Publicidade

Posts com a Tag Lúcio

terça-feira, 15 de março de 2011 Liga dos Campeões | 19:45

Final de temporada para o Bayern de Munique

Compartilhe: Twitter

Independente da eliminação do Bayern de Munique dentro de casa, o duelo contra a Inter de Milão foi um jogaço! Talvez o melhor desta edição da Liga dos Campeões da Europa e, seguramente, o melhor de 2011 no torneio. Cheio de alternativas, falhas, viradas, lances de perigo… e de gols, claro. O time alemão pecou nas finalizações, perdeu muitas oportunidades, e acabou sendo castigado no final: 3 a 2 para os italianos. A vingança do ano passado fica pra depois.

Final de temporada para os Bávaros. Praticamente sem chances de título da Bundesliga e eliminado da Copa da Alemanha e agora da Champions. Louis Van Gaal já podia pegar o boné e voltar para Holanda, não? Tudo bem que ainda falta classificar o time para a Liga do ano que vem – o time é 4º colocado no Alemão – e não pretende ficar de fora da próxima edição, cuja final acontecerá justamente na Allianz Arena, casa do Bayern. Os ânimos estarão abalados daqui pra frente.

Nesta terça, a Inter começou dando as cartas e abriu o placar logo aos 4 minutos, com Samuel Eto’o. O Bayern foi ganhando forças e tomou conta do primeiro tempo. Tanto que conseguiu a virada com Mario Gomez e Müller. No primeiro gol, Robben chutou, Júlio César falhou e Gomez completou para o gol, chutando meio que de costas. No segundo, Thiago Motta tentou cortar um passe, mas deu de lambuja para Müller virar.

O goleiro dos visitantes se redimiria ainda na primeira metade do jogo, quando Ribéry saiu cara a cara com o brasileiro, que fez uma linda defesa. Em outra chance, o francês quase marcou depois que o zagueiro Lúcio fez uma lambança dentro da área, mas falhou na tentativa. E o lance do Gomez, que a bola ficou girando em cima da linha e a zaga tirou? Ela ainda pegou na trave antes de sair… O Bayern deu um baile na atual campeã. Mas ainda faltava o 2º tempo.

Aos 17, Sneijder acertou um belo chute de fora da área e deixou tudo igual. Depois disso, o que se viu foi uma partida extremamente aberta, com chances para os dois lados. Júlio César ainda fez outras boas defesas, uma delas num chute lindo de Mario Gomez, de primeira.

Robben deixou o gramado aos 22 minutos, substituído por Altintop. E aí acabou o jogo do Bayern. O holandês era o melhor em campo e deu lugar ao turco, que se transformou no pior. Participação ridícula. Ribéry até que tentava conduzir os germânicos ao 3º gol, mas não conseguiu.

Robben se machucou? pediu pra sair? Foi opção tática? Estava apertado para ir ao banheiro? Fica a pergunta, porque não tem como tirar ele de um jogo desses. Se alguém souber o motivo da substituição, comenta aí embaixo.

Aos 42 minutos, outro que entrou em campo foi o ditado. Sim, o ditado. Aquele bem batido, “quem não faz, toma”, conhece? Eto’o, o segundo melhor em campo, atrás apenas de Robben, ganhou de Breno e rolou para Pandev pegar de primeira e acertar o ângulo de Kraft. Aí foi chutão para área, desespero total nos minutos finais. Mas ficou nisso.

Sobrou o Schalke para contar história na Liga. O sorteio das quartas de final é na sexta-feira.

Rápidas considerações sobre a partida:

– No gol de Eto’o, o primeiro do jogo, o camaronês estava impedido. Pouco, mas estava;
– Pela 1ª vez na história, em competições europeias, o Bayern caiu em casa depois de vencer fora;
– Apesar da derrota, Bastian Schweinsteiger voltou a jogar bem;
– Pandev, autor do gol da classificação, era o pior jogador da Inter na partida. E deu no que deu;
– A zaga melhorou um pouco com Van Buyten e Breno, mas o desentrosamento falou mais alto;
– Depois do apito final, Schweinsteiger se envolveu em confusão com italianos (foto abaixo).

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , , ,

terça-feira, 11 de agosto de 2009 Bundesliga, Jogadores brasileiros, Mercado | 11:04

A revolta de Lúcio

Compartilhe: Twitter

Lúcio, do Hertha BerlimO lateral-esquerdo Lúcio, aquele ex-Palmeiras, São Paulo e Grêmio, foi praticamente dispensado pelo Hertha Berlim. Após se recuperar de uma grave lesão no joelho, o brasileiro foi informado pelo treinador Lucien Favre que não seria aproveitado nesta temporada porque a concorrência na sua posição é enorme. E isso revoltou o jogador.

