Publicidade

Posts com a Tag Lewis Holtby

quarta-feira, 14 de novembro de 2012 Amistosos, Seleção da Alemanha | 19:27

Jogo ruim para fechar o ano

Compartilhe: Twitter

Mario Götze mostrou todo seu conhecimento em ginástica artística no duelo contra a Holanda

No último jogo do ano de 2012, nesta quarta-feira, a remendada Alemanha só empatou com a Holanda em amistoso realizado na cidade de Amsterdã: 0 a 0. Sem um homem de referência na área, o time germânico teve pouco poder ofensivo, apesar das boas chances criadas no primeiro tempo. A segunda etapa foi sofrível.

Clique aqui e confira a agenda de jogos completa da Alemanha

Joachim Löw surpreendeu e escalou Holtby entre os titulares, deixando Podolski no banco de reservas. Müller caiu pela direita, Götze pela esquerda, e Reus, que deveria fazer a função de centroavante, saiu muito da área e teve boa movimentação no ataque. Mas, obviamente, deixando a equipe sem a referência que Klose ou Gomez costumam ter.

Se por um lado o ataque o time não produziu como se esperava, por outro, a Alemanha teve uma boa performance defensiva, com Mertesacker e Hummels indo muito bem no miolo de zaga, e Höwedes dando proteção pela lateral direita. Lahm foi bem na marcação pela esquerda e a dupla de volantes formada por Lars Bender e Gündogan protegeu bem a entrada da área.

Vote no BLOG DO ALEMÃO como melhor blog esportivo de 2012

No primeiro tempo, a Nationalelf foi levemente superior. Reus chamou a responsabilidade e participou de quase todos os lances de ataque com, inclusive, uma boa chance para marcar. Seu chute, porém, saiu pelo lado direito. A melhor oportunidade aconteceu já aos 45 minutos, quando Gündogan pegou rebote na entrada da área, chutou no canto e o zagueiro Heitinga salvou em cima da linha.

Müller puxado pela camisa, hein? E aí, juizão?

Na primeira etapa, a melhor chance holandesa aconteceu com Robben, que recebeu na frente de Neuer, driblou o companheiro de Bayern de Munique e, sem ângulo, se enrolou na hora de concluir.

O segundo tempo foi horrível. Nenhuma seleção criava e a melhor oportunidade apareceu somente aos 32 minutos, e foi da Holanda. Janmaat acertou um belo chute colocado e Neuer se esticou todo para mandar a bola para escanteio, garantindo o empate. Nos acréscimos, Reus recebeu na área e quase marcou o gol da vitória alemã. O único chute do time nos 45 minutos finais saiu por cima.

Dá para dizer que foi um bom resultado? Dá sim. Empatar com a Holanda fora de casa não é ruim. Muito pelo contrário. Ainda mais com os muitos desfalques que o time teve: Schweinsteiger, Klose, Özil, Kroos, Schmelzer e Boateng, que foram chamados e depois cortados, além de Khedira e Mario Gomez, que se recuperam de lesão.

Próximo jogo da Alemanha é só em 2013, no dia 6 de fevereiro, contra a França. O amistoso está marcado para a cidade de Paris

Notas dos jogadores
Neuer 7,5, Höwedes 6,0, Mertesacker 6,5, Hummels 6,5 e Lahm 6,0; Lars Bender 6,5 (Sven Bender Sem nota), Gündogan 7,0, Holtby 5,0 (Neustädter Sem nota) e Götze 5,5 (Podolski 6,0); Müller 6,5 (Schürrle Sem nota) e Reus 7,0 (Draxler Sem nota)

Autor: Tags: , ,

terça-feira, 13 de novembro de 2012 Amistosos, Seleção da Alemanha | 09:58

Prévia de Holanda x Alemanha – Löw com problemas

Compartilhe: Twitter

No último jogo da seleção alemã em 2012, muitos problemas para o técnico Joachim Löw. Nada menos do que seis convocados foram cortados e não poderão atuar diante da Holanda, nesta quarta-feira: Klose e Schweinsteiger estão gripados, Boateng e Özil têm lesões musculares, Schmelzer está com um problema no pé direito e Kroos pegou uma forte infecção intestinal.

