Publicidade

Posts com a Tag CSKA Moscou

quarta-feira, 27 de novembro de 2013 Liga dos Campeões | 19:34

Bayern passeia na Rússia, e Leverkusen apanha em casa

Compartilhe: Twitter

PFC CSKA Moskva v FC Bayern Muenchen - UEFA Champions LeagueO Bayern de Munique segue soberano e imbatível na Liga dos Campeões. Nesta quarta-feira, os Bávaros visitaram o CSKA, na gelada Moscou, e enfiaram 3 a 1, alcançando sua 10ª vitória consecutiva na competição – contando, claro, a campanha da temporada passada. Um recorde absoluto na história da Champions League.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

Debaixo de muita neve, os alemães conseguiram segurar a pressão inicial dos russos e abriram o placar com Robben, aos 17 minutos, aproveitando cruzamento de Müller. No segundo tempo, o Bayern ampliou com um golaço de Götze, que driblou metade do time adversário. O japonês Honda marcou para os anfitriões batendo pênalti cometido por Dante, mas, também de pênalti, Müller decretou o triunfo dos visitantes.

A nota preocupante do jogo ficou por conta do capitão Philipp Lahm, que teve uma lesão muscular e deixou o duelo ainda no primeiro tempo. O Mundial de Clubes está chegando, hein?

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

A vitória mantém o Bayern de Munique na liderança absoluta do grupo D, com 15 pontos e 100% de aproveitamento. A equipe de Pep Guardiola só perde a primeira posição se, na última rodada, for derrotado pelo vice-líder Manchester City por dois ou mais gols de diferença, dentro da Allianz Arena.

Bayer Leverkusen v Manchester United -- UEFA Champions LeagueJá o Bayer Leverkusen se complicou na Champions. A paulada de 5 a 0 que levou do Manchester United, jogando em casa, derrubou os Leões para terceira posição da chave A com sete pontos, um atrás do Shakhtar Donetsk, segundo colocado. Os ingleses chegaram aos 11 pontos, lideram e garantiram uma vaga nas oitavas de final do torneio.

Na última rodada, o Leverkusen pega a Real Sociedad fora de casa e um empate serve para avançar de fase, desde que o Manchester United vença o Shakhtar, na Inglaterra. Se der empate em Manchester, o time alemão precisa vencer na Espanha. Agora, se a Real Sociedad ou Shakhtar vencerem, o Bayer está eliminado.

Jogando na BayArena, o time germânico foi totalmente submisso ao Manchester United. O primeiro tempo teve um amplo domínio dos ingleses, que foram para o intervalo vencendo por 2 a 0, gols de Valencia e Spahic, contra. Na etapa final, os visitantes seguiram mandando na partida e transformaram o triunfo em goleada, gols de Evans, Smalling e Nani. Ficou barato, poderia ser um vexame maior.

Agora, se for para o Bayer Leverkusen passar esses vexames, que fique com uma vaga na Liga Europa. Capaz de ser humilhado nas oitavas de final da Champions, caso avance.

Autor: Tags: , , , , ,

terça-feira, 17 de setembro de 2013 Liga dos Campeões | 17:37

Bayern atropela, Bayer apanha

Compartilhe: Twitter

Atual campeão da Champions League, o Bayern de Munique estreou na competição com uma vitória tranquila diante do CSKA Moscou, na Allianz Arena: 3 a 0. Guardiola preferiu deixar Schweinsteiger no banco – ele está sem ritmo de jogo -, escalando Rafinha na lateral direita e Lahm como volante. Lembrando que Martinez e Thiago Alcântara estão machucados.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

No primeiro tempo, logo aos três minutos, Alaba cobrou falta de muito longe e abriu o placar para os alemães. O goleirão russo ainda deu uma ajudinha no lance. Depois de perder algumas boas chances e priorizar a posse de bola, o Bayern ampliou aos 41. Robben cobrou falta na área e Mandzukic, impedido, cabeceou para deixar sua marca.

Mesmo adotando um ritmo bem mais cadenciado no segundo tempo, o Bayern chegou ao terceiro gol com Robben. O holandês recebeu um passe açucarado de Alaba, dominou e fuzilou a rede russa. Isso aos 23 minutos. Depois foi só cozinhar e administrar o placar, sem levar sustos.

No outro jogo do grupo D, o Manchester City foi até a República Tcheca e enfiou 3 a 0 no Viktoria Plzen.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

Já o Bayer Leverkusen teve uma estreia bem mais complicada na Liga dos Campeões e foi goleado. Contra o poderoso Manchester United, na Inglaterra, os Leões perderam por 4 a 2, começando mal sua caminhada no torneio. Na primeira etapa, os donos da casa foram bastante superiores e levaram para o intervalo a vantagem de um gol, tento anotado pelo atacante Rooney.

No segundo tempo, o Leverkusen voltou melhor e buscou o empate com um belo gol de Rolfes, após boa jogada do sul-coreano Son. Depois, duas bobeiras decidiram o placar a favor dos ingleses. Van Persie acertou um voleio de dentro da área, o goleiro Leno falhou e o Manchester voltou a ficar na frente do marcador. Minutos mais tarde, a zaga germânica bateu cabeça e Rooney ficou livre para anotar o terceiro.

O Bayer Leverkusen se lançou ao ataque tentando diminuir o prejuízo e levou o quarto gol num contra-ataque mortal do United. Rooney tocou para Valencia, que soltou a bomba no canto de Leno. No final da partida, aos 43 minutos, o zagueirão Toprak marcou o segundo dos Leões, decretando o placar.