>> Relembre e veja a foto da contusão de Lúcio
>> Lúcio treina forte para voltar ao futebol

Em entrevista ao Bild, Lúcio achou que Favre foi desrespeitoso e soltou o verbo. “O treinador disse que estou fora dos planos porque a concorrência na minha posição é muito grande. Que seria melhor eu procurar um outro time para me manter em atividade. Estou muito revoltado e triste, principalmente porque Favre conhece minhas qualidades. Isso é um desrespeito. Essa é a palavra: respeito”.

“Fiz tratamento seis horas por dia, fui aprovado nos treinos. Porque o treinador não disse antes que não queria me aproveitar? Aí eu teria ido para o Brasil, onde sou respeitado. Agora faltam vinte dias para fechar a janela (de transferências) na Europa. Eu tinha propostas de Fluminense, Grêmio e Corinthians. Estou disposto a abrir mão de dinheiro só para jogar. Mas se não fechar com ninguém, quero jogar no Hertha. Tenho dois anos de contrato com o Hertha, não com o senhor Favre”, finalizou o lateral.

Você gostaria do Lúcio no seu time? Ele tá aí dando sopa no mercado…

*Atualizado em 19/08 – Estava dando sopa, porque fechou com o Grêmio e retorna ao estádio Olímpico

Autor: Tags: , , , , , , , ,

quinta-feira, 16 de julho de 2009 Amistosos, Jogadores brasileiros, Mercado | 14:09

Esses amistosos, viu…

Compartilhe: Twitter

Acho que os jogadores brasileiros deveriam pensar duas vezes antes de entrar com tudo nesses amistosos da pré-temporada que não valem muita coisa. Primeiro foi Alex Silva, do Hamburgo, que machucou o joelho e passará alguns meses de molho. Nesta quarta-feira foi a vez de Grafite se lesionar.

Grafite bate a cabeça e deixa o campo sangrandoEntretanto, o atacante do Wolfsburg não preocupa muito. Na partida contra o Calberlah (você conhece?), Grafite se chocou com um zagueiro adversário, cortou a cabeça e deixou a partida sangrando bastante. Foi necessária a colocação de uma faixa para estancar e até a aplicação de sete pontos, realizada num hospital alemão.

O placar do jogo? Ah, foi só 15 a 0 para o atual campeão da Bundesliga. Grafite deixou o campo aos 18 minutos do primeiro tempo para entrada de outro brasileiro, o atacante Caiuby, que marcou três vezes. O grande destaque da partida foi Alexander Esswein, com seis gols na conta.

Outro assunto movimentou os noticiários da pacata Wolfsburg. Os lobos fecharam a contratação do bom volante Fabian Johnson, que estava no Munique 1860 e foi campeão europeu sub-21 com a seleção alemã. Ele era reserva na equipe.

>> Veja o mercado de transferências do futebol alemão

Por falar em mercado, o Bayern de Munique anunciou que chegou a um acordo com a Inter de Milão pelo zagueiro Lúcio. O clube italiano, porém, nega que o negócio esteja concluído, mas confirma o interesse pelo capitão da seleção brasileira.

Pois é, senhor Van Gaal… já chegou causando no Bayern e perdeu o melhor jogador do sistema defensivo da equipe. Azar dos bávaros. Não sei se vou apostar neles como campeão da Bundesliga, como sempre faço no começo de cada temporada. Hamburgo ou Wolfsburg, de novo, talvez?

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009 Fora dos campos, Jogadores brasileiros, Mercado | 13:16

Curtas da Alemanha

Compartilhe: Twitter

* Ibisevic sofreu cirurgia no sábado e foi confirmada sua ausência do Hoffenheim por, pelo menos, seis meses. Uma pena!

* O Bayern de Munique confirmou a venda de Podolski para o modesto Colônia, mas o atacante só vai para o clube pelo qual foi revelado em julho. Retrocesso na carreira?

* Por falar em Bayern, o Milan quer tirar Lúcio dos bávaros para compôr a zaga com Thiago Silva. E mais, se Kaká for mesmo vendido, os italianos já escolheram o substituto: Franck Ribéry.

* Ainda no time de Munique, tristeza. O lateral francês Sagnol deve mesmo encerrar a carreira, aos 31 anos. Ele não melhorou da grave contusão no calcanhar.

* E o Diego? Primeiro negou que estava dirigindo bêbado, depois veio a polícia e disse que estava mesmo, e com 0,8 miligrama de álcool no sangue.

