleção da Alemanha | 21:42

Ataque do Bayern resolve para Alemanha

Compartilhe: Twitter

O passeio já estava anunciado, né? Não tinha como não ganhar de goleada do Cazaquistão, em casa. E os 4 a 0 ainda foram pouco, porque o goleiro adversário evitou um desastre maior para os visitantes. Klose e Müller marcaram duas vezes cada e garantiram o triunfo e a liderança disparada da Nationalelf no grupo A. Veja a classificação:

Alemanha – 15 pontos
Bélgica – 7 pontos
Áustria – 7 pontos
Turquia –  6 pontos
Azerbaijão – 3 pontos
Cazquistão – 0 ponto

Confesso que assisti apenas o primeiro tempo, quando a seleção alemã abriu 3 a 0 no placar. Klose fez nos primeiros minutos e Müller ampliou pouco depois. Os dois gols vieram de bola parada. O terceiro, também de Müller, aconteceu após belo passe de Özil. Aliás, segundo o Bild, o meio-campista do Real Madrid foi um dos melhores em campo.

Podolski também jogou muito bem nos primeiros 45 minutos, mas depois sumiu, assim como toda Alemanha. A partida, que era de eliminatória de Eurocopa, se transformou em um jogo-treino. Pelo que li e me falaram, o time claramente se poupou com o placar garantido, mas ainda teve tempo de marcar mais uma vez com Klose, faltando dois minutos.

Ainda de acordo com o Bild, atuação ruim de Dennis Aogo pelo lado esquerdo. Realmente ele não tem panca pra vestir a camisa tricampeã mundial. Pelo menos agora. Mais pra frente, quem sabe…

Além dos atacantes Müller e Klose, Löw colocou como titulares outros 3 atletas bávaros. Lahm, Schweinsteiger e Badstuber. Mario Gomez entrou no segundo tempo. Mas Basdstuber? Com Friedrich e Hummels convocados, ele não poderia ser titular. Nem no Bayern ele joga com frequência… tudo bem, foi contra o Cazaquistão, vamos dar um crédito ao técnico.

No 1º tempo o time perdeu muitos gols. E no 2º? Comente aí embaixo. O amistoso contra a Austrália, na terça, promete ser mais legal.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , ,

quinta-feira, 24 de março de 2011 Eurocopa, Seleção da Alemanha | 16:06

Sábado é dia de seleção alemã em campo

Compartilhe: Twitter

Neste sábado tem jogo da Alemanha pelas Eliminatórias da Euro 2012. O time de Joachim Löw, líder da chave na competição – 12 pontos, 4 jogos, 4 vitórias – enfrenta a fraca seleção do Cazaquistão, em casa. Em outubro de 2010, na partida realizada em Astana, capital cazaque, a Nationalelf venceu facilmente por 3 a 0, gols de Klose, Mario Gomez e Podolski. Relembre aqui.

Se eu fosse o técnico, com os convocados para esta partida e para o amistoso diante da Austrália (dia 29, terça), colocaria em campo esse time: Neuer, Lahm, Mertesacker, Hummels e Schmelzer; Khedira, Schweinsteiger e Özil; Podolski, Müller e Klose. Löw, no entanto, deverá colocar Friedrich no lugar de Hummels, e Badstuber ou Aogo na vaga de Schmelzer. Veremos.

Quando: 26/03/2011, sábado, 16h (de Brasília)
Onde: Fritz Walter Stadion, em Kaiserslautern
Por que: Eliminatórias da Euro 2012
Ao vivo na TV: Sportv e Esporte Interativo

Ah, tem o palpite, claro. Acho que vai dar uns 5 a 0, com Klose e Gomez marcando. Se Hummels jogar, ele guarda um de cabeça também. E você? O que acha? Comente aí embaixo.