► Clique aqui e confira a agenda de jogos completa da Alemanha

No último jogo entre as seleções, pela Euro 2012, vitória da Alemanha por 2 a 1 na Ucrânia

Todos, provavelmente, seriam titulares no duelo em Amsterdã. Eles se juntam a Sami Khedira, que está machucado e nem foi chamado, assim como Holger Badstuber e Mario Gomez.

Quando: 14/11/2012, quarta-feira
Onde: Amsterdam Arena, em Amsterdã-HOL
Porque: Amistoso
Horário: 17h30 (de Brasília)
Na TV: Bandsports

Diante de todos esses desfalques, o comandante convocou às pressas três jogadores para o duelo. Sebastian Jung, jovem lateral direito do Eintracht Frankfurt, de apenas 22 anos e figurinha carimbada nas seleções de base, o meia Lewis Holtby, um dos destaques do Schalke na temporada, e o volante Sven Bender, do Borussia Dortmund.

Provável escalação: Neuer; Höwedes, Mertesacker, Hummels e Lahm; Lars Bender, Gündogan, Götze, Podolski e Thomas Müller; Reus.

Nessa formação, Podolski cairá pela esquerda, Müller pela direita e Reus faz a função de centroavante. Götze será o responsável pela armação ao lado de Gündogan, o segundo volante. Sem contar que o zagueiro Höwedes deve ocupar a lateral direita, deslocando Lahm para o lado esquerdo.

Pelo lado da Holanda, o atacante Robin Van Persie foi cortado, e Huntelaar será o titular. Afellay, também do Schalke, Robben, do Bayern de Munique, e Van der Vaart, do Hamburgo, também devem começar jogando contra a Alemanha.

Palpite? Aposto em uma vitória difícil da Alemanha, 2 a 1. Dois do Reus.

Números e curiosidades do duelo

– Total de jogos: 39;
– 15 vitórias da Alemanha, 10 vitórias da Holanda e 14 empates;
– A Nationalelf marcou 77 gols e sofreu 64;
– Dos 14 empates, apenas dois foram sem gols;
– Cinco jogos aconteceram em Copas do Mundo;
– Cinco partidas foram por Eurocopas;
– O primeiro jogo sem ser amistoso foi a final da Copa de 74;
– 15 jogos aconteceram na Holanda e 18 foram na Alemanha;
– Amsterdã já recebeu 8 partidas; Düsseldorf já foi palco de 5;
– Em meses de novembro foram 5 jogos, com uma vitória alemã e duas holandesas

Primeiro jogo
24/04/1910 – Amistoso em Arnheim (HOL)
Holanda 4 x 2 Alemanha

Última partida
13/06/2012 – Euro 2012, em Kharkiv (UCR)
Alemanha 2 x 1 Holanda

Jogo com maior número de gols
24/03/1912 – Amistoso em Zwolle (HOL)
Holanda 5 x 5 Alemanha

Primeira vitória alemã
21/04/1924 – Amistoso em Amsterdã (HOL)
Holanda 0 x 1 Alemanha

Maior vitória alemã
21/10/1959 – Amistoso em Colônia (ALE)
Alemanha 7 x 0 Holanda

Jogo mais importante
07/07/1974 – Final da Copa de 74, em Munique (ALE)
Alemanha 2 x 1 Holanda

Autor: Tags: , , , , , , , , , , ,

domingo, 20 de novembro de 2011 Bundesliga, Vídeos | 23:50

Uma rodada de alegrias e tristeza

Compartilhe: Twitter

Todo mundo sabe o que aconteceu na Alemanha neste final de semana, não é? O árbitro Babak Rafati, que apitaria o duelo entre Colônia e Mainz, no sábado, tentou se suicidar horas antes da partida, forçando o adiamento do jogo. O mais importante é que ele não conseguiu se matar, está vivo e fora de perigo. Mas antes de entrar em mais detalhes sobre esse caso, vamos falar do que rolou de mais legal na 13ª rodada da Bundesliga.

Nas goleadas de Borussia M’gladbach e Schalke, os destaques ficaram por conta das comemorações de Marco Reus e Lewis Holtby. Reus só não fez chover contra o Werder Bremen e anotou três gols nos 5 a 0. Holtby, por sua vez, fez o último tento nos 4 a 0 sobre o Nuremberg. E os dois atletas celebraram dançando a coreografia da música “Ai se eu te pego”, de Michel Teló. Lembrando que Cristiano Ronaldo e Neymar também entraram nessa onda recentemente.