* Mesmo após ser contratado pelo Flamengo, o meia Zé Roberto foi multado pelo Schalke por ter permanecido no Brasil sem autorização da diretoria. 58 mil euros.

* Todos falam de Kaká, mas o Manchester City está atrás do holandês De Jong, do Hamburgo. Os ingleses podem pagar 15 milhões de euros pelo volante. Bom negócio.

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

sexta-feira, 14 de novembro de 2008 Jogadores brasileiros | 14:01

Lúcio treina forte para voltar

Compartilhe: Twitter

O Hertha Berlim pode ganhar o reforço do brasileiro Lúcio para a sequência da Bundesliga. O lateral-esquerdo segue firme e forte no tratamento de uma grave contusão no joelho e está quase pronto para voltar à equipe da capital.

Para quem não se lembra, Lúcio sofreu uma lesão muito feia em 28 de setembro de 2007, e de lá para cá, não jogou mais. Lá se vai mais de um ano. O jogador chegou a ficar muito abatido com a contusão. Na época, inclusive, andaram falando que a carreira do brasileiro estava ameaçada.

>> Relembre e veja a foto da contusão de Lúcio; clique aqui!

Em uma entrevista ao site da revista Kicker, o jogador ex-Ituano, Palmeiras e Grêmio se diz ansioso por voltar. E esse momento está muito próximo. Clique aqui para assistir ao vídeo do bate-papo com o lateral.

Agora, a pergunta que não quer calar. Lúcio fará a diferença pelo Hertha no Alemão e na Copa das Uefa? Ele até que começou bem por lá, mas a contusão freou a ascensão dele. Aguardemos…

Autor: Tags: , , ,

quarta-feira, 27 de agosto de 2008 Bundesliga, Copa da Alemanha, Jogadores brasileiros | 11:33

Brasileiros da temporada

Compartilhe: Twitter

Saiba quais são os brasileiros que vão atuar na atual temporada da Bundesliga e quais clubes defenderam no Brasil. No total, são 36 jogadores. Desde os conhecidíssimos Lúcio, Grafite e Diego, até os anônimos Rodnei e André Oliveira.

Bayern de Munique
Lúcio (zagueiro) – Ex-Internacional
Zé Roberto (Volante) – Ex-Portuguesa, Flamengo e Santos
Breno (Zagueiro) – Ex-São Paulo

Bayer Leverkusen
Renato Augusto (Meia-atacante) – Ex-Flamengo
Henrique (Zagueiro) – Ex-Coritiba e Palmeiras

Borussia Dortmund
Dede (Lateral-esquerdo) – Ex-Atlético-MG
Tinga (Volante) – Ex-Grêmio, Botafogo e Internacional
Felipe Santana (Zagueiro) – Ex-Figueirense

Colônia
Geromel (Zagueiro) – Ex-Palmeiras
André Oliveira (Meio-campista) – Ex-Santos
(*) Foi emprestado para o Náutico – Valeu, Felix

Energie Cottbus
Vragel da Silva (Zagueiro) – Ex-Campo Grande

Frankfurt
Chris (Zagueiro) – Ex-Botafogo-SP, Coritiba, Grêmio e Internacional
Caio (Meio-campista) – Ex-Paulista, Internacional e Palmeiras

Hamburgo
Alex Silva (Zagueiro) – Ex-São Paulo
Thiago Neves (Meio-campista) – Ex-Fluminense

Hannover
Vinícius (Zagueiro) – Ex-Ituano, Vasco e São Caetano

Hertha Berlim
Raffael (Meio-campista) – Ex-Vitória
Lúcio (Lateral-esquerdo) – Ex-Ituano, Palmeiras, São Paulo e Grêmio
Kaká (Zagueiro) – Ex-Grêmio Jaciara, Luverdense e Ituiutaba
Rodnei (Zagueiro) – Ex-Juventus-SP
Cícero (Meio-campista) – Ex-Bahia, Figueirense e Fluminense

Hoffenheim
Carlos Eduardo (Atacante) – Ex-Grêmio
Luiz Gustavo (Meio-campista) – Ex-Corinthians de Alagoas
Wellington (Atacante) – Ex-Internacional e Náutico

Karlsruhe
Antônio da Silva (Meio-campista) – Ex-Flamengo

Schalke 04
Rafinha (Lateral-direito) – Ex-Coritiba
Bordon (Zagueiro) – Ex-São Paulo
Zé Roberto (Meio-campista) – Ex-Portuguesa, Cruzeiro, Vitória e Botafogo
Kuranyi (Atacante) – Ex-Serrano