O grupo A ainda teve a Real Sociedad perdendo na Espanha para o Shakhtar Donetsk, 2 a 0.

Nesta quarta-feira tem mais Alemanha em campo pela Champions. Em Gelsenkirchen, o Schalke recebe o Steaua Bucareste, enquanto o Borussia Dortmund vai até a Itália duelar com o perigoso Napoli.

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

quarta-feira, 25 de novembro de 2009 Liga dos Campeões | 19:55

Todos dependem de si na Liga

Compartilhe: Twitter
Kuzmanovic comemora seu gol

Kuzmanovic comemora seu gol

O Stuttgart estava respirando através de aparelhos e na UTI da Liga dos Campeões, mas conseguiu uma vitória fora de casa que coloca a equipe na enfermaria, já podendo receber visitas. Os Schwaben bateram o Rangers, na Escócia, e só dependem de si para seguir para as oitavas. Com um time misto, a vitória veio com gols de Rudy e Kuzmanovic, o melhor jogador da equipe.

Próximo jogo é contra o Unirea, da Romênia, em casa. Na teoria, a tarefa não é das mais difíceis. Mas apostar no Stuttgart nesta temporada está complicado.

A situação do Stuttgart é a seguinte:
Se vencer: Se classifica
Se empatar: Está fora
Se perder: Está fora

*****

Benaglio não evitou o gol do CSKA

Benaglio não evitou o gol do CSKA

O Wolfsburg perdeu nesta quarta-feira, mas assim como o Stuttgart, só depende de si para se classificar. Dzeko abriu o placar para os Lobos diante do CSKA, em Moscou, mas a equipe alemã não suportou a pressão russa e levou a virada no segundo tempo. Ainda assim, o time é o segundo no grupo.

Próximo jogo é contra o Manchester United, em casa. A vaga deve vir, mas vai ser no sufoco. Rodada final dessa chave promete.

A situação do Wolfsburg é a seguinte:
Se vencer: Se classifica
Se empatar: Se classifica se o CSKA não derrotar o Besiktas, na Turquia
Se perder: Se classifica se o CSKA perder do Besiktas, na Turquia

*****

Olic salvou o Bayern de Munique

Olic salvou o Bayern de Munique

Por fim, o Bayern de Munique. Os Bávaros também dependem de suas próprias forças, mas a tarefa é bem mais complicada. Nesta quarta, com gol solitário de Olic, o time de Van Gaal venceu o Maccabi Haifa por 1 a 0 na Allianz Arena e está na terceira colocação do grupo, um ponto a menos que a Juventus. O Bayern jogou sem Klose, Toni, Robben e Ribéry.

Próximo jogo é contra a própria Juventus, na Itália. Derrotar o time de Diego em Turim é uma tarefa das mais árduas, mas não impossível. Mesmo assim, o tradicional Bayern deve ficar pelo caminho.

A situação do Bayern é a seguinte:
Se vencer: Se classifica
Se empatar: Está fora
Se perder: Está fora

Autor: Tags: , , , , , , ,

terça-feira, 15 de setembro de 2009 Jogadores brasileiros, Liga dos Campeões | 19:33

Melhor impossível

Compartilhe: Twitter
Palmas para mim

Palmas para mim

E a fase de grupos da Liga dos Campeões começou muito bem para os alemães. Nos dois jogos desta terça, duas vitórias contundentes de Wolfsburg e Bayern de Munique, uma em casa e outra fora.

Começando por quem nunca tinha jogado um torneio tão importante na história… os lobos receberam o CSKA Moscou na Volkswagen Arena e contaram com uma atuação inspirada de Grafite, sempre ele, para estrearem em Ligas com autoridade. O atacante marcou os três gols da vitória por 3 a 1 sobre os russo, e já é o artilheiro isolado da competição.

O placar foi um prêmio para a equipe de Armin Veh, que procurou o gol desde os primeiros minutos e não deu chances para o adversário. O treinador armou o Wolfsburg com um trio ofensivo poderoso formado por Grafite, Oba Oba Martins e Dzeko. Venceu quem quis atacar. E o triunfo ameniza a situação do time verde, que vinha de três derrotas seguidas na Bundesliga – duas delas diante de sua torcida.

Agora, o Bayern de Munique. Van Gaal foi ousado ao deixar o artilheiro Mario Gomez no banco de reservas e começar a partida contra os israelenses do Maccabi Haifa com Ivica Olic e Thomas Muller no ataque. Alimentando os dois, Ribéry e Robben. E deu certo. Não no primeiro tempo, já que os bávaros pouco criaram e ainda estiveram perto de tomar um gol.

Quero ver tirarem Muller do time titular

Quero ver tirarem Muller do time titular

Na etapa final, o grandalhão belga Van Buyten colocou o Bayern na frente, e o jovem Muller, com dois gols já nos últimos minutos, fechou o placar de 3 a 0, na casa do rival. Está confirmada a recuperação da equipe na temporada. Depois de um péssimo começo no Alemão, o time acumula agora quatro vitórias consecutivas.

É aquela história que eu sempre insisti em contar. Se acertar a defesa, o Bayern de Munique vai brigar por todos os títulos. Parece que está acertando… veremos mais para frente.

Não sei se terão lugar no time Luca Toni e Klose quando esses estiverem em condições de jogar. Já duvido até de Gomez como titular daqui pra frente. Talvez na vaga de Olic… Muller vem se garantindo a cada jogo. Bom garoto.

Quarta-feira tem a estreia do Stuttgart contra o Rangers, na Alemanha. É pra ratificar o bom início dos germânicos na Liga.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , ,