Publicidade

Posts com a Tag Roman Weidenfeller

segunda-feira, 18 de novembro de 2013 Amistosos, Seleção da Alemanha | 09:10

Prévia de Inglaterra x Alemanha e o drama de Khedira

Compartilhe: Twitter

Sami Khedira

Que pena o Khedira, hein? No amistoso da Alemanha contra a Itália, na semana passada, o volante rompeu os ligamentos do joelho direito e terá que fazer uma cirurgia para reconstrução. Como o prazo de recuperação é de seis meses, a participação do jogador na Copa do Mundo está ameaçadíssima – ele voltaria no final do de maio de 2014, sendo que o Mundial começa na primeira quinzena de junho. Ainda há esperanças.

► Confira a agenda completa e outras informações sobre a seleção da Alemanha

Caso o atleta do Real Madrid não possa mesmo jogar a Copa, Kroos e Gündogan, atualmente lesionado, disputarão o posto de titular ao lado de Schweinsteiger. “Este é um golpe duro para todos nós. Khedira é um grande lutador dentro e fora dos gramados. Sempre pensa positivo e isso vai ajudá-lo. E por isso estou otimista de que ele estará em forma novamente no pontapé inicial da Copa do Mundo no Brasil. Vamos cruzar nossos dedos para que a cirurgia corra bem e para que ele passar iniciar rapidamente a reabilitação”, disse o técnico Joachim Löw.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

Para o amistoso diante da Inglaterra, nesta terça-feira, o último do ano, o treinador deverá escalar Sven Bender na vaga de Khedira. Na verdade, Löw planeja mandar a campo um time bem diferente do que empatou com os italianos. Recuperado de uma gripe, Mertesacker volta à zaga. No gol, Roman Weidenfeller fará sua estreia. Se for bem, carimba seu passaporte para o Brasil. E dos atletas que entraram em campo na terça passada, apenas Hummels, Höwedes e Kroos devem permanecer entre os titulares.

Quando: 19/11/2013, terça-feira
Onde: Wembley, em Londres-ING
Porque: Amistoso
Horário: 18h00 (de Brasília)
Na TV: ESPN Brasil

Özil, Lahm e Neuer serão poupados e não ficam nem no banco de reservas. Se Löw mandar a campo o time que treinou, a Nationalelf que começa o duelo contra os ingleses terá Weidenfeller, Höwedes, Mertesacker, Hummels e Schmelzer; Sven Bender, Kroos, Draxler, Sidney Sam e Reus; Kruse. Um time rápido e jovem do meio para frente, mas ainda inexperiente. Se empatar fora de casa, já está de bom tamanho. Meu palpite é 2 a 2.

História

São 32 jogos entre as seleções ao longo dos anos, com vantagem para os ingleses, que venceram 15 vezes. A Alemanha tem 11 vitórias, com outros seis empates registrados. Aliás, a pior derrota dos alemães em toda história foi justamente diante do rival desta terça. Em 1909, a Inglaterra enfiou impiedosos 9 a 0, em amistoso realizado em Oxford.

Confira alguns desses duelos:

Último jogo e maior vitória alemã
27/06/2010 – Oitavas da Copa do Mundo
Alemanha 4 x 1 Inglaterra, em Bloemfontein (África do Sul)

Copa do Mundo de 2010, Alemanha 4 a 1

Copa do Mundo de 2010, Alemanha 4 a 1

Primeiro jogo
20/04/1908 – Amistoso
Alemanha 1 x 5 Inglaterra, em Berlim (Alemanha)

Maior derrota alemã
16/03/1909 – Amistoso
Inglaterra 9 x 0 Alemanha, em Oxford (Inglaterra)

Jogo mais importante
30/07/1966 – Final da Copa do Mund0
Inglaterra 4 x 2 Alemanha, em Londres (Inglaterra)

Primeira vitória alemã
01/06/1968 – Amistoso
Alemanha 1 x 0 Inglaterra, em Hannover (Alemanha)

Autor: Tags: , , , , , ,

quarta-feira, 13 de novembro de 2013 Seleção da Alemanha | 11:54

Weidenfeller pode ser o 57º estreante da era Joachim Löw

Compartilhe: Twitter

Roman WeidenfellerNa semana passada, o goleiro Roman Weidenfeller viu seu nome aparecer pela primeira vez entre os convocados da seleção da Alemanha. Se o arqueiro do Borussia Dortmund tiver uma chance de entrar em campo em qualquer um dos próximos amistosos, contra Itália e Inglaterra, ele se tornará o 57º jogador a estrear na Nationalelf sob o comando de Joachim Löw.

► Confira a agenda de jogos completa e outras informações sobre a seleção alemã

O treinador chegou à seleção logo após a Copa do Mundo de 2006, quando o time teve Jürgen Klinsmann no banco de reservas. Löw sempre deixou claro que pretendia fazer uma renovação na equipe, até por isso deu chance para muitos atletas. A grande maioria, hoje, não teria chance alguma de voltar a vestir a camisa tricampeã mundial. São os casos de Fathi, Compper, Hilbert, Pander e Madlung, entre outros.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

Entre os jogadores que estrearam com Löw estão Reus, Mario Gomez, Özil, Hummels, Boateng, Neuer, Müller, Götze, Khedira, Gündogan… enfim, justamente a base do time que vai à Copa do Mundo de 2014. Poucos são os remanescentes da era Klinsmann, como Lahm, Schweinsteiger, Mertesacker e Klose.

Na lista dos debutantes aparece o falecido goleiro Robert Enke, que provavelmente estaria jogando até hoje na seleção. Veja abaixo quem são os 56 jogadores que estrearam com Löw:

1 – Malik Fathi (defensor) – estreia em 16/08/2006 – 2 jogos disputados
2 – Manuel Friedrich (defensor) – estreia em 16/08/2006 – 9 jogos disputados
3 – Alexander Madlung (defensor) – estreia em 07/10/2006 – 2 jogos disputados
4 – Jan Schlaudraff (atacante) – estreia em 07/10/2006 – 3 jogos disputados
5 – Clemens Fritz (defensor) – estreia em 07/10/2006 – 22 jogos disputados
6 – Piotr Trochowski (meio-casmpista) – estreia em 07/10/2006 – 35 jogos disputados
7 – Mario Gomez (atacante) – estreia em 07/02/2007 – 57 jogos disputados
8 – Gonzalo Castro (meio-campista) – estreia em 28/03/2007 – 5 jogos disputados
9 – Stefan Kiessling (atacante) – estreia em 28/03/2007 – 6 jogos disputados
10 – Robert Enke (goleiro) – estreia em 28/03/2007 – 8 jogos disputados
11 – Roberto Hilbert (meio-campista) – estreia em 28/03/2007 – 8 jogos disputados
12 – Patrick Helmes (atacante) – estreia em 28/03/2007 – 13 jogos disputados
13 – Simon Rolfes (meio-campista) – estreia em 28/03/2007 – 26 jogos disputados
14 – Christian Pander (defensor) – estreia em 22/08/2007 – 2 jogos disputados
15 – Jermaine Jones* (meio-campista) – estreia em 06/02/2008 – 3 jogos disputados
16 – Heiko Westermann (defensor) – estreia em 06/02/2008 – 26 jogos disputados
17 – Marko Marin (meio-campista) – estreia em 27/05/2008 – 16 jogos disputados
18 – Serdar Tasci (defensor) – estreia em 20/08/2008 – 14 jogos disputados
19 – Marvin Compper (defensor) – estreia em 19/11/2008 – 1 jogo disputado
20 – Tim Wiese (goleiro) – estreia em 19/11/2008 – 6 jogos disputados
21 – Marcel Schäfer (defensor) – estreia em 19/11/2008 – 8 jogos disputados
22 – Andreas Beck (defensor) – estreia em 11/02/2009 – 9 jogos disputados
23 – Mesut Özil (meio-campista) – estreia em 11/02/2009 – 51 jogos disputados
24 – Christian Gentner (meio-campista) – estreia em 29/05/2009 – 5 jogos disputados
25 – Cacau (atacante) – estreia em 29/05/2009 – 23 jogos disputados
26 – Tobias Weis (meio-campista) – estreia em 02/06/2009 – 1 jogo disputado
27 – Christian Träsch (meio-campista) – estreia em 02/06/2009 – 10 jogos disputados
28 – Manuel Neuer (goleiro) – estreia em 02/06/2009 – 43 jogos disputados
29 – Sami Khedira (meio-campista) – estreia em 05/09/2009 – 43 jogos disputados
30 – Jerome Boateng (defensor) – estreia em 10/10/2009 – 34 jogos disputados
31 – Aaron Hunt (meio-campista) – estreia em 18/11/2009 – 3 jogos disputados
32 – Toni Kroos (meio-campista) – estreia em 03/03/2010 – 39 jogos disputados
33 – Thomas Müller (atacante ) – estreia em 03/03/2010 – 46 jogos disputados
34 – Stefan Reinartz (defensor) – estreia em 13/05/2010 – 3 jogos disputados
35 – Kevin Grosskreutz (meio-campista) – estreia em 13/05/2010 – 3 jogos disputados
36 – Dennis Aogo (defensor) – estreia em 13/05/2010 – 12 jogos disputados
37 – Mats Hummels (defensor) – estreia em 13/05/2010 – 26 jogos disputados
38 – Holger Badstuber (defensor) – estreia em 29/05/2010 – 30 jogos disputados
39 – Sascha Riether (defensor) – estreia em 11/08/2010 – 2 jogos disputados
40 – Lewis Holtby (meio-campista) – estreia em 17/11/2010 – 3 jogos disputados
41 – Marcel Schmelzer (defensor) – estreia em 17/11/2010 – 14 jogos disputados
42 – Mario Götze (meio-campista) – estreia em 17/11/2010 – 24 jogos disputados
43 – Andre Schürrle (atacante ) – estreia em 17/11/2010 – 28 jogos disputados
44 – Sven Bender (meio-campista) – estreia em 29/03/2011 – 5 jogos disputados
45 – Benedikt Höwedes (defensor) – estreia em 29/05/2011 – 16 jogos disputados
46 – Lars Bender (meio-campista) – estreia em 06/09/2011 – 15 jogos disputados
47 – Marco Reus (meio-campista) – estreia em 07/10/2011 – 17 jogos disputados
48 – Ilkay Gündogan (meio-campista) – estreia em 11/10/2011 – 8 jogos disputados
49 – Ron-Robert Zieler (goleiro) – estreia em 11/11/2011 – 2 jogos disputados
50 – Marc-André ter Stegen (goleiro) – estreia em 26/05/2012 – 3 jogos disputados
51 – Julian Draxler (meio-campista) – estreia em 26/05/2012 – 9 jogos disputados
52 – Roman Neustädter (meio-campista) – estreia em 14/11/2012 – 2 jogos disputados
53 – Philipp Wollscheid (defensor) – estreia em 29/05/2013 – 2 jogos disputados
54 – Nicolai Müller (meio-campista) – estreia em 29/05/2013 – 2 jogos disputados
55 – Sidney Sam (meio-campista) – estreia em 29/05/2013 – 4 jogos disputados
56 – Max Kruse (atacante) – estreia em 29/05/2013 – 5 jogos disputados

*Em 2010, Jermaine Jones optou por defender a seleção dos Estados Unidos

Autor: Tags: , , , ,

sexta-feira, 8 de novembro de 2013 Amistosos, Seleção da Alemanha | 08:21

Weidenfeller é convocado para seleção da Alemanha

Compartilhe: Twitter
Roman Weidenfeller

Roman Weidenfeller

Temos uma grande novidade na convocação da seleção da Alemanha que pega a Itália e a Inglaterra nos últimos amistosos do ano, dias 15 e 19 de novembro, respectivamente. Enfim, Joachim Löw chamou o goleiro Roman Weidenfeller, do Borussia Dortmund. Aos 33 anos de idade, ele é o arqueiro mais velho da história a estrear no time nacional.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

As ausências ficam por conta de Bastian Schweinsteiger, que operou o tornozelo direito e só deve voltar aos gramados em 2014 – vai desfalcar o Bayern no Mundial de Clubes, inclusive -, além de Podolski, Gündogan e Mario Gomez, todos se recuperando de lesão. A lista conta também com o retorno de Miroslav Klose.

► Veja a agenda completa e informações da seleção alemã

Confira abaixo:

Goleiros: Manuel Neuer (Bayern de Munique), Rene Adler (Hamburgo) e Roman Weidenfeller (Borussia Dortmund)

Defensores: Jerome Boateng (Bayern de Munique), Benedikt Höwedes (Schalke), Mats Hummels (Borussia Dortmund), Marcell Jansen (Hamburgo), Philipp Lahm (Bayern de Munique), Per Mertesacker (Arsenal-ING), Marcel Schmelzer (Borussia Dortmund) e Heiko Westermann (Hamburgo)

Meio-campistas: Lars Bender (Bayer Leverkusen), Sven Bender (Borussia Dortmund), Julian Draxler (Schalke), Mario Götze (Bayern de Munique), Sami Khedira (Real Madrid-ESP), Toni Kroos (Bayern de Munique), Mesut Özil (Arsenal-ING), Marco Reus (Borussia Dortmund) e Sidney Sam (Bayer Leverkusen).

Atacantes: Thomas Müller (Bayern de Munique), Andre Schürrle (Chelsea-ING), Max Kruse (Borussia M’gladbach) e Miroslav Klose (Lazio-ITA)

Autor: Tags:

segunda-feira, 28 de outubro de 2013 Bundesliga, Vídeos | 11:29

Festa amarela na casa azul

Compartilhe: Twitter

Borussia Dortmund venceu o Schalke

Vamos aos rápidos comentários sobre a 10ª rodada da Bundesliga. Começando pelo superclássico do Vale do Ruhr, em Gelsenkirchen, que terminou com a excelente vitória do Borussia Dortmund diante do Schalke, por 3 a 1. O resultado manteve os aurinegros na segunda colocação do torneio, um ponto atrás do líder Bayern de Munique.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

E o BVB tomou conta do duelo na Veltins Arena. Desde o começo do jogo, os Amarelos mostraram bastante superioridade diante dos Azuis-Reais e abriram o placar com Aubameyang, logo aos 14 minutos. Os visitantes tiveram a chance de ampliar, mas a melhor oportunidade de gol no primeiro tempo foi do Schalke. Weidenfeller defendeu o pênalti cobrado por Kevin Prince Boateng.

Na etapa final, Sahin ampliou para o Dortmund, Max Meyer diminuiu para os donos da casa, mas Kuba deixou sua marca e decretou o placar final do grande jogo. O melhor lance da partida, porém, aconteceu fora das quatro linhas, quando o técnico Jurgen Klopp, do Dortmund, acertou uma bolada na cabeça do 4º árbitro depois de matar a bola de canela. Olha só no vídeo abaixo. A cara que o Klopp faz é genial:

Já o líder Bayern de Munique teve muitas dificuldades para derrotar o Hertha Berlim, na Allianz Arena, por 3 a 2. O time da capital saiu na frente com Ramos, mas os Bávaros conseguiram a virada com gols de Mandzukic, que fez dois, e Mario Götze – vale lembrar que ambos começaram o duelo no banco de reservas e entraram ainda no primeiro tempo. Os três tentos foram de cabeça. Ben-Hatira diminuiu para o Hertha.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

Bayer Leverkusen, Mainz, Borussia M’gladbach e Wolfsburg conseguiram boas vitórias jogando em casa, enquanto o Hoffenheim enfiou 4 a 1 no Hannover, no campo do rival. Neste duelo, o zagueiro Marcelo, do Hannover, foi expulso. E no jogo que fechou a rodada, o Hamburgo derrotou o Freiburg fora de casa por 3 a 0 com direito a três pixotadas incríveis do goleirão Oliver Baumann. Ele é um excelente arqueiro, mas falhou feio neste domingo. E Joachim Löw estava no estádio assistindo.

Veja as falhas de Baumann:

Confira os resultados da 10ª rodada:

Sexta, 25 de outubro
Stuttgart 1 x 1 Nuremberg

Sábado, 26 de outubro
Bayern de Munique 3 x 2 Hertha Berlim
Schalke 1 x 3 Borussia Dortmund
Bayer Leverkusen 2 x 1 Augsburg
Hannover 1 x 4 Hoffenheim
Mainz 2 x 0 Braunschweig
Wolfsburg 3 x 0 Werder Bremen

Domingo, 27 de outubro
Borussia M’gladbach 4 x 1 Eintracht Frankfurt
Freiburg 0 x 3 Hamburgo

Autor: Tags: , , , , , , ,

sexta-feira, 4 de outubro de 2013 Bundesliga, Eliminatórias da Copa, Liga Europa, Seleção da Alemanha | 13:08

Convocação da seleção, Liga Europa e Bundesliga

Compartilhe: Twitter


Muitos assuntos para esta sexta-feira aqui no blog, a começar pela convocação da seleção da Alemanha para os jogos contra Irlanda e Suécia, nos dias 11 e 15 de outubro, respectivamente, válidos pelas eliminatórias da Copa 2014.

O atacante Kiessling mais uma vez foi preterido, mesmo com as lesões de Klose e Mario Gomez, assim como Weidenfeller. O goleiro do Dortmund chegou a ser cogitado pela imprensa alemã, mas ficou de fora.

► Clique e veja a agenda de jogos completa da Alemanha

Veja a lista, que conta com os retornos dos meias Schweinsteiger e Mario Götze:

Goleiros: René Adler (Hamburgo), Manuel Neuer (Bayern de Munique), Ron-Robert Zieler (Hannover)

Defensores: Jerome Boateng (Bayern de Munique), Benedikt Höwedes (Schalke), Mats Hummels (Borussia Dortmund), Marcell Jansen (Hamburgo), Philipp Lahm (Bayern de Munique), Per Mertesacker (Arsenal-ING)

Meio-campistas: Lars Bender (Bayer Leverkusen), Sven Bender (Borussia Dortmund), Julian Draxler (Schalke), Mario Götze (Bayern de Munique), Sami Khedira (Real Madrid-ESP), Toni Kroos (Bayern de Munique), Mesut Özil (Arsenal-ING), Marco Reus (Borussia Dortmund), Sidney Sam (Bayer Leverkusen), Bastian Schweinsteiger (Bayern de Munique)

Atacantes: Max Kruse (Borussia Mönchengladbach), Thomas Müller (Bayern de Munique), André Schürrle (Chelsea-ING)

______________________________________________________________________________

Lakic marcou para o Frankfurt

Lakic marcou para o Frankfurt

Agora, a Liga Europa. Dois alemães entraram em campo nesta quinta-feira, e só o Eintracht Frankfurt se deu bem. As Águias visitaram o APOEL, no Chipre, e venceram por 3 a 0, permanecendo na liderança isolada do grupo F, com 100% de aproveitamento e seis pontos conquistados. Já o Freiburg foi até a Espanha e perdeu do Sevilla por 2 a 0, se complicando na chave H. O time germânico tem só um ponto, contra seis dos espanhóis e quatro do Liberec.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

E as duas equipes se enfrentam na 8ª rodada da Bundesliga, no domingo, em Freiburg. No sábado, destaques para o duelo entre os Borussias, em M’gladbach, e para o clássico Bayer x Bayern, em Leverkusen.

Confira a programação e os palpites:

Sexta, 4 de outubro
Hannover 2 x 1 Hertha Berlim (15h30 – ESPN Brasil)

Sábado, 5 de outubro
Schalke 3 x 0 Augsburg
Borussia M’gladbach 1 x 2 Borussia Dortmund (10h30 – ESPN +)
Stuttgart 3 x 3 Werder Bremen
Wolfsburg 2 x 0 Braunschweig
Mainz 1 x 3 Hoffenheim
Bayer Leverkusen 2 x 3 Bayern de Munique (13h30 – ESPN +)

Domingo, 6 de outubro
Nuremberg 1 x 2 Hamburgo
Freiburg 0 x 1 Eintracht Frankfurt

Autor: Tags: , , , , , ,

quarta-feira, 18 de setembro de 2013 Liga dos Campeões | 18:04

Dortmund cai na Itália, e Schalke vence em casa

Compartilhe: Twitter

Weidenfeller foi expulso na derrota do Borussia Dortmund

Atual vice-campeão europeu, o Borussia Dortmund começou mal a edição 2013/2014 da Champions League. Jogando na Itália, o time aurinegro perdeu do Napoli por 2 a 1, sofrendo sua primeira derrota na temporada – até então eram sete jogos e sete vitórias.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

E nada deu certo para o Dortmund no jogo. O time até que estava jogando bem no estádio San Paolo, quando, aos 29 minutos, o Napoli abriu o placar com Higuaín. O argentino se antecipou a Schmelzer e cabeceou no canto de Weidenfeller. Por falar no goleirão, na tentativa de cortar um contra-ataque do rival já nos acréscimos, ele colocou a mão na bola fora da área e foi expulso. Kuba saiu para entrada do arqueiro reserva Langerak.

Lembrando que o BVB já havia perdido o zagueirão Hummels, lesionado, e o técnico Jurgen Klopp, expulso por reclamação no momento do gol do adversário.

► Curta página do Blog do Alemão no Facebook

Na etapa final, mesmo com a um a menos e em desvantagem no placar, o time alemão partiu em busca do empate. Porém, aos 22 minutos, Insigne cobrou falta com categoria e jogou um balde de água fria nos Amarelos. O Dortmund não se entregou e continuou buscando o gol. E ele veio aos 42. Marco Reus cruzou e Zuñiga marcou contra, colocando fogo nos minutos finais. Mesmo partindo para o abafa – assim como nas quartas de final da Liga passada contra o Málaga -, não deu para empatar.

Faltou um Felipe Santana ali para virar herói.

Foi só o primeiro jogo da fase de grupos, o Dortmund tem tudo para avançar. No outro duelo da chave F, o Arsenal fez 2 a 1 no Olympique de Marselha, jogando na França. Próximo jogo do BVB é em casa, contra a equipe francesa.

Boateng chuta e marca para o Schalke

Se o Dortmund perdeu, o arquirrival Schalke venceu. O placar de 3 a 0 construído diante do Steaua Bucareste, na Veltins Arena, é um tanto quanto enganador e não reflete muito bem o que foi o jogo. Nos primeiros 45 minutos, nem parecia que os alemães estavam jogando em casa. O time romeno se sentiu bastante à vontade e até pressionou os Azuis-Reais, que praticamente não assustaram a meta do adversário.

A postura foi totalmente diferente no segundo tempo, com o S04 mais presente no campo de ataque, mas sem criatividade no meio de campo. Aos 22, o japonês Uchida levantou na área, a bola passou por todo mundo e entrou no gol, tirando o time do sufoco. Depois de abrir o placar, os germânicos usaram o contra-ataque para definir a partida. Aos 33, Prince Boateng fez o segundo, com Draxler completando a vitória aos 40.

O grupo E ainda contou com um resultado surpreendente. O Basel viajou até a Inglaterra e fez 2 a 1 no favorito Chelsea. E o próximo jogo do Schalke é justamente contra os suíços, no campo do adversário.

Autor: Tags: , , , , , , ,

sexta-feira, 30 de agosto de 2013 Bundesliga, Eliminatórias da Copa, Seleção da Alemanha | 09:15

Convocação da seleção e a 4ª rodada do Alemão

Compartilhe: Twitter

Sidney Sam

A seleção da Alemanha está convocada para os duelos contra Áustria, no próximo dia 6 de setembro, na Allianz Arena, e Ilhas Faroe, fora de casa, no dia 10 de setembro, em jogos válidos pelas eliminatórias para Copa de 2014. Aliás, a Nationalelf já pode carimbar seu passaporte para o Mundial do Brasil em uma dessas rodadas.

► Clique e veja a agenda de jogos completa da Alemanha

A lista divulgada por Joachim Löw conta com os retornos de Schweinsteiger e Götze e as ausências de Gündogan, Jansen e Podolski, todos machucados. O meia Sidney Sam, do Bayer Leverkusen, ganhou mais uma merecida chance, enquanto Kruse foi chamado para completar o setor ofensivo. Eu preferia Kiessling, mas esse aí, pelo jeito, não volta mais.

E o Weidenfeller, hein? Nem para terceiro goleiro?

Confira a lista:

Goleiros: René Adler (Hamburgo), Manuel Neuer (Bayern de Munique) e Ron-Robert Zieler (Hannover)

Defensores: Jerome Boateng (Bayern de Munique), Benedikt Höwedes (Schalke), Mats Hummels (Borussia Dortmund), Philipp Lahm (Bayern de Munique), Per Mertesacker (Arsenal-ING) e Marcel Schmelzer (Borussia Dortmund)

Meio-campistas: Lars Bender (Bayer Leverkusen), Sven Bender (Borussia Dortmund), Julian Draxler (Schalke), Mario Götze (Bayern de Munique), Sami Khedira (Real Madrid-ESP), Toni Kroos (Bayern de Munique), Thomas Müller (Bayern de Munique), Mesut Özil (Real Madrid-ESP), Marco Reus (Borussia Dortmund), Sidney Sam (Bayer Leverkusen), Bastian Schweinsteiger (Bayern de Munique)

Atacantes: Mario Gomez (Fiorentina-ITA), Miroslav Klose (Lazio-ITA), Max Kruse (Borussia M’gladbach) e André Schürrle (Chelsea-ING)
____________________________________________________________________________

Na Bundesliga, a 4ª rodada será completada com seis jogos no sábado e outros dois no domingo. Na abertura, terça-feira, o Bayern de Munique só empatou com o Freiburg, perdeu os 100% de aproveitamento, mas assumiu a liderança isolada da competição. Os Bávaros, porém, podem fechar o fim de semana na 5ª colocação, caso Bayer Leverkusen, Mainz, Borussia Dortmund e Hertha Berlim vençam seus jogos.

Confira a programação e os palpites:

Terça, 27 de agosto
Freiburg 1 x 1 Bayern de Munique (Veja como foi)

Sábado, 31 de agosto
Borussia M’gladbach 2 x 0 Werder Bremen
Hannover 1 x 1 Mainz (10h30 – ESPN Brasil)
Wolfsburg 2 x 1 Hertha Berlim
Nuremberg 2 x 0 Augsburg
Hamburgo 2 x 1 Braunschweig
Schalke 1 x 1 Bayer Leverkusen

Domingo, 1º de setembro
Stuttgart 1 x 3 Hoffenheim
Eintracht Frankfurt 1 x 1 Borussia Dortmund

Autor: Tags: , , , , ,

quinta-feira, 8 de agosto de 2013 Amistosos, Seleção da Alemanha | 08:53

Seleção é convocada para enfrentar o Paraguai

Compartilhe: Twitter

Joachim Löw, técnico da Alemanha

A seleção da Alemanha está convocada para o amistoso diante do Paraguai, na quarta-feira que vem, dia 14 de agosto, em Kaiserslautern. Sem surpresas, o técnico Joachim Löw chamou a base de Bayern de Munique e Borussia Dortmund para o duelo – são 4 atletas dos Bávaros e 5 dos Amarelos. Talvez Jansen, do Hamburgo, seja o nome que mais tenha surpreendido.