Veja no vídeo aí de baixo:

Na Allianz Arena não teve dancinha de Mario Götze, mas o jovem meia-atacante do Borussia Dortmund marcou o gol da vitória por 1 a 0 sobre o todo poderoso Bayern de Munique, placar que embola a classificação do Alemão. Os Bávaros seguem na ponta, mas agora com apenas dois pontos de vantagem sobre os próprios Amarelos – 28 a 26. M’gladbach e Schalke aparecem em 3º e 4º – 26 e 25 pontos.

Resultados da rodada:

Kaiserslautern 0 x 2 Bayer Leverkusen
Wolfsburg 4 x 1 Hannover
Borussia M’gladbach 5 x 0 Werder Bremen
Freiburg 2 x 2 Hertha Berlim
Schalke 4 x 0 Nuremberg
Bayern de Munique 0 x 1 Borussia Dortmund
Stuttgart 2 x 1 Augsburg
Hamburgo 2 x 0 Hoffenheim

Bom, depois da rápida passada no que rolou dentro de campo, hora de comentar o fato que ofuscou jogadores, torcedores, dirigentes… enfim, na Alemanha só se fala do árbitro que tentou se matar.

Babak Rafati não apareceu para tomar café da manhã com os bandeirinhas no hotel em que estavam hospedados, na cidade de Colônia, fato que causou estranheza aos assistentes Holger Henschel e Frank Willenburg. Ambos então foram ao quarto de Babak e tiveram que arrombar a porta, já que o juiz não respondia aos chamados. E foi ai que o encontraram dentro da banheira, com os pulsos cortados.

Placar do Rhein Energie Stadion, em Colônia, informa aos torcedores sobre o adiamento do jogo com o Mainz

Segundo a polícia, foi encontrada uma carta de suicídio, mas o conteúdo ainda não foi revelado.

O pai de Babak, Djalal Rafati, disse à imprensa alemã que conversou por telefone com o filho, que está internado num hospital de Colônia e já sem risco de morrer. “A primeira coisa que ele me disse foi ‘pai, eu te amo’. Ele pediu desculpas, pediu perdão. Eu disse a ele que o perdoo e que estou feliz por ele estar vivo”, disse Djalal.

Babak Rafati

Ainda de acordo com o pai do árbitro, Babak revelou o motivo da tentativa de suicídio, mas que não vai comentar isso no momento. “Ele me contou o motivo, mas não posso dizer. Falaremos sobre isso quando ele voltar a Hannover (cidade em que reside)”, completou Djalal.

Hanover também de Robert Enke!

Mesmo sem a confirmação do motivo, a imprensa, claro, já faz especulações e algumas dúvidas estão no ar. Babak teria tentado o suicídio porque, em janeiro, perdeu o status de árbritro da Fifa, deixando de trabalhar em jogos internacionais? Ou talvez porque seja preterido na própria Bundesliga, já que nas 13 rodadas realizadas até então, ele só apitou quatro partidas?

Aos 41 anos de idade e funcionário do banco de investimentos Sparkasse, ele estaria com problemas financeiros. Seria esse o motivo de tamanha depressão? “Ele nunca me falou em depressão. Se tivesse feito isso eu teria reagido”, disse o pai do juiz. Babak começou a apitar jogos da 1ª divisão em 2005, justamente em um Colônia x Mainz.

Só vamos saber realmente o que aconteceu quando Babak se recuperar e resolver contar seu drama. Ou quando a polícia divulgar o que a suposta carta de suicídio dizia. O mais importante é que o árbitro está se recuperando bem.

Ah, e a Federação Alemã ainda não decidiu uma nova data para Colônia x Mainz.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

sexta-feira, 21 de outubro de 2011 Liga Europa | 00:21

Liga Europa na hora "H"

Compartilhe: Twitter

Holandês Huntelaar fez dois gols e comandou a goleada do Schalke fora de casa

Dia do H na Liga Europa para os alemães. Primeiro porque o o Schalke enfiou 5 a 0 no AEK Larnaka, do Chipre, jogando na casa do adversário, e ficou muito perto da próxima fase. Os gols foram de Huntelaar (2), Holtby e Höwedes, todos os nomes começando com a letra H. Ai o Draxler quis estragar a brincadeira e marcou o outro dos Azuis-Reais.

Com o triunfo longe de Gelsenkirchen, o Schalke segue na liderança da chave J, com sete pontos. Lembrando que no returno a equipe germânica atua duas vezes em casa. O segundo colocado é o Maccabi Haifa, de Israel, com seis pontos, seguido do Steua Bucareste, da Romênia, que tem dois. O AEK segura a lanterna com apenas um.

Ya Konan não marcou para o Hannover, mas deixou sua marca no gramado da AWD Arena

O outro alemão em campo nesta quinta-feira foi o Hannover, que também começa com H, claro, mas quem deu as cartas foram os jogadores que começam com a letra P. Os gols dos Vermelhos contra o Copenhague foram anotados por Pander e Pinto, mas a equipe dinamarquesa buscou o empate na Alemanha aos 44 minutos do segundo tempo, tento do brasileiro Santin: 2 a 2 no final das contas.

Empate em casa nunca é bom, principalmente num grupo equilibrado como esse. O Standard Liège, da Bélgica, está na liderança com cinco pontos, mesma pontuação do Hannover, segundo colocado. Na cola está o próprio Copenhague, com quatro, enquanto o Vorskla, da Ucrânia, tem só um.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 6 de junho de 2011 Eurocopa, Seleção da Alemanha | 11:11

Jogo para manter os 100%

Compartilhe: Twitter

Depois de vencer a Áustria fora de casa, a Alemanha volta a campo nesta terça-feira pelas eliminatórias da Euro 2012, de novo longe de seus domínios. Mas a partida contra o Azerbaijão, em Baku, não deve ser das mais difíceis. Lembrando que no primeiro turno, jogando em Colônia, a Nationalelf enfiou 6 a 1.

Azerbaijão x Alemanha> Veja a agenda de jogos da Alemanha

Para a partida, Joachim Löw deve mandar a campo o mesmo time que começou jogando em Viena, com apenas uma alteração. Khedira, lesionado, não joga. Como Rolfes também se machucou nos treinos, o treinador pode escalar Aogo ou Badstuber na vaga de volante, com mais tendência de o primeiro sair jogando.

O time: Neuer, Lahm, Friedrich, Hummels e Schmelzer; Kroos, Aogo e Özil; Müller, Podolski e Gomez.

Com as várias lesões – Khedira, Rolfes, Schweinsteiger, Träsch, Klose, Bender e Reus -, a seleção convocou outros dois atletas para, pelo menos, compor o banco de reservas: Lewis Holtby, que é do Schalke e jogou no Mainz a última temporada, e Sebastian Rudy, do Hoffenheim.

Quando: 07/06/2011, terça-feira
Onde: Estádio Tofik Bakhramov, em Baku (AZE)
Porque: Eliminatórias da Euro 2012
Horário: 14h (de Brasília)
Na TV: Sportv 2, ao vivo

Em toda história, Alemanha e Azerbaijão só se enfrentaram três vezes, com três vitórias germânicas. Foram 12 gols a favor e apenas um contra, justamente o levado no último duelo. E o palpite para o jogo de terça? 5 a 0, com dois gols de Gomez, um de Podolski, um de Schürrle e um de Hummels.

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

quarta-feira, 17 de novembro de 2010 Amistosos, Seleção da Alemanha | 19:56

Alemanha empata sem gols com a Suécia

Compartilhe: Twitter

O empate  com a Suécia foi bom porque deu para Joachim Löw colocar em campo a mais nova geração do futebol alemão. Hummels, Schmelzer, Grosskreutz e Holtby começaram como titulares, enquanto Götze e Schürrle entraram no segundo tempo. Só por isso. Nenhuma grande chance de perigo foi criada por ambas as seleções.

Para mim, Hummels foi o que teve a melhor atuação entre nos novatos. Schmelzer também teve uma participação boa pela esquerda, principalmente no setor médio-defensivo. Não apoiou muito. Holtby esteve tímido, mas ainda assim conseguiu criar boas jogadas. Já Grosskreutz estava sumido, não fez muita coisa. Götze e Schürrle mal  tocaram na bola nos poucos minutos que jogaram.

A boa performance da defesa fez com que Adler não tocasse na bola. O goleirão não fez uma defesa sequer, foi um mero espectador durante os 90 minutos. Khedira e Schweinsteiger foram donos do meio de campo. Boateng fez um bom primeiro tempo pelo lado direito, fazendo uma cobertura perfeita. Beck entrou no seu lugar e também deu conta do recado. E o Mario Gomez? Não marcou, é verdade, mas brigou bastante lá no ataque. O esquema 4-5-1 não favoreceu o atacante do Bayern. Quando Cacau entrou, ele até que se soltou mais.

Por fim, queria destacar a atuação de Marko Marin. Jogou muito, foi o melhor em campo. Aliás, foi sua melhor partida com a camisa da Nationalelf. Talvez ele esteja se sentindo ameaçado com essa nova geração e resolveu jogar bola. Que continue assim.

A Alemanha jogou com Adler, Boateng (Beck), Westermann, Hummels e Schmelzer; Khedira (Kroos), Schweinsteiger (Cacau), Grosskreutz (Götze), Holtby (Schürrle) e Marin (Träsch); Mario Gomez.

Dava para vencer. A Suécia é bem fraquinha, ainda mais sem Ibrahimovic. Se estivessem Özil, Podolski, Klose, Lahm e Müller a história seria outra. Em 2011 eles voltam.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , ,

quinta-feira, 11 de novembro de 2010 Amistosos, Seleção da Alemanha | 11:04

Alemanha é convocada para amistoso contra Suécia

Compartilhe: Twitter

O técnico Joachim Löw cumpriu a promessa e chamou para o jogo diante dos suecos os quatro garotos destaques do Borussia Dortmund, além da dupla de sucesso do Mainz. Hummels e Grosskreutz já haviam sido convocados anteriormente, mas Schmelzer, Götze, Holtby e Schürrle vestirão pela primeira vez a camisa da seleção principal.

Tirando os jovens, nenhuma grande surpresa. Talvez a volta de Patrick Helmes ao ataque e a presença de Andreas Beck entre os laterais. Lembrando que Özil, Müller e Lahm ficaram de fora porque seus clubes e a Federação Alemã entraram em um acordo para que eles sejam poupados. Badstuber, Klose, Kiessling e Ballack seguem lesionados.

Após o anúncio dos convocados, Löw falou em entrevista coletiva. “O jogo na Suécia é uma boa oportunidade para dar uma chance a alguns jogadores que ainda estão em desenvolvimento. Nós esperamos que alguns deles possam fazer suas estreias (na seleção) em Gotemburgo”. Ou seja, a molecada deve entrar em campo.

Veja a lista e comente abaixo. Você gostou?

Goleiros: Rene Adler (Bayer Leverkusen) e Manuel Neuer (Schalke 04).

Defensores: Beck (Hoffenheim), Jerome Boateng (Manchester City), Hummels (Borussia Dortmund), Mertesacker (Werder Bremen), Riether (Wolfsburg), Schmelzer (Borussia Dortmund) e Westermann (Hamburgo).

Meio-campistas: Götze (Borussia Dortmund), Grosskreutz (Borussia Dortmund), Holtby (Mainz), Khedira (Real Madrid), Toni Kroos (Bayern de Munique), Marin (Werder Bremen), Schweinsteiger (Bayern de Munique) e Träsch (Stuttgart).

Atacantes: Cacau (Stuttgart), Mario Gomez (Bayern de Munique), Podolski (Colônia), Schürrle (Mainz) e Helmes (Bayer Leverkusen).

Como é só um amistoso e a experiência é válida, o time que eu colocaria em campo desde o começo – saindo do esquema 4-3-3 e indo para o 4-4-2 – é esse: Adler, Beck, Mertesacker, Hummels e Schmelzer;  Khedira, Schweinsteiger, Götze e Holtby; Podolski e Mario Gomez.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 10 de novembro de 2010 Amistosos, Fora dos campos, Jogadores brasileiros, Seleção da Alemanha | 17:49

Curtas germânicas

Compartilhe: Twitter

Joachim Löw, técnico da Alemanha, confirmou nesta quarta-feira que convocará uma grande quantidade de jovens promessas para o amistoso diante da Suécia, agora em novembro. Segundo o comandante, nomes como Holtby e Schürrle, do Mainz, além do quarteto do Dortmund formado por Hummels, Schmelzer, Götze e Grosskreutz estarão na relação.

Outras surpresas podem aparecer. Acredito que os meio-campistas Sidney Sam, do Leverkusen, e Reus, do Borussia M’gladbach, também serão lembrados por Löw.

O Bayern de Munique começa a esvaziar seu departamento médico. Para a próxima rodada, Ribéry e Van Bommel devem retornar à equipe. Por falar no volante holandês, no treinamento desta quarta, ele se desentendeu com o ucraniano Timoschtschuk, rival de posição, e os dois só não chegaram às vias de fato porque Schweinsteiger chegou para acalmar os ânimos.

O pessoal da diretoria do clube bávaro não deu muita bola para o fato e não polemizou.

Por falar em briga, o brasileiro Diego, do Wolfsburg, chegou a acertar um tapa na cara do lateral Riether após desentendimento nos treinos de terça. O jogador alemão deu uma entrada mais dura no meia, que não gostou e soltou a mão no companheiro de equipe.

Em um comunicado oficial, o ex-santista minimizou a confusão. “Estávamos num treino coletivo, todo mundo com muita vontade, porque não estamos satisfeitos com a atual posição do time no Alemão (12º). Então, nessa gana de vencer e dar o melhor dentro de campo, tanto em jogos quanto nos treinos, algumas discussões acontecem, o que é totalmente normal num grupo que tem como objetivo vencer”.

Então tá, né!?

O dia 10 de novembro é lembrado com muita tristeza para os que gostam de futebol alemão. Há exatamente um ano, o goleiro Robert Enke se suicidou na cidade de Hannover. Löw, Bierhoff e outros dirigentes da Federação Alemã visitaram o túmulo do ex-jogador para prestar homenagens, que se dissiparam por todo país.

Aos 32 anos de idade, o arqueiro vivia em depressão profunda desde 2006, quando perdeu sua filha de apenas dois anos de idade por problemas cardíacos. Enke era titular da seleção alemã e sua vaga na meta do time na Copa do Mundo de 2010 era praticamente certa.

Fica aqui a lembrança do Blog do Alemão e um minuto de silêncio.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

domingo, 3 de outubro de 2010 Bundesliga | 20:31

Mainz bate recorde na Alemanha, e os craques na TV

Compartilhe: Twitter

Mais um show do Mainz na rodada e liderança garantida. De quebra, a modesta equipe igualou os recordes de Bayern de Munique e Kaiserslautern, que venceram seus sete primeiros jogos nas temporadas 1995/1996 e 2001/2002, respectivamente. O triunfo deste sábado veio em casa com uma goleada indiscutível por 4 a 2 sobre o perigoso Hoffenheim.

E nas comemorações dos gols, a equipe simulou uma banda de rock tocando no gramado. A criatividade dos garotos rendeu até um convite para participar de um programa de TV na Alemanha, chamado “Sportstudio“. De óculos escuros, Holtby, Szalai e Schurrle usaram instrumentos de verdade e participaram da música de abertura do programa, para depois concederem uma entrevista.

Quer ver o vídeo? Então clique aqui. É bem divertido.

Bom, voltando à rodada da Bundesliga, o Schalke decepcionou mais uma vez e perdeu fora de casa para o Nuremberg. Huntelaar fez o gol dos Azuis-Reais. O atacante holandês até que está jogando bem, mas não consegue levar o time nas costas. Raúl parece perdido em campo, e o espanhol Jurado oscila bons e péssimos momentos dentro da partida. É bem estranho.

Pior que o Schalke está o Stuttgart. O time do brasileiro Cacau caiu diante da sua torcida para o Frankfurt. Gekas e o brasileiro Chris fizeram os tentos dos visitantes. Os Schwaben, que descontaram com gol de Pogrebnyak, fazem bela campanha na Liga Europa, mas no Alemão estão um desastre. A equipe está na lanterna com apenas 3 pontos ganhos de 21 possíveis.

O Borussia Dortmund perdeu na estreia, mas depois só colecionou vitórias. A última veio neste domingo contra o poderoso Bayern de Munique, no Westfalenstadion que estava transbordando de torcedores. Lucas Barrios e o ótimo Sahin anotaram os gols dos Amarelos, que são os vice-líderes, três pontos atrás do Mainz.

Por falar em Bayern, um jogador que está fazendo muita falta, mas muita mesmo, é Arjen Robben. O holandês só poderá jogar em 2011, mas segue sendo notícia na Alemanha. Na TV, o atacante teve que vestir a camisa da seleção alemã e beber alguns copos de cerveja como “castigo” por ter perdido um game num programa. Robben estava bem acompanhado, ao lado da atriz Milla Jovovich e da cantora Katy Perry.

Aliás, caiu bem a camisa da Nationalelf nele, hein?! Imaginem Robben ao lado de Müller, Özil, Khedira, Podoslki… bom, deixa pra lá.

Fechando a rodada da Bundesliga, o Bayer Leverkusen jogou em casa contra o Werder Bremen e buscou o empate no fim com gol de Derdiyok. Como faz gol esse suíço, né? Antes, Helmes abriu o placar para os Leões, e Hugo Almeida e Marin anotaram para os Papagaios. O português Hugo Almeida, além de fazer o gol, jogou bem e deu a assistência para o tento de Marin.

Nos outros jogos, o St. Pauli venceu fora de casa e subiu na tabela. Também longe dos torcedores, o Wolfsburg não passou de um empate com o M’gladbach. Jogando em casa, Hamburgo e Freiburg venceram.

Seleção da rodada

Wetklo (Mainz), Judt (Nuremberg), Barth (Freiburg), Hummels (Borussia Dortmund) e Fuchs (Mainz); Kacar (Hamburgo), Rosenthal (Freiburg), Sahin (Borussia Dortmund) e Holtby (Mainz); Hugo Almeida (Werder Bremen) e Lucas Barrios (Borussia Dortmund).

Resultados

Hannover 0 x 1 St. Pauli (3×1) – Piratas seguraram a pressão
Hamburgo 2 x 1 Kaiserslautern (2×1) – Na mosca!
Mainz 4 x 2 Hoffenheim (3×2) – Sabia que venceria. Segurem!!
Borussia M’gladbach 1 x 1 Wolfsburg (1×5) – Aqui errei feio
Freiburg 3 x 2 Colônia (1×1) – Time de Podolski não dá mais pra confiar
Nuremberg 2 x 1 Schalke (1×2) – Inverti os placares, mas tá valendo
Stuttgart 1 x 2 Frankfurt (3×0) – Lanterninha perdeu outra. Que fase!
Bayer Leverkusen 2 x 2 Werder Bremen (4×2) – Jogão, mas errei
Borussia Dortmund 2 x 0 Bayern de Munique (2×2) – Amarelos lá em cima

http://www.youtube.com/watch?v=dsPRN94_2vg
Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 22 de setembro de 2010 Bundesliga | 17:39

Segurem o Mainz e o Dortmund

Compartilhe: Twitter


Aos 19 anos, Lewis Holtby é um dos destaques do líder Mainz na Bundesliga

31 gols em 9 partidas, uma média de quase 3,5 tentos por jogo. A 5ª rodada, a primeira disputada no meio de semana, foi recheada de bons jogos, estádios lotados e marcou as redenções de Wolfsburg, Schalke e Bayern. Além, claro, de confirmar as belas campanhas de Mainz e Borussia Dortmund. Vale lembrar que acertei o resultado em 7 dos 9 jogos nos palpites pré-rodada, sendo 3 em cheio. Polvo Paul em ação!

Mais uma bela atuação, mais uma vitória, 100% de aproveitamento e liderança mais do que garantida. O Mainz faz um começo de temporada espetacular na Bundesliga, simplesmente impecável, com cinco vitórias em cinco jogos. A vítima da vez foi o Colônia, que jogou fechadinho, a exemplo do que fez contra o Bayern no fim de semana passado, mas não conseguiu brecar o ímpeto dos donos da casa.

O ótimo meio-campista Lewis Holtby, que fez só 19 anos de idade na semana passada, entrou no segundo tempo para marcar os dois gols da vitória do líder 05. Como de costume, Podolski mal apareceu. Ou o Colônia arruma jogadores de nível para atuarem ao lado de Poldi, ou o atacante terá que procurar outro clube para conseguir fazer alguma coisa. Só joga bem na seleção.

Acredito que a alegria do Mainz acaba no próximo domingo. O time enfrenta ninguém menos que o Bayern de Munique, dentro da Allianz Arena. Os bávaros que visitaram o perigoso Hoffenheim e conseguiram uma vitória sofrida no fim do jogo. Ibisevic fez para o Hoffe a um minuto de partida, mas no segundo tempo só deu Bayern. Müller, aos 17, e Van Buyten, aos 46, viraram o marcador.

