Publicidade

Posts com a Tag Julian Baumgartlinger

domingo, 23 de dezembro de 2012 Bundesliga | 12:40

Números, estatísticas e curiosidades do 1º turno

Compartilhe: Twitter

Números são fatos. E contra fatos não há argumentos. Então, vamos direto às estatísticas e curiosidades que marcaram a primeira metade do Campeonato Alemão, que só volta no dia 18 de janeiro. No final da temporada tem mais.

Dados do 1º turno

Partidas jogadas: 153
Gols marcados: 444
Média de gols por partida: 2,9
Jogo com mais gols: Freiburg 5 x 3 Hoffenheim (8 gols)
Vitórias de mandantes: 68 (44,4%)
Vitórias de visitantes: 47 (30,7%)
Empates: 38 (24,8%)
Jogos com menos de três gols: 71 (46,4%)
Jogos com mais de três gols: 82 (53,6%)
Resultado mais comum: 1 x 1 (21 vezes)

Thorsten Kinhöfer

Arbitragem

Felix Zwayer, Thorsten Kinhöfer e Knut Kircher foram os árbitros que mais apitaram jogos no 1º turno: 10 partidas cada um

Thorsten Kinhöfer (foto) foi o juiz que mais aplicou cartões amarelos: 53. Ele também tem a maior média de amarelos aplicados – 5,3 por jogo

Wolfgang Stark foi o árbitro que mais aplicou o cartão vermelho: 5 expulsões

Disciplina

O Hannover é o time que mais teve pênaltis marcados a seu favor: 5 pênaltis. Já Bayer Leverkusen, Augsburg e Nuremberg não tiveram pênaltis anotados

Greuther Fürth é a equipe que mais levou cartões amarelos: 47 no total. Borussia Dortmund e Bayern de Munique foram as mais disciplinadas, com apenas 19 amarelos tomados

Stuttgart, Hoffenheim e Greuther Fürth tiveram 4 jogadores expulsos e lideram essa estatística.

Bayern de Munique é o único time que não teve jogador recebendo cartão vermelho. E a única expulsão do Borussia Dortmund (Schmelzer) foi anulada pela Federação Alemã

Série de jogos

A maior série de vitórias seguidas foi do Bayern de Munique: 8 vitórias

A maior série de derrotas seguidas foi do Hoffenheim: 6 derrotas

As maiores séries de empates seguidos foram de Greuther Fürth e Fortuna Düsseldorf: 3 empates

A maior série de jogos sem ganhar foi do Greuther Fürth: 15 jogos sem ganhar

Gols marcados

Frankfurt, Borussia Dortmund e Bayer Leverkusen foram os times que mais marcaram gols nos primeiros 15 minutos de jogo: 6 cada um

Bayern de Munique é a equipe que mais fez gols nos 15 minutos finais: 8 gols

Hamburgo foi a única equipe que não marcou gol nos 15 minutos finais

Hoffenheim, Freiburg e Borussia M’gladbach foram os times que mais marcaram gols nos acréscimos dos jogos: 2 cada um

Oito times não fizeram gol nos acréscimos: Borussia Dortmund, Frankfurt, Werder Bremen, Schalke, Stuttgart, Fortuna Düsseldof, Wolfsburg e Augsburg

Gols sofridos

Greuther Fürth é o time que mais levou gols nos primeiros 15 minutos dos jogos: 7 gols sofridos

Hamburgo e Fortuna Düsseldorf foram os que menos levaram gols nos primeiros 15 minutos dos jogos: 1 cada um

Hoffenheim é a equipe que mais levou gols nos 15 minutos finais: 10 gols sofridos

Nuremberg e Schalke foram os times que mais levaram gols nos acréscimos das partidas: 2 cada um

Sete times não levaram gols nos acréscimos dos jogos: Augsburg, Frankfurt, Borussia M’gladbach, Bayer Leverkusen, Borussia Dortmund, Freiburg e Bayern de Munique

Desempenho

Cinco times conseguiram duas viradas no 1º turno – Freiburg, Frankfurt, Borussia M’gladbach, Hannover e Werder Bremen – e lideram essa estatística

Seis times não conseguiram virar nenhum jogo: Bayer Leverkusen, Hamburgo, Nuremberg, Fortuna Düsseldorf, Augsburg e Greuther Fürth

Fortuna Düsseldorf foi quem mais empatou em casa: 4 empates

Hamburgo e Mainz foram os únicos que não empataram em casa

Borussia M’gladbach foi quem mais empatou fora de casa: 5 empates

Hannover foi o único que não empatou fora de casa

Bayer Leverkusen foi o único time que não perdeu em casa

Bayern de Munique foi o único time que não perdeu fora de casa

Augsburg foi o único time que não venceu fora de casa

Greuther Fürth foi o único time que não venceu em casa

Jogadores

Julian Baumgartlinger (Mainz) e Javier Pinola (Nuremberg) foram os jogadores que mais levaram cartões amarelos: 7 cada um

Assani Lukimya (Werder Bremen), Sejad Salihovic (Hoffenheim), Oliver Fink (Fortuna Düsseldorf) e Karim Matmour Frankfurt) foram os jogadores que mais levaram cartão vermelho: 2 cada um

Manuel Neuer e René Adler jogaram todos os minutos do 1º turno

16 jogadores estiveram presente em todos os 17 jogos do 1º turno, sempre como titulares e jogaram os 1530 minutos dos seus respectivos times: Diego Benaglio (Wolfsburg), Dante (Bayern de Munique), Kevin Trapp (Frankfurt), René Adler (Hamburgo), Roman Weidenfeller (Borussia Dortmund), Daniel Baier (Augsburg), Stephan Fürstner (Greuther Fürth), Sebastian Mielitz (Werder Bremen), Heiko Westermann (Hamburgo), Sven Ulreich (Stuttgart), Manuel Neuer (Bayern de Munique), Sebastian Jung (Frankfurt), Timm Klose (Nuremberg), Ron-Robert Zieler (Hannover), Oliver Baumann (Freiburg) e Bastian Oczipka (Frankfurt)

Apenas 3 atletas fizeram “hat-trick” – três gols num jogo: Vedad Ibisevic (Stuttgart), Marko Arnautovic (Werder Bremen) e Adam Szalai (Mainz)

Alexander Meier (Frankfurt) foi quem mais fez dois gols na mesma partida: 3 vezes

Daniel Caligiuri (Freiburg) foi o artilheiro das penalidades: 3 gols de pênalti

Sidney Sam (Bayer Leverkusen) foi o jogador que mais fez gols saindo do banco de reservas: 3 tentos

Vedad Ibisevic (Stuttgart) foi quem fez a maior porcentagem de gols do seu time: 48% dos tentos. Depois dele aparecem Bas Dost (Wolfsburg) com 41%, e Adam Szalai (Mainz) com 38%

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,