Publicidade

Posts com a Tag Manuel Neuer

sábado, 4 de janeiro de 2014 Seleção da Alemanha | 09:11

Qual foi o melhor jogador da seleção em 2013?

Compartilhe: Twitter

A DFB (Federação Alemã de Futebol) abriu votação para eleger o melhor jogador da seleção da Alemanha no ano de 2013. No total, foram 35 atletas utilizados por Joachim Löw nos 12 jogos do ano passado (contando amistosos e eliminatórias), mas somente 12 deles estão concorrendo à premiação. Os nomeados precisam ter atuado em mais de 50% das partidas – ou seja, em mais de seis duelos.

► Clique para votar no melhor jogador da seleção em 2013

Seleção da AlemanhaCom essa regra, alguns nomes de peso ficaram de fora do pleito, como Mario Götze, Marcell Schmelzer, Lars Bender, Max Kruse (seis jogos cada), Mats Hummels, Marco Reus, Lukas Podolski (cinco), Miroslav Klose, Ilkay Gündogan (quatro) e Bastian Schweinsteiger (três).

Os indicados sãoPer Mertesacker, Andre Schürrle (dez jogos cada), Philipp Lahm, Mesut Özil, Thomas Müller (nove), Manuel Neuer, Sami Khedira, Jerome Boateng, Benedikt Höwedes, Marcell Jansen (oito), Toni Kroos e Julian Draxler (sete).

Fiquei em dúvida entre Müller, Kroos e Özil, mas escolhi o atacante do Bayern de Munique. E você? Para votar, é só CLICAR AQUI. Vale lembrar que a eleição acontece só até o próximo dia 8 de janeiro, às 11h (horário de Brasília), quando a DFB encerra a votação online.

=)

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , ,

sábado, 21 de dezembro de 2013 Bundesliga, Mundial de Clubes | 19:19

Bayern é campeão mundial! E campeão alemão também

Compartilhe: Twitter

bayern

Como era de se esperar, o Bayern de Munique é o campeão mundial de 2013. Neste sábado, o time alemão não teve a menor dificuldade para fazer 2 a 0 no Raja Casablanca e levantar a sua 5ª taça no ano, fechando a temporada mais vencedora da história do clube – além da conquista no Marrocos, os Bávaros levaram também a Champions League, a Bundesliga, a Copa da Alemanha e a Supercopa da Europa. Só tropeçou mesmo na Supercopa da Alemanha, perdendo a final contra Borussia Dortmund.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

E o Bayern abriu o placar logo no começo da partida em Marrakech. Aos sete minutos, após cobrança de escanteio, Boateng cacebeou para o meio da área e encontrou o brasileiro Dante livre, sem marcação. Em posição legal, o zagueirão dominou e soltou a bomba para estufar as redes do adversário. Aos 22, boa jogada de Alaba, que só rolou para Thiago Alcântara colocar no canto esquerdo do goleirão marroquino.

mullerO único lance de perigo dos anfitriões aconteceu numa bobeira do goleiro Neuer, que deu um chutão errado para o ataque e quase permitiu o tento do Raja.

A etapa final foi um pouco diferente, já que o Bayern tirou o pé do acelerador, mostrou até um certo desinteresse na partida e ainda viu o Raja frequentar mais o seu campo de defesa. Mesmo assim, a partida continuou bastante tranquila para os germânicos. Na melhor oportunidade, Shaqiri perdeu uma chance incrível para ampliar, finalizando no travessão já dentro da pequena área.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

Nos minutos finais, os marroquinos quase diminuíram em mais uma lambança da defesa bávara. Dante saiu jogando errado e Mabide saiu cara a cara com Neuer, mas o atacante chutou em cima do arqueiro alemão. No rebote, Moutaouali, livre, desperdiçou a excelente chance finalizando por cima do gol. Depois, Neuer fez outra boa intervenção em contra-ataque rápido puxado pelos donos da casa. Enfim. O “Super Bayern” levou mais uma.

