Publicidade

Posts com a Tag Mundial Sub-17

quarta-feira, 29 de junho de 2011 Copa do Mundo, Futebol feminino, Seleção da Alemanha | 18:14

As seleções da Alemanha nos Mundiais

Compartilhe: Twitter

Okoyino da Mbabi e Garefrekes

Por enquanto, tudo nos conformes com as seleções alemãs nas disputas da Copa do Mundo feminina e do Mundial sub 17 masculino. Entre as mulheres, a equipe estreou em casa contra o Canadá e venceu por 2 a 1, gols de Kerstin Garefrekes e Okoyino da Mbabi. Já a meninada sub 17 está nas oitavas de final da competição da categoria depois de vencer seus três primeiros jogos na fase de grupos: Vitórias de 6 a 1 contra o Equador, de 3 a 0 sobre Burkina Fasso e de 2 a 0 no Panamá.

As duas equipes voltam a campo nesta quinta-feira:

Copa do Mundo feminina – fase de grupos
Alemanha x Nigéria, às 15h45 (de Brasília)

Mundial sub 17 – oitavas de final
Alemanha x Estados Unidos, às 17h (de Brasília)

Samed Yesil

Vale deixar registrado dois destaques sobre o desempenho germânico na garotada da base. O primeiro é o ótimo atacante Samed Yesil, do Bayer Leverkusen. O camisa 9 vem demonstrando na competição que tem um futuro brilhante pela Nationalelf. Para variar, tem descendência turca, mas nasceu na cidade de Düsseldorf.

Além do atacante, a dupla de zaga também deve ser observada com mais carinho. Cimo Röcker, do Werder Bremen, e Koray Günter, do Borussia Dortmund, deixam o sistema defensivo bastante sólido. Os dois são seguros e frios, justamente no bom e velho estilo alemão.

Já no Mundial feminino, o destaque ficou por conta do extracampo. Uma média de 5 milhões de pessoas na Alemanha assistiu à estreia vitoriosa da anfitriã sobre as canadeneses, um número que representa aproximadamente 20% da população do país e quase 60% da audiência televisiva daquele momento. A partida ainda teve pico de 18 milhões de telespectadores – quase 25% da população alemã.

Só para termos ideia da importância dos números, o jogo entre Alemanha e Sérvia, na Copa do Mundo de 2010, na África do Sul, teve 10% a menos de telespectadores do que a estreia das mulheres no Mundial. Já a final feminina de 2003, entre Alemanha e Suécia, teve média de 11,4 milhões de pessoas assistindo.

Resta saber se as moças conseguirão o tricampeonato em casa. Eu acredito nisso. A equipe é forte e experiente. E você? E os meninos do sub 17? Podem conquistar o título no México? Comenta aí embaixo.

Autor: Tags: , , , , , , , , ,

quinta-feira, 5 de novembro de 2009 Liga dos Campeões, Liga Europa, Seleção da Alemanha | 08:41

Gol da salvação

Compartilhe: Twitter
Zdravko Kuzmanovic

Zdravko Kuzmanovic

Kuzmanovic fez um belo gol e salvou o Stuttgart de uma derrota fora de casa, contra o Sevilla. Confesso que fiquei surpreso com o resultado. Não esperava que os Schwaben saíssem da Espanha com qualquer ponto. E esse tento do meio-campista sérvio deixa o Stuttgart com boas chances de conquistar uma vaga nas oitavas.

Agora com três pontos, o time alemão encara o Rangers fora de casa na próxima rodada e fecha a fase de grupos contra o Unirea, na Alemanha. O Stuttgart está em terceiro, dois pontos atrás do Unirea e um à frente do Rangers. A conta é simples: duas vitórias e classificação garantida. Até um empate contra os escoceses é um bom negócio, contanto que os romenos não vençam o Sevilla em casa.

A conta é simples para time que está bem. No caso do Stuttgart, é bem difícil imaginar que consiga. Mas torceremos…

*****

Também na quarta-feira, os meninos da seleção sub-17 entraram em campo pelas oitavas-de-finais do Mundial da categoria contra a Suíça. E perderam. Após empate por 2 a 2 no tempo normal, a mini-Nationalelf conseguiu levar dois gols na prorrogação e sair derrotada por 4 a 3. Fica pra próxima.