PS: Não me perguntem o que está escrito na linha de baixo da imagem. Encontrei ela assim :)

Autor: Tags: , , , , , , , ,

terça-feira, 8 de março de 2011 Amistosos, Seleção da Alemanha | 21:48

Ballack deve se aposentar da seleção contra o Brasil

Compartilhe: Twitter

A ideia do meio-campista Michael Ballack era jogar pela seleção da Alemanha até o fim da Eurocopa de 2012. Porém, a Federação Alemã de Futebol (DFB) informou, nesta terça-feira, que a aposentadoria do jogador deve acontecer no duelo entre a Nationalelf e o Brasil. O amistoso acontece no dia 10 de agosto de 2011, na cidade de Stuttgart, na Mercedes Benz Arena.

> Veja a agenda de jogos da seleção alemã

O treinador Joachim Löw visitou o Bayer Leverkusen nesta semana e já avisou que não convocará Ballack para os jogos contra o Cazaquistão (Euro) e Austrália (Amistoso), que acontecem nos dias 26 e 29 de março, respectivamente. Uma entrevista coletiva está marcada para esse mês, possivelmente para oficializar essa decisão.

Aos 34 anos de idade, Ballack tem 98 jogos disputados pela Alemanha, com 42 gols anotados. Ele jogou as Copas de 2002 e 2006.

No Bayer Leverkusen, a situação do jogador é bastante complicada. Insatisfeito com o banco de reservas, Ballack pode deixar a equipe já no meio deste ano. Seu contrato vai até 2012, mas as desavenças com o treinador Jupp Heynckes podem antecipar o fim da passagem do meia nos Leões.

Será que o Ballack deixa mesmo a seleção e o Leverkusen? Comente aí embaixo.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 13 de outubro de 2010 Bundesliga, Fora dos campos | 18:19

Rapidinhas da Alemanha

Compartilhe: Twitter

Não bastasse a campanha ruim que faz na Bundesliga, o Bayern de Munique ganhou dois desfalques para o jogo contra o Hannover, no sábado, e contra o Cluj, na terça-feira, pela Liga dos Campeões. Miroslav Klose lesionou a coxa esquerda na vitória da seleção alemã contra o Cazaquistão, enquanto o capitão Mark van Bommel agravou uma contusão no joelho na partida em que a Holanda venceu a Moldávia. Os dois ficam fora do time por dez dias.

Só pra lembrar, Bastian Schweinsteiger, Diego Contento, Franck Ribéry e Arjen Robben também estão no estaleiro do clube bávaro. Chance para Mario Gomez, hein?!

Por falar em Bayern, Franz Beckenbauer, presidente honorário do clube, afirmou nesta quarta que a equipe “dificilmente pode ganhar o Campeonato Alemão nesta temporada”, já que está 13 pontos atrás do líder Mainz e ocupa a 12ª colocação após apenas sete rodadas. Para o “Kaiser”, terminar entre o 3º e o 5º lugar já estará de bom tamanho. Será?

Lanterna do Alemão, o Stuttgart decidiu demitir o treinador Christian Gross. O assistente Jens Keller assumirá o comando interinamente até que o novo comandante seja confirmado. O time vermelho tem apenas uma vitória em sete partidas disputadas até o momento na Bundesliga.

E o próximo duelo do Stuttgart é contra o Schalke, em Gelsenkirchen. Os Azuis-Reais estão um ponto à frente dos Schwaben, na vice-lanterna. Duelo dos desesperados no sábado.

Destaque na vitória da seleção alemã sobre o Cazaquistão com duas assistências e um golaço, Lukas Podolski soltou o verbo nesta quarta. Insatisfeito com o desempenho do Colônia na Bundesliga, o atacante ameaçou deixar o clube caso as coisas não melhorem.

“Se continuar assim, terei de refletir sobre o meu futuro. Sou realista e sei que clubes como o Bayern, Wolfsburg, Leverkusen e Hoffenheim têm meios financeiros que não são comparáveis aos nossos. Mas o Mainz e o Hannover dão mostras de que as coisas podem funcionar de outra forma”, disse.