No lance do gol de Müller, Franck Ribéry machucou o tornozelo e teve que deixar o campo carregado. O francês apareceu de muletas nesta quarta-feira e desfalca a equipe de Munique por, pelo menos, um mês. Sem Robben e agora sem Ribéry, Louis van Gaal vai ter que se virar nos póximos jogos. E tem Liga dos Campeões pela frente…

Aliás, quero deixar um parágrafo aqui sobre Toni Kroos. Não está jogando nada. Não é nem sobra do Kroos que brilhou pelo Bayer Leverkusen na última temporada. O time fica lento com o meio-campista no jogo. Foi só ele sair no intervalo que o Bayern melhorou bastante contra o Hoffenheim. Se bem que ele deve continuar na equipe com esse monte de ausência.

Se o Mainz está voando, o Borussia Dortmund também. Com a goleada de 5 a 0 sobre o Kaiserslautern, a equipe amarela assumiu a vice-liderança do Alemão, três pontos atrás do 05. Lucas Barrios foi o grande nome da partida contra o FCK, anotando dois gols. Para variar, mais de 70 mil pessoas fizeram a festa no Westfalenstadion. Será que é a temporada do Dortmund?

E o Werder Bremen, hein? Caiu de quatro para o Hannover, na AWD Arena. Wesley foi titular e ainda não conseguiu vencer com a camisa dos Papagaios. O Stuttgart também foi derrotado longe da torcida. Cacau deixou sua marca, mas o Nuremberg fez aos 46 do segundo tempo com Pinola e conquistou o triunfo. Também com gol no fim, o Bayer Leverkusen bateu o Frankfurt com gol do chileno Vidal cobrando pênalti no último minuto. Isso porque o time está sem Ballack, Helmes e Kiessling.

Não disse que o Schalke venceria sua primeira? Contra o Freiburg, fora de casa, mais sofrimento. Porém, com um final feliz. Rakitic fez para os Azuis-Reais e Cisse empatou para os anfitriões. No apagar das luzes, aos 42 minutos do segundo tempo, Huntelaar fez a alegria de Felix Magath. Ufa! Apesar da vitória, o time de Gelsenkirchen segue na lanterna pelos critérios de desempate, ao lado de Frankurt e Stuttgart, todos com apenas 3 pontos.

Na Nordbank Arena, outro grande jogo na rodada. Grafite desencantou e marcou duas vezes na vitória do Wolfsburg sobre o Hamburgo. Dzeko, sempre ele, marcou o outro dos Lobos. Vitória maiúscula da equipe verde e branca. Também, né, com um time recheado de bons jogadores, estava na hora de engrenar.

No outro jogo desta quarta-feira, o St. Pauli bateu o irregular Borussia M’gladbach fora de casa com um gol do veterano Asamoah.

Resultados da rodada

Mainz 2 x 0 Colônia (2×0) – Na mosca!
Hoffenheim 1 x 2 Bayern de Munique (1×2) – Na mosca!
Hannover 4 x 1 Werder Bremen (1×0) – Sabia que o Hannover venceria, mas não de tanto
Bayer Leverkusen 2 x 1 Frankfurt (1×0) – Acertei a vitória dos Leões
Borussia Dortmund 5 x 0 Kaiserslautern (4×2) – Cantei a goleada. Segurem eles…
Hamburgo 1 x 3 Wolfsburg (3×3) – Acertei só os gols dos Lobos. Show de Grafite
Borussia M’gladbach 1 x 2 St. Pauli (0x2) – Acertei a vitória e os gols dos Piratas
Freiburg 1 x 2 Schalke (1×2) – Na mosca!
Nuremberg 2 x 1 Stuttgart (1×1) – Quaaaase acertei. Se não fosse o gol no fim

Seleção da rodada

Neuer (Schalke), Höwedes (Schalke), Hummels (Borussia Dortmund), Pinola (Nuremberg) e Schulz (Hannover); Vidal (Bayer Leverkusen), Bruns (St. Pauli) e Holtby (Mainz); Grafite (Wolfsburg), Barrios (Borussia Dortmund) e Ya Konan (Hannover)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. Última