O sistema defensivo alemão se mostrou bastante fraco. Tanto zagueiros, laterais e volantes. Se salvaram apenas os garotos do setor ofensivo. Mario Goetze, meia-atacante do Borussia Dortmund, e Lennart Thy, atacante do Werder Bremen, foram os destaques do time no torneio. Olho neles.

*****

Para finalizar a semana de futebol alemão no velho Mundo, três times entram em campo pela Liga Europa. E ficam três perguntas a serem respondidas (eu dou a resposta também).

Hamburgo x Celtic – O Hamburgo supera a derrota para o Borussia M’Gladbach? Sim!
Werder Bremen x Áustria Viena – Os Papagaios continuam com a incrível série invicta? Sim!
Heerenveen x Hertha Berlim – De quanto o Hertha perde dessa vez? 3 a 1… tá bom?!

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , ,

segunda-feira, 2 de novembro de 2009 Bundesliga, Copa da Alemanha, Seleção da Alemanha | 12:10

Hoffenheim foi o grande beneficiado

Compartilhe: Twitter

Como é feriado no mundo todo, um panorama bem rápido sobre a rodada do fim de semana do Alemão. Ninguém merece trabalhar com esse dia lindo que faz em São Paulo. Aliás, antes de falar da Bundesliga, vale informar que a Alemanha se classificou para as oitavas do Mundial Sub-17 – mesmo ficando em 3º no grupo -, e terá a Suiça pela frente. O jogo está marcado para dia 4 de novembro, quarta-feira. Vamos acompanhar por aqui.

*****

Foram definidos nesta segunda-feira os confrontos das quartas-de-finais da Copa da Alemanha:

Werder Bremen x Hoffenheim (Jogaço, sem favorito)
Augsburg x Colônia (Dá Augsburg)
Osnabrück x Schalke (Dá Schalke)
Bayern de Munique x Greuther Fürth (Dá Bayern)

*****

Maicosuel fez o do Hoffe

Maicosuel fez o do Hoffe

Agora, o Campeonato Alemão. Podemos dizer que o time favorecido na 11ª rodada foi o Hoffenheim, único entre os oito primeiros colocados que venceu sua partida. A equipe azul – que jogou de branco – derrotou o Freiburg fora de casa, com gol salvador do ex-botafoguense Maicosuel. O Hoffe já é o 5º colocado, apenas três pontos atrás do líder.

Líder que é o Bayer Leverkusen, de forma isolada. Tudo bem que empatou com o Schalke, na casa do rival, mas vencia o jogo por 2 a 0 e cedeu o empate com dois gols sofridos nos últimos minutos de partida – um deles de Kuranyi.

E se o Hamburgo não vacilasse feio, seria o primeiro colocado. Os hanseáticos perderam em casa para o Borussia M’Gladbach, de virada, e dão mostras de que Guerrero e Petric fazem muita falta no ataque. Zé Roberto marcou um para o Hamburgo, enquanto o também brasileiro Dante fez um para os visitantes. Dante é zagueiro e titular dos Potros.

O segundo colocado agora é o Werder Bremen, que conseguiu uma reação espetacular diante do Nuremberg, fora de casa. Os Papagaios perdiam por 2 a 0, quando Hunt entrou em ação. O jovem atacante marcou aos 27 e 45 minutos do segundo tempo, mantendo a série invicta da equipe. O Werder Bremen não perde há 17 jogos, incluindo Bundesliga, Liga Europa e Copa da Alemanha.

Stuttgart e Bayern de Munique fizeram um jogo movimentado, mas sem gols, resultado ruim para ambos. Mario Gomez começou como titular nos bávaros e teve a chance de melhorar sua performance na temporada justamente contra seu ex-clube, mas não tocou na bola durante os 90 minutos. Incrível a péssima fase que vive. Luca Toni entrou no segundo tempo na vaga de Klose e jogou muito bem. O italiano ainda marcou um gol, bem anulado pelo bandeirinha, que conseguiu ver os milímetros do impedimento.

Caio marcou pelo Frankfurt

Caio marcou pelo Frankfurt

Nos outros jogos, mais um papelão do lanterna Hertha, que perdeu para o Dortmund; gol de Caio no triunfo do Frankfurt sobre o fraco Bochum; tropeço do Wolfsburg em casa, levando um gol do Mainz no final e cedendo o empate; e o Hannover surpreendendo o Colônia fora de casa.