E por que o “campeão alemão” lá no título do post?

bvbNeste sábado aconteceu também a 17ª rodada da Bundesliga, a última do primeiro turno. E os dois principais concorrentes do Bayern de Munique foram derrotados. Jogando fora de casa, o segundo colocado Bayer Leverkusen perdeu do Werder Bremen, enquanto o Borussia Dortmund levou uma virada incrível do Hertha Berlim, em pleno Westfalenstadion.

Com um jogo a menos e invictos, os Bávaros continuam com sete pontos de vantagem na liderança – 44 a 37, do Leverkusen. Considero quase impossível o título escapar do Bayern.

E o Borussia Dortmund, com 32 pontos, perdeu a terceira colocação para o xará de M’gladbach, que empatou em casa com o Wolfsburg e ultrapassou os aurinegros em um ponto. Lembrando que o duelo desta rodada do Bayern contra o Stuttgart foi adiado para 29 de janeiro de 2014.

O fim de semana marcou também um recorde negativo do Nuremberg, que empatou sem gols com o Schalke, em casa, e se transformou na primeira equipe de toda história do futebol alemão que fecha o primeiro turno sem uma única vitória. Foram 11 empates e seis derrotas. Que fase!

Bundesliga agora só no dia 24 de janeiro de 2014, uma sexta-feira. Vamos para a pausa de inverno.

Confira os resultados da 17ª rodada da Bundesliga:

Sexta, 20 de dezembro
Eintracht Frankfurt 1 x 1 Augsburg

Sábado, 21 de dezembro
Borussia Dortmund 1 x 2 Hertha Berlim
Braunschweig 1 x 0 Hoffenheim
Freiburg 2 x 1 Hannover
Hamburgo 2 x 3 Mainz
Werder Bremen 1 x 0 Bayer Leverkusen
Nuremberg 0 x 0 Schalke

Domingo, 22 de dezembro
Borussia M’gladbach 2 x 2 Wolfsburg

Autor: Tags: , , , , , , ,

sexta-feira, 11 de outubro de 2013 Copa do Mundo, Eliminatórias da Copa, Seleção da Alemanha | 17:38

Brasil, aí vamos nós

Compartilhe: Twitter

Alemanha bate a Irlanda

Sem grandes sustos, a Alemanha derrotou a Irlanda por 3 a 0 no Rhein-Energie-Stadion, em Colônia, e carimbou seu passaporte para a Copa do Mundo de 2014, no Brasil. Agora é só esperar o sorteio dos grupos do Mundial, que está marcado para o próximo dia 6 de dezembro, na Bahia.


Joachim Löw mandou a campo uma formação sem um centroavante de ofício, com Kruse no banco. Assim, Schürrle e Müller se revezavam no comando de ataque como o famoso “falso 9”. Até Schweinsteiger, bem mais solto do que quando atua pelo Bayern, entrou bastante na área irlandesa, já que Kroos e Khedira eram os responsáveis pela marcação no meio de campo.

► Veja a agenda de jogos completa da Alemanha

O primeiro tempo foi amplamente dominado pelos alemães, mas bem morno. A penetração na defesa do rival era difícil, por isso, a principal arma eram os chutes de longa distância. E numa dessas finalizações, a equipe abriu o placar com Khedira, aos 12 minutos. O volante recebeu de Lahm e arriscou de fora. A bola ainda desviou em Clark e enganou o goleiro Forde.

Müller, Kroos e Özil também tentaram marcar em chutes de longe, mas sem sucesso. No último lance da primeira etapa, a Irlanda assustou numa cabeçada perigosa do próprio Clark, que acertou o travessão de Neuer. O arqueiro germânico, aliás, não tocou na bola durante os 45 minutos iniciais.

Schürrle chuta para ampliar para Alemanha

O segundo tempo foi diferente e um pouco mais movimentado. Os visitantes resolveram atacar e até assustaram no começo, mas a Alemanha continuou superior. Aos 13 minutos, Kroos deu uma assistência genial para Schürrle, que dominou com estilo dentro da área e chutou no canto. Um belo gol.

Depois de administrar o resultado até os minutos finais, ainda deu tempo para ampliar nos acréscimos. Após contra-ataque rápido, Kroos recebeu na intermediária e rolou para Özil balançar as redes com um belo toque por cima do goleiro. Outra excelente assistência de Kroos, diga-se. O meia bávaro foi o melhor em campo.