Stuttgart
Cacau (Atacante) – Ex-Nacional-SP
Élson (Meio-campista) – Ex-Ituano, Palmeiras, Goiás, Ponte e Cruzeiro

Werder Bremen
Diego (Meio-campista) – Ex-Santos
Naldo (Zagueiro) – Ex-Juventude

Wolfsburg
Josué (Volante) – Ex-Porto-PE, Goiás e São Paulo
Grafite (Atacante) – Ex-Matonense, Santa Cruz, Grêmio, Goiás e São Paulo
Rodrigo Alvim (Lateral-esquerdo) – Ex-Grêmio, Vila Nova e Paraná
Caiuby (Atacante) – Ex-São Paulo, Noroeste e São Caetano

Olho neles
Raffael chegou ao Hertha no meio da temporada passada e demonstrou muita habilidade na armação da equipe. Agora que vai iniciar o torneio, tem tudo para brilhar e fazer seu nome na Alemanha. Ainda no time de Berlim, Cícero vem fazendo bons jogos e se firmando cada vez mais.

Carlos Eduardo, que se destacou no Grêmio, fez uma ótima segunda divisão e levou o Hoffenheim à primeira. Ainda vai explodir, mas talvez na temporada seguinte.

Para acertar a defesa do Hamburgo, Alex Silva foi o escolhido. Mas o zagueiro que promete aparecer bem em terras germãnicas é Felipe Santana, do Borussia Dortmund.

Sem contar em Diego, Zé Roberto, Lúcio, Naldo, Rafinha, entre outros mais famosos, que são os destaques de suas equipes.

Autor: Tags: , , , , , ,

sexta-feira, 18 de julho de 2008 Bundesliga, Jogadores brasileiros | 11:29

Agora, são quatro brasileiros

Compartilhe: Twitter

Ontem o diário Bild listou as 20 maiores decepções da história do futebol alemão – entre elas, três brasileiros (veja no post abaixo). Nesta sexta-feira é a vez de conhecermos as 20 melhores contratações feitas por lá. Quatro jogadores do Brasil integram a relação. Veja abaixo:

1º – Karlheinz Riedle (Alemanha) – Werder Bremen
2º – Valerien Ismael (França) – Werder Bremen
3º – Emerson (Brasil) – Bayer Leverkusen
4º – Aliaksandr Hleb (Bielorrússia) – Stuttgart
5º – Thomas Doll (Alemanha) – Hamburgo
6º – Oliver Kahn (Alemanha) – Bayern de Munique
7º – Lajos Détari (Hungria) – Frankfurt
8º – Matthias Sammer (Alemanha) – Stuttgart
9º – Anthony Yeboah (Gana) – Frankfurt
10º – Roland Wohlfarth (Alemanha) – Bayern de Munique
11º – Sören Lerby (Dinamarca) – Bayern de Munique
12º – Stéphane Chapuisat (Suíça) – Borussia Dortmund
13º – Ulf Kirsten (Alemanha)- Bayer Leverkusen
14º – Dimitar Berbatov (Bulgária) – Bayer Leverkusen
15º – Jörg Heinrich (Alemanha) – Borussia Dortmund
16º – Lincoln (Brasil) – Schalke 04
17º – Rafael van der Vaart (Holanda) – Hamburgo
18º – Stefan Effenberg (Alemanha) – Bayern de Munique
19º – Diego (Brasil) – Werder Bremen
20º – Élber (Brasil) – Bayern de Munique

Talvez tenha faltado o meia/volante/lateral-esquerdo Zé Roberto, que brilhou bastante no Bayer Leverkusen e no Bayern de Munique. Ou até mesmo o zagueiro Lúcio. E outra. A posição de Élber nesta lista é muito baixa. Colocaria o atacante entre os dez primeiros colocados, pelo menos.

Faltou mais alguém? Comente!

Autor: Tags: , , ,

quinta-feira, 24 de abril de 2008 Copa da Uefa | 18:19

Não, Lúcio!!!!!

Compartilhe: Twitter


O Brasileiro jogou contra a própria Pátria

É! Parece que o Bayern gosta mesmo de emoção. Com a ausência do artilheiro Luca Toni, o time bávaro não passou de um empate por 1 a 1 com o Zenit, na primeira partida da semifinal da Copa da Uefa. E o jogo foi em Munique, no Allianz Arena.

Klose era dúvida, mas mesmo assim jogou com uma inflamação no pé. E não foi tão bem. Aliás, o time todo não foi bem. Só em alguns momentos do primeiro tempo que resolveu jogar bola. É difícil dizer, mas o empate saiu barato demais para o Bayern. O Zenit teve chance de meter mais uns 3 ou 4 gols no segundo tempo.