Acertei só um jogo em cheio nesta rodada recheada de gols. Foram 26 em nove jogos, uma média de quase três por partida. Só um 0 a 0.

Borussia Dortmund 2 x 0 Hertha Berlim (2 x 0) – Na mosca!
Wolfsburg 3 x 3 Mainz (2 x 0) – Decepção dos Lobos em casa
Stuttgart 0 x 0 Bayern de Munique  (0 x 2) – Esperava gols bávaros
Hamburgo 2 x 3 Borussia M’Gladbach (3 x 1) – Zebraça!
Colônia 0 x 1 Hannover (2 x 1) – Zebrinha!
Nuremberg 2 x 2 Werder Bremen  (1 x 2) – Werder buscou bem, mas achei que venceria
Schalke 2 x 2 Bayer Leverkusen (1 x 1) – Acertei o empate
Freiburg 0 x 1 Hoffenheim (2 x 3) – Acertei a vitória do Hoffe
Frankfurt 2 x 1 Bochum (0 x 0) – Não dá pra apostar no Bochum

Autor: Tags: , , , , , , , , , , , , ,

sexta-feira, 30 de outubro de 2009 Seleção da Alemanha | 15:07

A hora do "acendão"

Compartilhe: Twitter

Até que enfim a Alemanha conseguiu vencer uma no Mundial Sub-17. Só faltava não ganhar de Honduras… e olha que saiu perdendo logo no início do segundo tempo. Mas depois dos “apagões” contra Nigéria e Argentina, dessa vez a equipe mostrou a tradicional frieza germânica e se superou. Num “acendão”, a mini-Nationalelf virou o jogo em um minuto. Thy marcou aos 10 e 11, com Volland fechando o placar de 3 a 1 aos 28.

No outro jogo do grupo, a Nigéria venceu a Argentina, também de virada, e ficou na liderança com seis pontos. Os hermanos ficaram com os mesmos seis, na segunda posição. A seleção alemã terminou a primeira fase com quatro pontos, mas ainda tem grandes chances de ir para as oitavas – os quatro melhores terceiros colocados de todas as seis chaves se classificam.

Agora é esperar o encerramento dos outros grupos e ver se dá pra seguir adiante.

Autor: Tags: , , , ,

quarta-feira, 28 de outubro de 2009 Seleção da Alemanha, Vídeos | 00:05

Elástico humilhante

Compartilhe: Twitter

Pra quem não viu, aí está o vídeo com o elástico que o argentino Araujo deu no alemão Mustafi, como citei no post anterior. Depois ele ainda cruzou de letra. Assista no player aí embaixo.

Humilhante, não?!

Autor: Tags: , , , , , , ,

terça-feira, 27 de outubro de 2009 Seleção da Alemanha | 15:10

Apagão na meninada

Compartilhe: Twitter

Assim como aconteceu contra a Nigéria, quando cedeu o empate por 3 a 3 depois de abrir 3 a 0, a Alemanha vacilou feio diante da Argentina e perdeu a primeira no Mundial Sub-17. Levou dois gols em um minuto e foi derrotada por 2 a 1, de virada. Pane geral!

O jogo foi de dois tempos distintos. No primeiro, domínio total alemão, com gol de cabeça de Mario Goetze, o melhor jogador do time. Na segunda etapa, os argentinos viraram com gol de pênalti de Espindola, aos 12, e outro de Araujo, aos 13, aproveitando uma bobeira incrível do lateral-direito Bienvenue Basala (o nome já mostra que ele não é “alemão da gema”). Na saída de bola, logo depois que tomou o primeiro gol, ele recuou a bola de forma bisonha e o atacante da Argentina agradeceu balançando as redes.

Alemanha 1 x 2 ArgentinaConsegui acompanhar o jogo por inteiro e dá pra fazer umas análises preliminares dos jovens alemães. Do meio pra frente o time é muito bom. Goetze e Lennart Thy formam uma dupla interessante no setor ofensivo, recebendo o apoio do próprio Basala pela ala, que manda bem quando sobe, mas é um desastre na marcação.  Outro que manda mal é Reinhold Yabo, capitão da equipe. Erra muitos passes, meu Deus. Talvez não seja sempre assim, mas pelo que vi…

Shkodran Mustafi também se mostrou bastante inseguro na proteção à zaga. Ele, aliás, tomou um elástico maravilhoso do atacante argentino Araujo no segundo tempo. Vocês viram? Na boa, deve estar doendo a coluna dele até agora, foi impressionante. Prometo que vou procurar esse vídeo no Youtube e, se achar, coloco aqui… se alguém conseguir antes, me avise.

Enfim, a classificação ficou à perigo, mas não impossível. Se vencer Honduras na última rodada, sexta-feira, tem grandes chances de seguir para as oitavas-de-finais, ainda que com a 3ª colocação. Acertando o sistema defensivo, dá pra chegar longe.

Na quarta-feira volto aqui com o que de melhor aconteceu na Copa da Alemanha, que tem jogos hoje e amanhã.

Autor: Tags: , , , , , , , ,

Copa da Alemanha, Seleção da Alemanha | 10:41

Terça e quarta de futebol

Compartilhe: Twitter

O meio-de-semana é de bola rolando com a 3ª fase da Copa da Alemanha. São quatro jogos nesta terça e outros quatro na quarta-feira. Apenas uma das oito partidas envolve equipes da primeira divisão – Frankfurt x Bayern de Munique.

Terça, dia 27/10
Greuther Fürth x Stuttgart
Eintracht Trier x Colônia
Osnabrück x Borussia Dortmund
Augsburg x Duisburg

Quarta, dia 28/10
Munique 1860 x Schalke 04
Werder Bremen x Kaiserslautern
Hoffenheim x Koblenz
Eintracht Frankfurt x Bayern de Munique

A terça-feira também é dia de seleção da Alemanha. A equipe sub-17 entra em campo pela segunda rodada do Mundial da categoria, às 13h (de Brasília). O adversário é a Argentina, que venceu na estreia. A Nationalelf ficou no empate com a Nigéria – 3 a 3 -, história que já contei em post anterior.

Ainda hoje volto aqui com o desempenho dos meninos alemães. Mini-palpite? 2 a 1 para Alemanha.

>> Acompanhe os lances do jogo ao vivo pelo Placar iG

Autor: Tags: , , , , , , , ,

sábado, 24 de outubro de 2009 Fora dos campos, Seleção da Alemanha | 21:13

Como assim?

Compartilhe: Twitter

Shkodran Mustafi

Inacreditável o que fez a seleção sub-17 da Alemanha na estreia do Mundial da categoria. Conseguiu ceder o empate para a Nigéria após abrir 3 a 0 no placar. Como se explica isso?

Tá bom, até tem explicação. A Nigéria é a dona da casa, o estádio estava lotado, empurrando a seleção africana para cima dos germânicos, mas um fator foi decisivo para esse deslize alemão: a expulsão de Robert Labus. Com um homem a menos, não foi possível suportar e a pressão dos anfitriões. E depois que empataram o jogo em 3 a 3, os nigerianos ainda tiveram chances claras para virar o marcador, mas falharam. Então, o empate até que ficou barato.

Os gols da Alemanha foram marcados por Shkodran Mustafi, bom zagueiro (o da foto aí de cima) que foi revelado no Hamburgo, e que joga no Everton-ING -, Mario Goetze, meia-atacante do Borussia Dortmund, e Lennart Thy, atacante do Werder Bremen.

Confesso que não conheço muito bem essa geração de valores alemães, mas prometo que ficarei atento a esse Mundial Sub-17 pra ver quem pode brilhar no futuro. Próxima partida é na terça-feira que vem, dia 27, contra Argentina, que começou o torneio derrotando Honduras por 1 a 0. Tem que vencer!

***

E a notícia do sábado é o acerto de Lothar Matthaus com o Racing, da Argentina. Sim, o ex-jogador alemão chega na próxima semana em terras hermanas para assumir o clube. Aventura master! O último time que dirigiu foi o Maccabi Netanya, de Israel. Quem não se lembra da passagem relâmpago dele pelo Atlético-PR, em 2006? Pelo menos saiu invicto – ficou sete jogos, conquistando cinco vitórias e empatando duas vezes. Na época ele disse que estava com saudades da família (?!)

Autor: Tags: , , , , , , , , , ,