► Clique e confira a agenda de jogos da Alemanha

O Bayern poderia ter mais três jogadores na lista, mas eles não foram chamados. Mario Götze segue em fase final de recuperação de uma lesão muscular, Bastian Schweinsteiger ainda não está no auge da sua forma física, e Toni Kroos foi liberado para acompanhar o nascimento do seu filho.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

E como era esperado, alguns nomes que mandaram muito bem na última temporada foram novamente preteridos pelo treinador, como Stefan Kiessling, atacante do Bayer Leverkusen, e Roman Weidenfeller, goleiro do Borussia Dortmund. Eles mereciam uma chance, hein?

Confira os convocados:

Goleiros: Manuel Neuer (Bayern de Munique) e Rene Adler (Hamburgo)

Defensores: Jerome Boateng (Bayern de Munique), Benedikt Höwedes (Schalke), Mats Hummels (Borussia Dortmund), Marcell Jansen (Hamburgo), Philipp Lahm (Bayern de Munique), Per Mertesacker (Arsenal-ING) e Marcel Schmelzer (Borussia Dortmund)

Meio-campistas: Lars Bender (Bayer Leverkusen), Sven Bender (Borussia Dortmund), Julian Draxler (Schalke), Ilkay Gündogan (Borussia Dortmund), Sami Khedira (Real Madrid-ESP), Mesut Özil (Real Madrid-ESP) e Marco Reus (Borussia Dortmund)

Atacantes: Thomas Müller (Bayern de Munique), Mario Gomez (Fiorentina-ITA), Miroslav Klose (Lazio-ITA), Lukas Podolski (Arsenal-ING) e Andre Schürrle (Chelsea-ING)

Autor: Tags: , , , , , , , , , ,

terça-feira, 30 de abril de 2013 Liga dos Campeões | 17:48

Borussia Dortmund passa sufoco, mas está na final!

Compartilhe: Twitter

O Borussia Dortmund sofreu demais, mas confirmou vaga na grande decisão da Champions League mesmo perdendo por 2 a 0 do Real Madrid nesta terça-feira, no Santiago Bernabéu – 4 a 3 para os alemães no agregado. Os dois tentos dos espanhóis saíram já depois dos 35 minutos do segundo tempo, mas os visitantes conseguiram segurar o placar de forma dramática. Aliás, o resultado tirou a invencibilidade dos Amarelos na competição.

► Curta a página do Blog do Alemão no Facebook

Como era de se esperar, o Real Madrid partiu com tudo para cima do Borussia Dortmund tentando abrir o placar já nos primeiros minutos. Foi uma pressão absurda. E o time espanhol quase conseguiu com Cristiano Ronaldo e Higuaín, mas os atacantes pararam no “paredão” Weidenfeller. Özil também teve a chance de marcar, ficou cara a cara com o goleiro alemão, mas finalizou para fora.

O BVB não conseguia sair nos contra-ataques e antes dos 15 minutos ainda perdeu Mario Götze, que sentiu uma lesão na coxa e teve que ser substituído. Baita perda, até porque Grosskreutz entrou mal no duelo e não tem a mesma qualidade. No 1º tempo, os Amarelos tiveram apenas uma oportunidade de gol, com Lewandowski, que chutou mascado nas mãos de Diego Lopez.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

O segundo tempo começou bem diferente. O Dortmund resolveu jogar bola e passou a controlar mais a partida, criando mais oportunidades. Duas delas claríssimas. Na primeira, Lewandowski recebeu de Reus e mandou a bomba no travessão. Depois, Reus encontrou Gündogan livre na pequena área e o volante, com o gol aberto, sozinho, chutou em cima do goleiro adversário. Incrível o gol perdido.

Diante de tanta pressão, o Borussia Dortmund não conseguiu evitar o gol merengue. Aos 37 minutos, Özil recebeu pela direita e cruzou para Benzema balançar as redes. O Real continuou massacrando, Weindenfeller salvou o Dortmund mais duas vezes, mas não segurou o chute de Sergio Ramos. Aos 43 minutos, o defensor espanhol anotou o segundo gol , incendiando o Bernabéu.