Na terça-feira que vem, dia 15, a Alemanha volta a campo para enfrentar a Suécia, fora de casa, apenas para cumprir tabela. Os suecos já estão garantido na 2ª colocação do grupo C, indo para respescagem.

Notas dos jogadores:

Neuer 6,0, Lahm 6,5, Mertesacker 6,0, Boateng 6,0 e Jansen 6,5; Khedira 7,0 (Kruse Sem nota), Kroos 8,0, Schweinsteiger 7,5 e Özil 6,5; Schürrle 7,0 (Götze Sem nota) e Müller 6,5 (Sidney Sam Sem nota)

Autor: Tags: , , , , , , ,

quarta-feira, 14 de agosto de 2013 Amistosos, Seleção da Alemanha | 18:09

Defesa falha, e Alemanha sofre para empatar com Paraguai

Compartilhe: Twitter

Com um primeiro tempo inseguro da defesa, mas muito bom no ataque, a Alemanha empatou com o Paraguai por 3 a 3, em Kaiserslautern, nesta quarta-feira, no primeiro amistoso da temporada europeia. Hummels e Khedira falharam nos tentos do rival, mas o setor ofensivo funcionou e salvou a equipe de uma derrota em casa.

► Clique aqui e confira a agenda de jogos completa da Alemanha

A Alemanha começou devagar, quase parando, e levou dois gols antes dos 15 minutos de jogo. Aos nove, o paraguaio Nuñez recebeu lançamento em profundidade, apareceu livre nas costas de Hummels e fuzilou o goleiro Neuer. Quatro minutos mais tarde, Neuer cortou mal um cruzamento, Khedira errou o passe na entrada da área e Pittoni ampliou para os visitantes.

Neuer não conseguiu parar o Paraguai

Ninguém acreditava. Era o lanterna das eliminatórias sul-americanas ensaiando uma goleada para cima da Alemanha, dentro de Kaiserslautern.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

Mas aí o time germânico colocou a bola no chão e passou a jogar do jeito que gosta. Depois de perder duas boas chances com Klose e Özil, a Nationalelf diminuiu com Gündogan, que acertou um belo chute colocado no canto do goleiro Villar. Isso aos 18 minutos. Mais tarde, aos 31, Hummels acertou um longo e perfeito lançamento para Müller, o meia-atacante dominou com estilo, ficou cara a cara com o arqueiro paraguaio e deixou tudo igual.

A Alemanha ainda perdeu dois gols com Reus, que ficou na frente do goleiro do Paraguai e não conseguiu marcar, e depois foi castigada ao levar o terceiro gol aos 46. Hummels levou outra bola nas costas – com o perdão do trocadilho -, o experiente Roque Santa Cruz recebeu na área e só rolou para Samudio, livre, marcar. Mertesacker chegou atrasado no lance.

Na segunda etapa, Joachim Löw arrumou o sistema defensivo colocando Boateng na vaga do lento Mertesacker. E melhorou  muito, tanto que o Paraguai mal chegou ao ataque e Neuer foi um mero espectador. Se a zaga ficou mais protegida, o poderio ofensivo piorou demais em relação aos primeiros 45 minutos.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

Foram poucas chances (uma com Özil e outra com Mario Gomez) até o gol de empate, anotado por Lars Bender aos 30 minutos. A jogada começou com o próprio volante, que chutou de fora da área e exigiu uma boa defesa do goleiro adversário. No rebote, Podolski cruzou, Gomez errou a finalização e a bola sobrou para Bender ajeitar no peito e soltar a bomba. Um golaço. Nos últimos minutos, na base do abafa, a Alemanha desperdiçou mais algumas oportunidades com Boateng e Jansen.

Müller marcou o segundo gol alemão

Tirando a falha no segundo gol paraguaio, Khedira teve uma excelente atuação. Marcou muito no meio de campo e deu qualidade no passe. Os outros destaques alemães foram Bender, Müller e Lahm. Já o zagueiro Hummels, que não foi bem no primeiro tempo, melhorou na etapa complementar e demonstrou a costumeira segurança.