Podolski tem 25 anos de idade, foi revelado no Colônia, depois se transferiu para o Bayern em 2006, e retornou ao clube em 2009. O jogador tem contrato com os Bodes até 2013, mas pelo jeito não vai cumprir. Certo ele. A diretoria que se mexa para contratar reforços em janeiro, senão seu principal atleta faz as malas e vai embora.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

terça-feira, 12 de outubro de 2010 Eurocopa, Seleção da Alemanha | 18:20

Contra o Cazaquistão, até Mario Gomez fez o seu

Compartilhe: Twitter


Mesut Özil cumprimenta Mario Gomez, autor do 2º gol alemão em Astana

A 4ª vitória nas eliminatórias da Euro 2012 estava cantada, mas aconteceu somente no segundo tempo. A Alemanha bateu a fraca seleção do Cazaquistão por 3 a 0 e manteve 100% de aproveitamento na competição. Agora, a Nationalelf tem 12 pontos na chave A da competição, enquanto a segunda colocada Áustria tem 7.

Nesta terça-feira, o time de Joachim Löw jogou apenas o suficiente para voltar para casa com os três pontos. O primeiro tempo em Astana, capital cazaque, terminou sem gols, com inúmeras chances desperdiçadas pelos visitantes. Klose, Müller, Khedira, Podolski, Özil, Kroos… enfim, quase metade do time teve oportunidade para balançar as redes, mas falharam nas conclusões.

Na estapa final, porém, a Alemanha deslanchou. Logo aos três minutos, Lukas Podolski fez bela jogada pela esquerda e cruzou para Klose. O atacante do Bayern de Munique ganhou do zagueiro na inteligência e tocou para o fundo das redes de canhota para abrir o marcador. Foi o 6º gol em 4 jogos no torneio. Depois, o atleta mais experiente da seleção teve que deixar o jogo com dores na perna.

No seu lugar entrou Mario Gomez, autor do segundo gol alemão aos 31  minutos. Podolski deu belo passe em profundidade para Super Mario, que só teve o trabalho de tocar de perna esquerda longe do alcance do goleiro. Se até ele fez gol, dá para termos uma ideia de como estava fácil chegar. É esforçado, tem vontade, tem carisma, mas é beeeem grosso.

Por fim, para coroar sua bela atuação, Podolski recebeu na meia esquerda, passou por pelo menos cinco marcadores e guardou um golaço. Poldi foi o melhor em campo de uma partida sem tanto brilho, mas de novo muito eficiente da Alemanha.

Próximo jogo da seleção na competição será de novo contra o Cazaquistão, dessa vez em Kaiserslautern, no dia 26 de março de 2011. Antes, a equipe de Löw tem dois amistosos agendados: um contra a Suécia, no dia 17 de novembro de 2010, e outro contra a Itália, em 9 de fevereiro de 2011. Veja a agenda de jogos da Alemanha

Atuações dos jogadores:

Neuer – Fez apenas uma defesa no jogo. Mas foi uma boa defesa. Nota 6,5
Lahm – Subiu bastante ao ataque e foi bem na marcação. Nota 7,0
Mertesacker – Boa atuação na zaga. Nota 7,0
Badstuber – Bem na defesa, e ainda foi o responsável pelas bolas paradas. Nota 7,0
Westermann – Apoiou bastante, mas não tem muita qualidade ofensiva. Nota 6,0
Khedira – Começou nervoso, errou muitos passes. Atuação abaixo do que pode fazer. Nota 5,5
Kroos – Melhorou com relação ao último jogo, mas ainda está devendo. Nota 6,0
Özil – Com dores no tornozelo, se poupou. Ainda assim mostrou sua habilidade. Nota 6,5
Müller – Correu como sempre, mas pecou nas finalizações. Já fez melhor. Nota 6,0
Podolski – Duas assistências e um golaço. Melhor em campo. Nota 8,0
Klose – Um gol de quem conhece. Saiu machucado. Nota 7,5
Mario Gomez – Deixou sua marca e até que se movimentou bem. Nota 6,5
Marin – Não mostrou muita coisa no tempo que ficou em campo. Nota 5,5
Cacau
– Teve duas chances para marcar, mas errou nas finalizações. Nota 6,0

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. Última