Os minutos finais foram dramáticos e de um tremendo sufoco, bastava só mais um gol para o Real se classificar. O Dortmund, porém, conseguiu segurar o ímpeto dos anfitriões.

O conjunto em si do Dortmund não fez um bom jogo. Mas dá para destacar algumas atuações individuais dos germânicos, como a do zagueirão Hummels. Ele foi simplesmente perfeito no duelo, não perdeu uma bola pelo alto e uma dividida por baixo. Garantiu a classificação. Assim como Weidenfeller. O arqueiro fez alguns milagres, principalmente no 1º tempo.

Piszczek, Subotic e Kuba também tiveram atuações bastante seguras, mandaram bem demais. Já Reus esteve apático no primeiro tempo, mas cresceu muito na etapa final. Enquanto isso, Grosskreutz, Gündogan e Schmelzer pareciam inseguros, não se encontraram dentro de campo. Gündogan até que melhorou no segundo tempo, mas se espera mais dele.

O primeiro alemão já está garantido na final em Wembley, dia 25 de maio. Falta agora o Bayern de Munique confirmar sua classificação nesta quarta-feira, em Barcelona.

Autor: Tags: , , , , , , , ,

terça-feira, 9 de abril de 2013 Liga dos Campeões | 18:10

PQP, milagre em Dortmund!

Compartilhe: Twitter

Antes de mais nada, me perdoem pelo palavrão no título do post. Como bom torcedor do futebol alemão, estou tremendo até agora. Fico imaginando os fãs do Borussia Dortmund lá no Westfalenstadion. Morreu alguém de infarto, não é possível. Virada épica, espetacular, na raça, com o coração no bico da chuteira… dois gols nos acréscimos do segundo tempo. Um verdadeiro milagre e 3 a 2 no placar!

► Curta a página do Blog do Alemão no Facebook

O primeiro tempo foi terrível para o Borussia Dortmund. O time amarelo não conseguia sair jogando, não chegava ao gol adversário e foi presa fácil para marcação espanhola. Foi a pior primeira etapa da equipe alemã na temporada, disparado. Mesmo com uma atuação apática, os comandados de Jurgen Klopp conseguiram buscar o empate depois de saírem atrás do placar, gol de Joaquín, aos 25 minutos.

Aos 40, Götze ganhou a bola no meio de campo e tocou para Reus, que deu uma assistência espetacular de letra para Lewandowski. O polonês recebeu na área, driblou o goleiro com categoria e mandou para as redes.

► Me segue lá no Twitter: @alemao_mario

A segunda etapa parecia que seria diferente, já que Lewandowski teve uma boa chance nos primeiros movimentos, mas o Málaga assustou no minuto seguinte após cabeçada de Joaquín e defesa monumental de Weidenfeller. O Dortmund voltou a ficar preso na marcação e pouco criou até as entradas de Schieber e Sahin, aos 27.

Precisando de mais um gol, o Borussia passou a pressionar e consagrou Caballero. Primeiro, o goleiro do Málaga defendeu com a perna um chute à queima roupa de Reus. Depois, cresceu na frente de Mario Götze e desviou com o pé mais um chute do meia que tinha endereço certo. Aliás, contando o jogo de ida, Götze perdeu uns cinco gols cara a cara.

Aos 36, veio o castigo para o BVB. Julio Baptista recebeu na frente do gol, tirou de Weidenfeller e Eliseu, impedido, deixou os visitantes em vantagem mais uma vez. Fim do sonho amarelo? Nada disso. O melhor ainda estava por vir.

No desespero, Klopp colocou Hummels no lugar de Gündogan e mandou os zagueiros Felipe Santana e Subotic virarem centroavante. A tática deu certo, muito certo. Numa bola levantada na área, o defensor sérvio passou para o brasileiro na pequena área, ele foi travado na hora do chute a a bola sobrou para Reus marcar o gol de empate. Isso aos 46 minutos.

Aos 47, o estádio enlouqueceu. No abafa, Lewandowski cruzou na área, a bola sobrou para Reus, que finalizou cruzado para o meio da pequena área. Felipe Santana precisou de dois chutes para decretar o resultado final e a classificação impressionante do Borussia Dortmund à semifinal. Vale destacar que o zagueiro estava impedido no lance.

Ufa! Agora é esperar o sorteio de sexta-feira.

Autor: Tags: , , , , ,

  1. Primeira
  2. 1
  3. 2
  4. 3
  5. Última