No meio de campo, Özil não tirou o pijama e errou alguns passes. Enquanto isso, Gündogan, autor do primeiro gol, estava bem no duelo até se machucar e sair do jogo ainda no primeiro tempo. E, assim como Özil, Reus não fez uma boa apresentação, perdendo dois gols na cara do goleiro. Podolski entrou e deu mais velocidade ao time pelo lado esquerdo.

Lá na frente, Klose não conseguiu marcar e perdeu mais uma chance de alcançar o recorde de Gerd Müller na artilharia da seleção. Fica para a próxima. E Mario Gomez, que entrou no seu lugar, teve apenas um bom lance de perigo, numa cabeçada. Foi só.

Próximo jogo da Alemanha será no dia 6 de setembro, na Allianz Arena, em Munique, pelas eliminatórias da Copa de 2o14. O adversário será a Áustria. Quatro dias depois, o time viaja até Ilhas Faroe para duelar contra os anfitriões.

Notas dos jogadores

Neuer 5,0, Lahm 8,0, Mertesacker 4,0 (Boateng 6,0), Hummels 5,5 e Schmelzer 6,5 (Jansen 6,5); Khedira 7,5, Gündogan 7,0 (Lars Bender 7,5), Özil 6,0, Reus 5,5 (Podolski 6,5) e Müller 7,5 (Schürrle Sem nota); Klose 6,5 (Mario Gomez 5,5)

Autor: Tags: , , , , ,

quinta-feira, 1 de agosto de 2013 Amistosos, Liga Europa | 17:35

Stuttgart estreia na Liga Europa, e Bayern é campeão

Compartilhe: Twitter

Stuttgart em ação na Liga Europa

Antes de falar sobre o Bayern de Munique, um parágrafo sobre o Stuttgart. Os Schwaben estrearam de forma oficial na temporada e empataram fora de casa contra o Botev Plovdiv, da Bulgária, pela 3ª fase preliminar da Liga Europa. O gol do time alemão no empate por 1 a 1 foi de Ibisevic. Os germânicos agora jogam por um empate sem gols na Mercedes Benz Arena para seguir adiante na competição.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

Bom, agora a Audi Cup. De virada, o Bayern fez 2 a 1 no Manchester City e conquistou o torneio amistoso disputado na Allianz Arena. É a segunda taça da competição que os Bávaros levam – a outra foi em 2009, na primeira edição.

Ainda buscando a melhor formação, Guardiola escalou o time sem centroavante, com Müller fazendo a função mais avançada, Robben e Ribéry atuando abertos e Kroos, Schweinsteiger e Thiago Alcântara centralizados. Na zaga, o treinador espanhol mais uma vez usou Martínez ao lado de Dante e deu mostras de que o compatriota será o preferido para ser o companheiro do brasileiro nos principais jogos.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

O primeiro tempo foi amplamente dominado pelo time de Munique. Mesmo assim, apesar de ter mais posse de bola e bom volume de jogo, não conseguiu balançar a rede adversária. O City assustou nos minutos finais, mas o duelo foi para o intervalo sem gols.

Müller marca para o Bayern de pênalti

Na segunda etapa, a equipe inglesa voltou melhor e abriu o placar com o espanhol Negredo, aos 16 minutos. Dante não conseguiu cortar o lançamento em profundidade de Nasri, o atacante do Manchester ganhou de Martínez na velocidade e só tocou na saída de Neuer. O Bayern respondeu rapidamente e empatou com Thomas Müller, aos 21, em cobrança de pênalti.

Aí brilhou a estrela de Madzukic. O croata começou entre os reservas na semifinal diante do São Paulo e na final contra o City, entrou no segundo tempo dos dois jogos e deixou sua marca. Após cruzamento da direita de Müller, o atacante se posicionou bem na área e cabeceou no canto do goleiro Pantilimon.

Vale ressaltar que Mandzukic também teve participação no lance do primeiro gol do Bayern, quando Zabaleta meteu a mão na bola e cometeu a penalidade. Ainda sem poder contar com Götze, Guardiola terá que se coçar para colocar o jogador da Croácia no time titular. Ele tem estrela e mostrou isso até na final da Champions League.

Nos minutos finais, Dzeko teve a chance de empatar o duelo para o Manchester City, ficou cara a cara com Neuer, mas o goleiro alemão fez uma defesa espetacular para garantir o triunfo.

Mais cedo, na disputa do terceiro lugar, o Milan venceu o São Paulo por 1 a 0, gol anotado por Kinsley Boateng no segundo tempo.

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

quarta-feira, 31 de julho de 2013 Amistosos | 17:53

Bayern derrota o São Paulo. Sem goleada

Compartilhe: Twitter

Pela Audi Cup, o Bayern de Munique não precisou se esforçar tanto para bater o São Paulo por 2 a 0 na Allianz Arena e se classificar para final do torneio amistoso. O jogo mostrou que o time alemão ainda está tentando se adaptar ao estilo Guardiola, que mexeu de novo na equipe buscando a melhor forma de atuar – Lahm jogou como volante, Rafinha foi o lateral, Martínez formou a zaga com Dante e Pizarro foi o homem de referência no ataque.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

Para o time brasileiro, a derrota diante do atual campeão europeu ficou de bom tamanho, já que muita gente apostava numa goleada histórica dos Bávaros. Porém, dentro de campo, o que se viu foi uma partida de ataque contra defesa. Só o Bayern jogou e buscou o gol, mesmo sem brilhar, enquanto o São Paulo se defendeu como pôde e quase não criou oportunidades.

Na verdade, o time tricolor teve apenas três chances de gols. No primeiro tempo num chute fraco de Aloísio, e na etapa final numa cabeçada de Edson Silva e na cobrança de pênalti desperdiçada por Rogério Ceni, no último minuto, defendida por Manuel Neuer. Por falar em Ceni, o goleiro são-paulino evitou um placar mais elástico com belas defesas.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

Mandzukic marca para o Bayern

Nos primeiros 45 minutos, o Bayern pressionou e perdeu diversas oportunidades com Ribéry, Robben, Alaba e Pizarro. O time abusou – e bem – das jogadas de ultrapassagem pelas laterais, mas o duelo foi para o intervalo no 0 a 0. Além da boa atuação de Rogério Ceni, o zagueiro Rafael Tolói ainda tirou uma bola em cima da linha.

Na etapa final, Mandzukic entrou na vaga de Pizarro e precisou de 10 minutos para colocar o Bayern na frente. Após cruzamento na área, o atacante apareceu livre na segunda trave e balançou as redes. Os germânicos seguiram pressionando e esbarrando no goleiro são-paulino, conseguindo ampliar somente aos 44 minutos. Shaqiri acertou a trave e o jovem Weiser pegou o rebote para marcar.

Na final do torneio, o Bayern de Munique encara o Manchester City, que fez 5 a 3 no Milan. A partida acontece já nesta quinta-feira, às 15h30 (de Brasília), logo depois da decisão do 3º lugar entre São Paulo e Milan, que começa às 13h15.

Ah, e o melhor do jogo entre Bayern e São Paulo aconteceu antes mesmo do duelo. Reparem só no letreiro eletrônico atrás de um dos gols da Allianz Arena. Não rolou nem um filtro para colocarem os tweets no ar.

Clique para ampliar

Autor: Tags: , , , , , , ,

quinta-feira, 9 de maio de 2013 Bundesliga | 15:55

Seleção oficial da Bundesliga

Compartilhe: Twitter

A Bundesliga divulgou nesta quinta-feira, ainda faltando duas rodadas para o término do Alemão, a seleção da temporada 2012/2013 do campeonato. Bayern de Munique e Borussia Dortmund, para variar, dominam a equipe – são quatro bávaros e cinco aurinegros. Schalke e Borussia M’gladbach também tiveram representantes.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

Veja abaixo e comente. Você concorda? Eu, sinceramente, senti falta do Lahm, do Reus e do Meier, do Frankfurt. Talvez desse para encaixar eles nas vagas de Uchida, Arango e Kuba. Mas enfim, não tem como colocar todo mundo. Ribéry, Kiessling, Adler, Müller…

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , , , ,

terça-feira, 26 de março de 2013 Eliminatórias da Copa, Seleção da Alemanha | 18:51

Borussia Dortm… quer dizer, Alemanha vence outra

Compartilhe: Twitter

Não tem nem como tirar esse jogo contra o Cazaquistão como parâmetro de alguma coisa. A Alemanha não deu a menor chance para o adversário, venceu por 4 a 1 na cidade de Nuremberg e segue firme rumo à Copa do Mundo de 2014. Foi um jogo de ataque contra defesa, praticamente, tirando a falha bisonha de Neuer. A Nationalelf lidera a chave C com 16 pontos, oito a mais que Irlanda, Áustria e Suécia, que estão com oito.

► Clique aqui e confira a agenda de jogos completa da Alemanha

Apesar de dominar todo duelo, o primeiro gol saiu apenas aos 23 minutos. Depois que Gündogan e Götze acertaram a trave cazaque uma vez cada, Marco Reus deu um drible desconcertante no defensor rival, mandou a bola no meio das suas pernas e finalizou para abrir o placar. Quatro minutos depois, Götze aproveitou linda jogada individual de Lahm e só desviou para o gol, fazendo 2 a 0.

Aos 27 minutos, Özil encontrou Gündogan na área e o meia do Borussia Dortmund ampliou. Aliás, só gols do BVB na primeira metade de jogo. Antes do intervalo, Gündogan ainda acertou outra bola na trave do Cazaquistão.

No começo do segundo tempo, Manuel Neuer quis aparecer um pouco. Como não encostou na bola na primeira etapa, o goleirão do Bayern de Munique recebeu um recuo de Mertesacker, resolveu driblar um adversário dentro da sua área e o atacante Schmidtgal, que joga no Greuther Fürth, aproveitou a besteira do arqueiro e chutou para o gol vazio.

A partir daí, sempre que encostava na bola, Neuer era vaiado pela torcida que lotou o Frankenstadion.

► Curta a página do Blog do Alemão no Facebook

Depois que levou o gol, a Alemanha continuou pressionando em busca de mais gols, mas parou no goleirão Sildenikov, que fez pelo menos umas cinco ou seis defesas difíceis. Sem contar as bolas na trave de Özil, Khedira e Müller. No total, os germânicos enfiaram seis bolas na trave. Os visitantes também acertaram o poste uma vez na segunda etapa. Nos últimos minutos, Reus recebeu passe de Gündogan e decretou a goleada.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

Özil mais uma vez foi o maestro alemão no duelo, jogando muito bem e totalmente lúcido. Entretanto, o melhor em campo foi Philipp Lahm. O lateral atuou como um verdadeiro ponta direita e infernizou a defesa cazaque. Pelo outro lado, Schmelzer também teve uma atuação destacada no apoio ao ataque. Götze deu conta do recado jogando como “falso centroavante”, enquanto Thomas Müller ficou devendo. Uma atuação bastante apática do meia-atacante.

O curioso é que Joachim Löw fez só uma alteração na partida, colocando Jansen na vaga de Reus. Isso aos 45 minutos do segundo tempo já.

O próximo jogo da seleção alemã será apenas no dia 29 de maio, contra o Equador, em amistoso que será realizado nos Estados Unidos. Depois, em 2 de junho, a Nationalelf encara os norte-americanos em Washington.

Notas dos jogadores:

Neuer 3,0, Lahm 8,5, Boateng 7,0, Mertesacker 6,5 e Schmelzer 7,5; Khedira 6,5, Gündogan 7,0 e Özil 8,0; Müller 5,0, Reus 7,0 (Jansen sem nota) e Götze 7,0

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013 Liga dos Campeões | 18:35

Bayern "engole" o Arsenal e encaminha vaga às quartas

Compartilhe: Twitter

O Bayern de Munique começou muito bem a fase de mata-mata da Champions League. Jogando na Inglaterra, o time alemão enfrentou o Arsenal no duelo de ida das oitavas de final e venceu por 3 a 1 – gols de Kroos, Müller e Mandzukic, com Podolski descontando para os anfitriões. Os dois times voltam a se enfrentar no dia 13 de março, uma quarta-feira, na Allianz Arena, em Munique.