Zé Roberto foi bem na primeira metade do jogo, sofreu o pênalti que resultou no gol dos alemães, mas depois sumiu. Só apareceu no final da segunda etapa para salvar um gol dos russos em cima da linha.


Ribéry errou o pênalti, mas guardou no rebote

E o que falar de Lúcio?! Meu Deus! Um golaço contra, deslocando Oliver Kahn – que depois sairia machucado.

A partida mostrou a falta que Toni faz ao ataque do Bayern. Podolski entrou no seu lugar e não fez absolutamente nada. Anda numa fase horrível. Não sei como ainda tem coragem de reclamar por ficar no banco de reservas. Em um dos últimos lances do jogo, perdeu um gol feito, dentro da pequena área. O Bayern poderia mandar Podolski embora, no lugar de Lahm.

Bom, na próxima semana, na gelada São Petesburgo, só uma vitória interessa ao Bayern. Ou, claro, empate por dois ou mais gols. Com Toni de volta, pelo menos um gol já é garantido… só não pode levar. Não sei porque, mas algo me diz que esse jogo de volta será teste para cardíacos… com o Bayern classificado, de novo.

Autor: Tags: ,

segunda-feira, 17 de março de 2008 Jogadores brasileiros, Mercado | 12:15

Lúcio vai, e Diego fica!

Compartilhe: Twitter

Reprodução
Reprodução do site mostra a notícia de Lúcio indo para o Barça

O diário alemão Abendzeitung, da cidade de Munique, informou em sua edição desta segunda-feira que o zagueiro Lúcio está de malas prontas para o Barcelona ao término da temporada da Bundesliga. Lembrando que o contrato dele com o Bayern vai até 2010.

De acordo com a publicação, o zagueiro brasileiro renderia cerca de 55 milhões de reais aos cofres do time alemão. A transferência, se for concretizada, não será nenhuma novidade absurda, já que o próprio jogador havia manifestado interesse de jogar em terras espanholas em algumas entrevistas por lá.

Quem também esteve envolvido em especulações nos últimos dias foi o meia Diego, do Werder Bremen. Real Madrid, Barcelona e Juventus apareceram como clubes futuros do meia.

Mas, o brasileiro informou a um jornal local que pretende cumprir seu contrato no alviverde, que vai até 2011. “A decisão está com o clube. Se Klaus Allofs (diretor de esportes do Werder) e o presidente quiserem que eu fique, continuarei jogando pelo clube”, disse Diego.

O jornal alemão Syker Kreiszeitung publicou que o meia já teria sido vendido ao Real por 30 milhões de euros (cerca de 81 milhões de reais). “Especulações e rumores são normais no mercado do futebol, o que não me incomoda. A única coisa que me irrita é quando dizem que estou desanimado aqui”, completou o meia.

Para o zagueiro Lúcio é um ótimo negócio ir para o Barcelona. Mas, para Diego, seria bom uma transferência para um clube de maior expressão. Por que não reeditar a dupla com Robinho?

ArteMAM
Até que combina, vai?!

Autor: Tags: , , ,

terça-feira, 4 de março de 2008 Jogadores brasileiros | 15:13

Lembra dele?

Compartilhe: Twitter

Após uma boa temporada pelo Grêmio em 2007, o lateral-esquerdo Lúcio (que também já jogou no Palmeiras) foi contratado a peso de ouro pelo Hertha Berlim para ser a solução do setor esquerdo da equipe. E não é que vinha dando certo? Vinha, porque no dia 28 de setembro de 2007, quando estava se acertando no time, sofreu uma grave lesão no joelho direito.

A previsão inicial era de que o brasileiro voltasse aos gramados em nove meses, ou seja, no mês de junho de 2008. No entanto, o médico do clube, Ulrich Schleicher, acabou com as esperanças do técnico do Hertha e adiantou que Lúcio só deve voltar mesmo no mês de setembro, quando completará quase um ano da contusão.

O processo de recuperação do lateral é lento e doloroso. São seis horas diárias de reabilitação e muito sofrimento. Há pouco mais de um mês, abatido, Lúcio declarou que está com a cabeça boa e só pensa em se recuperar logo. “Não há nada para dizer. Só trabalhar dia após dia na reabilitação”, disse.

A contusão foi tão grave, mas tão grave, que na época andaram falando que a carreira do brasileiro estava ameaçada. Se você não lembra como foi a lesão de Lúcio, dê só uma olhada na imagem abaixo. Dá a impressão de que explodiu tudo dentro do joelho direito dele.

Autor: Tags: ,