Dá pra falar que os Bávaros já estão classificados? Para mim, sim!

► Curta a página do Blog do Alemão no Facebook

O primeiro tempo foi amplamente dominado pelo Bayern. Tanto que logo aos sete minutos, Müller cruzou da direita e encontrou Kroos na entrada da área. De primeira, o meia disparou um lindo chute para abrir o placar, calando o Emirates. Aos 21, Kroos cobrou o escanteio, Van Buyten subiu mais do que todo mundo e acertou uma forte cabeçada para defesa parcial do goleiro Szczesny, mas Müller estava ligado no rebote e apareceu para empurrar a bola para as redes.

Podolski cabeceia e marca para o Arsenal

Depois de fazer 2 a 0, o time alemão tirou o pé do acelerador e permitiu o crescimento do Arsenal, que aumentou seu volume de jogo, rondando a área de Neuer. Mas o arqueiro não correu muitos perigos.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

A etapa final foi um pouco diferente. A equipe londrina voltou melhor, mais incisiva, e conseguiu diminuir com Podolski, de cabeça,a os dez minutos. Wilshere cobrou escanteio, o goleiro Neuer ficou no meio do caminho e o gol ficou aberto para o atacante alemão do Arsenal marcar. Vale ressaltar que o escanteio que originou o tento inglês não existiu. O juiz marcou tiro de canto, mas claramente foi tiro de meta, já que a bola desviou em Podolski no chute de Cazorla.

Mas enfim, Neuer falhou e foi gol.

Depois disso, o jogo ficou aberto. O Arsenal chegava com perigo e assustou algumas vezes, enquanto o Bayern se defendia como podia e apostava nos contra-ataques. E numa dessas jogadas, Robben passou para Lahm, que chegou à linha de fundo e cruzou para Mandzukic finalizar meio sem jeito, todo desequilibrado, mas finalizar para as redes e decretar o importante triunfo fora de casa.

Antes de terminar o post, queria também destacar a atuação da dupla de zaga formada por Dante e Van Buyten. O gigante belga se mostrou muito seguro e o brasileiro um verdadeiro monstro. Tirou todas!

Autor: Tags: , , , , , , , ,

segunda-feira, 29 de outubro de 2012 Bundesliga, Fora dos campos, Vídeos | 13:04

"Maluco" Neuer e Özil são indicados a prêmio da Fifa

Compartilhe: Twitter

Nesta segunda-feira, a Fifa e a revista France Football divulgaram a lista dos 23 indicados a prêmio de melhor jogador de futebol do mundo em 2012. E o goleiro do Manuel Neuer está na relação, assim como o meia Mesut Özil, do Real Madrid. Aliás, eles são os únicos alemães que concorrem.

► Vote no BLOG DO ALEMÃO como melhor blog esportivo de 2012


Sinceramente, acho que poderiam entrar mais germânicos, como o atacante Mario Gomez, que fez um ótimo ano pelo Bayern de Munique, principalmente no primeiro semestre, Marco Reus, que brilhou pelo M’gladbach e segue enchendo os olhos agora no Borussia Dortmund, e o zagueiro Mats Hummels, muito seguro nos Amarelos e um dos principais nomes da Alemanha na Euro 2012.

Se não fossem as inúmeras lesões e a irregularidade, Schweinsteiger também entraria. Mas fica para o ano que vem.

Quem mais poderia entrar? Lembrando que na lista aparecem Yaya Touré, Piqué, Busquets, Rooney, Sergio Ramos… nomes que foram indicados não sei como. E o Ribéry? Um dos principais jogadores do Bayern, mas preterido dessa vez.

Ah, no título do post eu coloquei “maluco” Neuer, mas ainda não expliquei o motivo. Neste domingo, na derrota do Bayern de Munique diante do Bayer Leverkusen pela Bundesliga, o goleiro simplesmente virou meio-campista e iniciou a jogada de um lance que quase saiu o empate, no último minuto. O detalhe é que ele foi driblando até a área do Leverkusen.

Não viu? Confere no vídeo aí embaixo:

 

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. 4
  6. 5
  7. Última